Partilhar

Como é o tratamento sistêmico da psoríase

Por Redação umCOMO. Atualizado: 20 janeiro 2017
Como é o tratamento sistêmico da psoríase

O tratamento da psoríase deve ser individualizado considerando a extensão da doença, sua forma clínica, localização, circunstâncias pessoais de trabalho e ambiente sociocultural. O sucesso terapêutico exige disciplina por parte do paciente, sabendo que é uma doença crônica, cujo tratamento pode conseguir um controle mas não a cura completa da mesma. A seguir, em umComo vamos lhe explicar como é o tratamento sistemático da psoríase.

Vai precisar de:
Também lhe pode interessar: Como tratar a psoríase
Passos a seguir:
1

Deve ser reservado para as formas extensas, quando mais de 25% da superfície está afetada, e as formas mais graves da doença.

2

Para o tratamento sistêmico da psoríase utiliza-se metotrexato oral, em 3 doses semanais de 2,5-5 mg separadas por intervalos de 12 horas, prestando atenção à hepatotoxicidade. O metotrexato é contra-indicado a pacientes com problemas de sangue ou fígado.

3

Outra alternativa mais cômoda é uma dose única semanal de 10-25 mg por via oral. Os efeitos hepatotóxicos devem ser controlados assim como no caso anterior.

4

Os retinoides por via oral (etretinato) estimulam a diferenciação epitelial. São muito úteis para a psoríase pustulosa. Seu poder teratogênico e seu período de eliminação muito prolongado limitam o uso em mulheres em idade fértil.

5

A ciclosporina A é reservada para formas de psoríase severas refratárias a outros tratamentos. As doses normais são de 2-5 mg/kg/dia, por um a três meses.

6

Como complemento ao tratamento sistêmico da psoríase, poderá utilizar alguns remédios naturais como o aloe vera, o abacate, a camomila, a aveia, água do mar e infusões de ervas. Para saber mais sobre estes tratamentos naturais, entre no nosso artigo e saiba como tratar a psoríase com remédios naturais.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como é o tratamento sistêmico da psoríase, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Conselhos
  • Recomenda-se não engravidar antes de 3 anos do fim do tratamento com retinoides.
  • A ciclosporina A não deve ser administrada por mais de um ano.
  • O tratamento sistêmico da psoríase deve ser indicado e controlado por um médico.

Escrever comentário sobre Como é o tratamento sistêmico da psoríase

O que lhe pareceu o artigo?

Como é o tratamento sistêmico da psoríase
Como é o tratamento sistêmico da psoríase

Voltar ao topo da página