Partilhar

Como é feito o exame da amniocentese

 
Por Paula Cassandra. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como é feito o exame da amniocentese

Os exames pré-natais são muito importantes de serem realizados pelas gestantes porque eles podem ajudar a identificar possíveis problemas na saúde da futura mãe e no bebê. Quando isso acontece, pode ser prescrito um tratamento ou a realização de novos exames, como a amniocentese. Esse procedimento ajuda a comprovar alguns problemas no feto. Para saber como é feito o exame da amniocentese e obter mais dados sobre o tema, veja o que o umComo.com.br reuniu a respeito.

Também lhe pode interessar: Como é feito o exame de toque

O que é o exame de amniocentese

O exame de amniocentese consiste em coletar uma amostra do líquido amniótico de dentro do útero durante a gestação, sendo que a amostra é posteriormente examinada em laboratório. Essa amostra é rica em células do feto, que podem ajudar a tirar algumas dúvidas sobre a saúde do bebê. Esse procedimento pode identificar diferentes problemas, entre eles, os cromossômicos, como a síndrome de Down, malformações congênitas, doenças hereditárias no sangue, a exemplo da hemofilia e da anemia falciforme, bem como fibrose cística.

O exame também consegue verificar se o feto possui alguma infecção e mesmo a incompatibilidade sanguínea, quando a mãe é Rh negativo e o feto tem Rh positivo. Embora não seja o objetivo, a amniocentese também consegue revelar o sexo do bebê. Em geral, o procedimento é indicado pelo médico quando outros exames, como o ultrassom morfológico, indicam problemas, mas não são suficientes para dar certeza a respeito dos mesmos.

Como é feito o exame da amniocentese - O que é o exame de amniocentese

Como funciona o exame

A amniocentese é, na maioria das vezes, realizada a partir das 15 semanas de gestação, quando a sua execução é mais segura. Embora possa ser feita quando a gravidez estiver de 12 semanas, nesse caso, há o risco de aborto e mesmo de desenvolver problemas relativos ao desenvolvimento de um dos membros do feto. Além disso, como o exame consiste em coletar uma amostra de líquido amniótico, é preciso que haja quantidade suficiente dentro do útero.

É feito o exame da amniocentese, portanto, com a gestante deitada, para que o especialista insira uma agulha comprida na sua barriga, a fim de realizar a coleta. Para tanto, o médico faz uso de imagens de ultrassom, que ajudam o profissional a se orientar e identificar um bolsão de líquido amniótico. Em geral, não é preciso fazer anestesia, sendo que a mulher apenas pode sentir um pouco de desconforto durante o exame e cólica e/ou sangramento leve ao final do procedimento.

Já o exame pode levar até 20 minutos. O que mais demora é encontrar o local certo para colocar a agulha, uma vez que depois de colocada demora apenas cinco minutos para retirar o líquido. Após a amniocentese, a mulher deve se manter em repouso nas próximas 24 horas. É razão para preocupação se depois do exame houver contrações, sangramento intenso, febre, saída de líquido pela vagina, calafrios, mal estar, dor nas costas ou na barriga. Nesses casos, é urgente buscar ajuda médica.

Como é feito o exame da amniocentese - Como funciona o exame

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como é feito o exame da amniocentese, recomendamos que entre na nossa categoria de Saúde Familiar.

Escrever comentário sobre Como é feito o exame da amniocentese

O que lhe pareceu o artigo?

Como é feito o exame da amniocentese
1 de 3
Como é feito o exame da amniocentese

Voltar ao topo da página