Partilhar

Como acelerar o trabalho de parto

Por Paula Cassandra. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como acelerar o trabalho de parto
Imagem: mamaeonline.com.br

Em algumas gestações, o bebê pode demorar um pouco mais para nascer do que o tempo estimado. Embora não existam comprovações científicas, existem algumas formas de acelerar o trabalho de parto. Veja quais são elas com o umComo.com.br.

Também lhe pode interessar: Dicas para acelerar o parto

Formas de estimular o parto

Algumas maneiras são indicadas para acelerar o trabalho de parto, no entanto, não existem estudos científicos que as comprovem. Além disso, é importante lembrar que de modo espontâneo o trabalho de parto pode iniciar a partir das 38 semanas de gravidez, quando o feto já está pronto para o nascimento.

E mais: o bebê pode nascer até às 40 semanas de gestação e, por isso, não é preciso se preocupar se ele está demorando, ainda mais porque pode ter ocorrido algum erro ao calcular o dia que a mãe deveria dar a luz. Vale dizer ainda que mulheres que tiveram qualquer complicação na gestação, como pré-eclâmpsia, de forma alguma devem testar as formas de acelerar o trabalho de parto.

Ter relações sexuais é uma das maneiras de estimular o nascimento do bebê, uma vez que elas colaboram com a produção de prostaglandinas presentes no esperma, que amaciam o colo do útero, tornando-o pronto para o bebê sair. Da mesma forma, é estimulada a produção de ocitocina que, por sua vez, favorece as contrações musculares uterinas.

Porém, esse modo de acelerar o trabalho de parto está vetado quando a bolsa rompe, pois podem ocorrer infecções. O sexo deve ser evitado ainda se a placenta estiver baixa ou ocorrerem sangramentos vaginais. Caminhar ou mesmo faxinar a casa é outra dica, já que andar com passo acelerado por uma hora duas vezes por dia faz com que o feto seja empurrado para baixo.

O balanço do quadril e a gravidade facilitam a ida do bebê em direção à pélvis, pressionando-o sob o útero, o que também estimula uma maior produção de ocitocina. Essa técnica é indicada quando o trabalho de parto iniciar com contrações fracas. Porém, não se deve exagerar, ainda mais se a mulher for limpar a casa, não sendo indicado carregar peso.

Como acelerar o trabalho de parto - Formas de estimular o parto
Imagem: annebebektv.com

Outras dicas para acelerar o trabalho de parto

A acupuntura pode ajudar a estimular o início do trabalho de parto. Entretanto, com esse objetivo a terapia deve ser realizada por um profissional especialista em atender mulheres grávidas, já que as agulhas devem ser aplicadas nas áreas certas para intensificar as contrações uterinas. Mas para chegar a esse ponto pode demorar algumas sessões.

Existem ainda métodos de acelerar o trabalho de parto ao ingerir chás e óleos. No entanto, é importante conversar com o seu médico antes de tentar qualquer uma dessas formas. Nesse sentido, uma dica é beber óleo de prímula, que dilata e afina o colo do útero, facilitando o parto.

Já o chá de folhas de framboesa fortalece o útero, deixando-o pronto para o parto, além de reduzir as dores do nascimento. Comer abacaxi fresco também tonifica o útero, devido à enzima bromelina que a fruta possui. Outra forma natural de estimular a produção de ocitocina é massagear o bico dos seios, como se o bebê mamasse.

Como acelerar o trabalho de parto - Outras dicas para acelerar o trabalho de parto
Imagem: revistacrescer.globo.com

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como acelerar o trabalho de parto, recomendamos que entre na nossa categoria de Saúde Familiar.

Escrever comentário sobre Como acelerar o trabalho de parto

O que lhe pareceu o artigo?

Como acelerar o trabalho de parto
Imagem: mamaeonline.com.br
Imagem: annebebektv.com
Imagem: revistacrescer.globo.com
1 de 3
Como acelerar o trabalho de parto

Voltar ao topo da página