Partilhar
Partilhar em:

Como controlar a taquicardia

Passo a Passo
Avaliação: 4,9 (792 votos)
19 comentários
77 vezes partilhado
 
Como controlar a taquicardia

Imagine que está a correr por um supermercado à procura dos alimentos adequados para a refeição perfeita, ou que talvez esteja a levar as crianças à escola antes de ir trabalhar, quando de repente o seu coração começa a bater mais depressa. O que realmente sente é que o seu coração pode saltar do seu peito. É difícil respirar e sente-se enjoado e ansioso. Talvez tenha medo de estar a ter um ataque cardíaco. Contudo, depois de alguns minutos para recuperar o alento, nota que o seu ritmo cardíaco voltou ao normal. Se isto lhe acontece, pode estar a sofrer de taquicardia. Pode acontecer a qualquer um e, se bem que não é mortal, pode ser desconcertante. Se costuma sofrer de taquicardia, neste artigo ensinamos-lhe como a controlar:

Também lhe pode interessar: Como tratar a taquicardia
Instruções:
1

Estimulação do Nervo Vago: se sofre de taquicardia que começa na parte superior do seu coração, como a taquicardia supraventricular (TSV), tenha em atenção os seguintes conselhos: sustenha a respiração e a tensão, ponha a sua cara em água gelada ou tussa com força. Inspire profundamente ao mesmo tempo que dobra o pescoço para baixo, até ao estômago ou, ainda, faça pressão sobre as suas pálpebras. Se estas técnicas não funcionam, aplique uma ligeira pressão na artéria carótida, colocando os dedos indicador e médio ao lado da laringe (também conhecida por maçã de Adão). Estes exercícios estimulam o nervo vago com o objetivo de refrear os impulsos elétricos que controlam o ritmo cardíaco.

2

Estresse: quando o estresse aumenta, pode sofrer de taquicardia. Adote algumas técnicas de relaxamento, como a respiração profunda ou o ioga. Pode ainda parar um pouco para relaxar e despejar a sua mente. Talvez possa finalmente estirar-se no sofá e ler um livro. Trate de minimizar os problemas na sua vida, ou trate de alterar o seu modo de reagir aos problemas da vida. Isto pode ser muito difícil de fazer sozinho. Por isso, deve dirigir-se a um especialista - psicólogo, instrutor de ioga ou acupuntor - eles podem fazer com que esta transição na luta contra o estresse seja um pouco mais fácil.

3

Exercício: tire algum tempo do seu dia para fortalecer os músculos do coração com o exercício físico. Este vai ajudar a que o coração bombeie mais sangue, o que diminui a frequência cardíaca. Também ajuda a diminuir o nível de estresse. Contudo, para que seja eficaz, deve fazer exercício físico regulamente.

4

Dieta: tal como em qualquer outra dieta saudável, deve controlar a ingestão de certos alimentos. Elimine da sua dieta os hidratos de carbono processados, como o pão branco, cereais refinados e produtos refinados de trigo, batatas, doces, sobremesas e refrescos. Adicione alimentos saudáveis, como os hidratos de carbono complexos com elevado teor de fibra, pão integral e arroz integral, verduras, especialmente cruas, legumes, frutas, exceto banana, e carne. Se é vegetariano, unas três ou quatro rações de legumes por semana vão satisfazer o seu consumo de proteínas.

5

Minerais / Vitaminas: O magnésio promove a regularidade do batimento cardíaco, pelo que deve adicionar mais alimentos ricos em magnésio à sua dieta. Boas opções são os espinafres, amêndoas, pepinos, abacate, lentilhas, cebolas, laranjas, melão, ervilhas, feijão, abóbora e rábano. Se vir que não pode incorporar alimentos suficientemente ricos em magnésio na sua dieta, tome suplementos de magnésio.

