Partilhar

Causas mais frequentes de um eczema

Por Redação umCOMO. Atualizado: 16 janeiro 2017
Causas mais frequentes de um eczema

Sente uma coceira incontrolável em alguma parte do corpo? Então é possível que tenha um eczema, uma condição dermatológica que causa fortes coceiras em zonas concretas, secando a pele e produzindo vermelhidão e irritação. É uma condição muito incômoda que deve ser supervisionada por um especialista para lhe indicar o melhor tratamento a seguir. Além disso, as causas desta condição ocorrer são desconhecidas, embora existam algumas padrões que se repetem e que, por isso poderiam influenciar no aparecimento desta condição. Em umCOMO vamos lhe mostrar as causas mais frequentes de um eczema para o poder prevenir e melhorar a saúde da sua pele.

Também lhe pode interessar: Como tratar eczema no bebê

Causas mais frequentes por zonas

Quando falamos de um eczema estamos falando da pele se descamando e, por isso, a pessoa que sofre dele sente uma intensa coceira na pele que pode chegar a causar vermelhidão, irritação e costras. Existem diferentes tipos de eczema e, em cada um deles, altera-se de uma forma diferente os glóbulos brancos que produzem esta reação imunológica no paciente.

Dependendo da zona em que lhe aparecer esta condição, a causa do eczema pode ser uma ou outra. De seguida vamos lhe explicar para poder tirar suas dúvidas:

Eczema no couro cabeludo e orelhas

Devido a uma reação alérgica a produtos capilares como xampus, tinturas de cabelo, condicionadores, etc.

Eczema no rosto

Outra das causas dos eczemas, neste caso no rosto, pode se dever a uma reação alérgica a produtos faciais como cosméticos, cremes para a acne, cremes para depilação, etc.

Eczema nas pálpebras

Também há muitas pessoas que sofrem desta condição na zona das pálpebras e, esta pode se dever a usar cosméticos que lhe causaram alergia (máscara de cílios, maquiagem, etc), mas também a usar soluções de lentes de contato que possam causar uma reação alérgica, assim como cremes faciais, etc.

Eczema no pescoço

Se lhe aparecer um eczema no pescoço ou nuca pode ser que use colares que lhe estejam causando esta reação alérgica. Também é possível que o uso de maquiagem, perfumes ou loções de barbear piorem a situação, por isso o melhor é não usar nenhum destes produtos.

Eczema nas axilas

É possível que alguns desodorantes ou peças de roupa que usar (sobretudo as que não são transpiráveis) lhe causem reações alérgicas como o aparecimento de eczema.

Eczema nas mãos

Se a zona onde lhe aparecer o eczema for nas mãos, então é possível que use alguns produtos como sabões ou produtos de limpeza que estejam danificando a sua pele.

Eczema nos genitais

Se esta condição lhe aparecer na sua zona íntima, então pode se dever a múltiplos fatores: desde ter uma reação alérgica a um preservativo ou ao uso de algum lubrificante até ser um sintoma de uma DST. Por isso, no umCOMO recomendamos que se lhe aparecer nesta zona, consulte de imediato um médico para o examinar e fazer um diagnóstico adequado.

Causas mais frequentes de um eczema - Causas mais frequentes por zonas

Tipos de eczemas

Deve saber que existem dois tipos de eczemas e que, cada um deles, conta com uma aparência concreta e zonas onde costumam aparecer em maior medida.

Eczema atópico

Descama a pele e aparecem vermelhidões e irritação. Costumam ocorrer nas zonas onde se flexionam as extremidades (atrás dos joelhos, no meio do braço, etc) e aparecem por diversos fatores, mas quase sempre estão relacionados com processos alérgicos, como asma e rinite.

Eczema de contato

Aparecem placas de pele descamada e o motivo do seu aparecimento é pela irritação própria da pele ou pelo uso de substâncias que são tóxicas para o paciente. Podem aparecer pelo uso de alguns cosméticos ou produtos, tal como indicamos no ponto anterior.

Causas mais frequentes de um eczema - Tipos de eczemas

Tratar os eczemas

Agora que já conhece as causas dos eczemas, vamos explicar-lhe as diferentes formas que existem para tratar esta condição, para aliviar a coceira e conseguir melhorar a condição da pele. A primeira coisa que deverá fazer se detetar que tem um eczema é consultar um dermatologista para o examinar e fazer o diagnóstico correto. Além disso, o especialista será o responsável por lhe indicar o melhor tratamento a seguir que, normalmente, inclui a aplicação de um creme com cortisona específica para esta condição.

Dependendo do estado de cada paciente, é possível que o médico lhe recomende outro tipo de soluções e, se o eczema for seborreico, a sua pele melhorará com antifúngicos que se aplicam sobre a pele, como cremes ou géis de limpeza. Se o eczema infetar, o médico também pode lhe recomendar alguns antibióticos que o podem ajudar a combater a infecção e a melhorar a sua saúde.

Além do tratamento farmacológico, será essencial seguir algumas regras de higiene e segurança, como por exemplo evitar o uso de cosméticos na zona (maquiagem perfume, etc), hidratar profundamente a pele a cada 2 horas para reparar os tecidos e evitar o uso de objetos que possam roçar na zona (colares, brincos, anéis, roupa justa, etc).

Neste outro artigo do umCOMO pode ver também como tratar o eczema com remédios naturais, que podem ajudar a aliviar a coceira e a acalmar a irritação.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Causas mais frequentes de um eczema, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Conselhos
  • As manifestações típicas da alergia cutânea são a coceira intensa, a pele seca e a descamação.

Escrever comentário sobre Causas mais frequentes de um eczema

O que lhe pareceu o artigo?

Causas mais frequentes de um eczema
1 de 3
Causas mais frequentes de um eczema

Voltar ao topo da página