Partilhar

15 sintomas que ajudam a identificar um AVC

Por Sara Viega. Atualizado: 20 janeiro 2017
15 sintomas que ajudam a identificar um AVC

O Acidente Vascular Cerebral (AVC), também conhecido como derrame cerebral, caracteriza-se pela perda de funções neurológicas. Um AVC acontece quando algum dos vasos que leva sangue ao cérebro se rompe ou entope. O que acaba provocando a paralisia dessa região do cérebro.

O derrame pode acontecer de forma leve, tendo sequelas reversíveis ou proporções maiores que podem levar a óbito. Esse déficit é muito complexo, com muitas variações e particularidades. Só um especialista pode avaliar a gravidade de cada caso e o diagnóstico.

Um AVC pode surgir de forma repentina, do dia para a noite, enquanto se dorme, sem sintomas. Entretanto, na maioria dos casos existem alguns sinais que são comuns e quanto antes identificados, mais altas as chances de a pessoa que está sofrendo por isso não chegar às consequências mais graves.

O umCOMO reuniu 15 sintomas que ajudam a identificar um AVC e podem auxiliar na hora de amparar alguém ou a si mesmo.

Também lhe pode interessar: Quais são os sintomas de um AVC
Passos a seguir:
1

Dos sintomas que ajudam a identificar um AVC, um dos principais é a dor de cabeça repentina, principalmente em caso de AVC hemorrágico. A dor costuma ser intensa e surge de repente. Pode evoluir e piorar com o passar dos dias.

2

A assimetria facial também está entre os principais sinais que identificam um AVC. Esse é um dos sintomas que quem está sofrendo o derrame muitas vezes não consegue perceber. Os cantos dos lábios costumam se desviar para baixo de maneira unilateral. Um bom teste é pedir para a pessoa dar um sorriso, se a boca permanecer torta, é um sinal importante. Se a suspeita for com você mesmo, se olhe no espelho.

15 sintomas que ajudam a identificar um AVC - Passo 2
Imagem: minnesotafarm.wordpress.com
3

Sensação de formigamento em algum membro do corpo também pode indicar que tem algo errado com o cérebro. Esse sintoma pode aparecer por algumas horas, desaparecer e depois voltar muito pior. Por isso, quando sentir formigamento, preste atenção também em outros sinais do seu corpo.

4

Atividades simples como segurar um copo ou levantar da cama podem se tornar muito difíceis por uma inexplicável perda de força, o que também é um dos sintomas do AVC.

5

A dificuldade na fala pode aparecer enquanto o AVC acontece. Se você tenta falar com a pessoa e percebe que ela está tentando mas soa como se estivesse com a língua enrolada ou uma voz diferente, esse também é um dos sinais que ajudam a identificar um acidente vascular cerebral.

6

A repentina perda de visão em algum dos olhos, ou visão turva, é um dos sintomas de AVC que pode ser irreversível. Por isso, em qualquer sinal é bom procurar um hospital o quanto antes.

15 sintomas que ajudam a identificar um AVC - Passo 6
7

Por mais que você sinta que tem força seu corpo não responde. A dificuldade de locomoção está entre os principais sinais de um AVC. Uma maneira simples de identificar isso em outra pessoa é pedir que ela te dê um abraço.

8

A confusão mental também pode significar um derrame cerebral. Não lembrar de fatos recentes, não saber onde está, que dia é hoje ou vestir roupas inadequadas são alguns exemplos desse tipo de confusão.

9

Por mais que a perda de força e dificuldade de locomoção já impliquem nisso, preste atenção se o suspeito de AVC tem dificuldade em caminhar. Isso pode implicar desde uma marcha alterada até não sair do lugar.

10

Tontura e desequilíbrio podem ser confundidos com uma crise de labirintite. A sensação de vertigem deve ser observada e se tiver acompanhada de algum dos outros sintomas que identificam o AVC a atenção deve ser redobrada e deve-se então procurar ajuda.

11

Cair sem tropeçar em nada pode parecer besta mas também é um dos sinais. As quedas repentinas mostram que o seu corpo não está respondendo o seu cérebro da maneira exata.

12

Além da dificuldade da fala, a dificuldade em engolir também ajuda a identificar o AVC. A pessoa pode até engolir, mas deve-se prestar atenção no tempo das refeições, se não estão sendo longas demais ou acompanhadas de tosse, sialorréia (babar) e sensação de cansaço no final.

13

Incontinência urinária ou fecal são mais um dos sintomas que ajudam a identificar um AVC. Pode acontecer tanto da pessoa não conseguir controlar a musculatura quanto de não sentir que necessita ir ao banheiro.

14

A perda de sensibilidade é um dos principais sintomas de AVC e pode envolver muitas reações diferentes. Entre eles, não sentir frio ou calor ou não sentir dor em alguma parte do corpo quando se machuca.

15

A sonolência extrema, quem em alguns casos leva à perda de consciência, também pode ajudar a identificar um AVC quando está acompanhada de outros sintomas.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a 15 sintomas que ajudam a identificar um AVC, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Escrever comentário sobre 15 sintomas que ajudam a identificar um AVC

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
A sua avaliação:
Jocenilde Maria dos santos
Tenha a um bom tempo os dedos mínimos uma dormencia, mas tenho sensibilidade neles?o pq disso
Julia Latorre (Editor/a de umCOMO)
Oi, Jocenilde. Temos este artigo sobre 'formigamento nas pontas dos dedos' que pode ser útil para você: https://saude.umcomo.com.br/artigo/formigamento-nas-pontas-dos-dedos-o-que-pode-ser-causas-comuns-28743.html

15 sintomas que ajudam a identificar um AVC
Imagem: minnesotafarm.wordpress.com
1 de 3
15 sintomas que ajudam a identificar um AVC

Voltar ao topo da página