6

Cafeína: é possível que seja conhecido como o consumidor excessivo de café do escritório, mas cortar o consumo de café é essencial. Isto inclui café, chá, chocolate e bebidas com cafeína, como refrescos. Tenha em atenção que até as bebidas sem cafeína contêm quantidades pequenas de cafeína. Isto não significa que não possa desfrutar destas bebidas de vez em quando, mas se nota que o seu coração bate com mais força depois da segunda chávena de café, é provável que a cafeína despolete esta reação.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Como controlar a taquicardia, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Conselhos
  • Assegure-se de que recebe um diagnóstico médico adequado de taquicardia antes de tomar estas medidas no seu estilo de vida.
  • Consulte sempre o seu médico antes de adicionar novos suplementos à sua dieta.
  • Lembre-se de pedir regularmente check-ups e análises ao seu médico e cardiologista.
  • Fale com o seu médico antes de mudar drasticamente o seu regime de exercício.
Comentários (19)

Escrever comentário sobre Como controlar a taquicardia

O que lhe pareceu o artigo?
19 comentários
enoque rodrigues lopes
Agradeço pelas informações, pois estou desenvolvendo picos de taquicardia pós estresse.
Muito me ajudou a entende sobre o que fazer e também a orientação para procurara um especialista, foi primordial para mim. OBRIGADO. ABRAÇOS.
Editor umComo.com.br
Oi Enoque! Desejamos rápidas melhoras!
Wine
Estou com os batimentos cardíacos acelerado,fraqueza e desamino as vezes sinto que meu peito está pesado,e os batimentos acelerado são frequentes quase toda hora aparece,não e só 1 ou 2 vezes ao dia e isso vem acontecendo já faz uns 3 dias .. O que pode ser ?
Gigi Monteiro
Ajudou muito ! Obrigada! De vez em quando tenho Taquicardia, faço esses procedimentos e logo melhoro. Obrigada! !!
Maria
Boa noite! Tenho taquicardia à muitos anos, às vezes dá uma pulsada forte e normaliza e outras vezes dispara de uma vez. Fiz eletro, eco, Holter e deu tudo normal, exceto no eletro que deu PR curto. Não sei mais o que fazer pra ter uma vida normal. Faço exercícios, não fumo, não bebo. Tenho uma vida saudável. O que devo fazer?
Sofia
PR curto pode ser sinal da síndrome de Wolff Parkinson White, uma arritmia congênita onde tem uma via acessória anômala no sistema elétrico do coração que faz com que o coração bata errado. Eu tenho ela e vivo tendo episódios de arritmia.
cinara
fui ao cardiologista e ela me falou.que o meu problema é taquicardiaco,o meu sintomas é quando eu estou sentada ou deitada.o meu coração da uma batida forte,que as vezes.me dá falta de ar.mais passa logo,vou fazer uma bateria de exames.
jean
Eu quando corro ou ando muito rápido, meu coração começa a palpitar, já aconteceu de eu correr num dia de chuva, corri 200m e tive que parar pois meu coração palpitava enquanto batia rápido, mas após ele dar uma palpitada, o coração disparou a mais de 200bpm num ritmo frenetico, e se passaram 8 min e ele não voltava ao normal, isso que eu já estava normal, sentado, e do nada ele caiu para os 60bpm. Isso foi em maio de 2014. Faço musculação a 5 anos, só sinto as palpitações quando treino pernas, evito fazer treinos aeróbicos por conta do coração, pois percebi que os problemas aparecem somente quando corro ou algo do tipo. já fui em uma cardiologista, e ela disse que é psicológico. mas eu sei q não é.
Solange
Nao eh psicologico jean pois eu tambem tenho .. Eh horrivel..coracao a 200 bpm e eu sentada..meu cardio diz pra nao me apavorar e fazer algumas manobras pro coracao voltar ao normal...nao eh sempre que eu tenho mas eh apavorante..meu maior medo eh ter que viajar sozinha.. Por conta disso nao consigo mais ser independente ...
fabio
Eu tenho so de pensar em alguma coisa pra resolver ou simplesmente sem fazer nada acho que mentalmente acelera os batimentos, vou tentar seguir as dicas e procurar um médico.
antonio
Vou dar um dica,quando tenho taquicardia,por exagerar na cafeína,faça um chá de casca de laranja,recém descascada ou a casca seca(ainda melhor),já funcionou comigo.
Sara Viega
Olá Geni, ainda bem que conseguimos ajudar :)
geni
acordei 3 horas da manhã com taquicardia ,horrivel fiz o que estava ,orientando,e tomei meu medicamento claro muito boa sua recomendação. pensei que ia morrer.obrigado ,ja estou voltando para cama.

Como controlar a taquicardia
Como controlar a taquicardia