Partilhar

Como enfrentar uma operação

Por Redação umCOMO. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como enfrentar uma operação
Imagem: enfermeriapalomita.blogspot.com

A maior parte das pessoas têm um medo enorme de acabar em uma sala de cirurgia e infelizmente, a maioria de nós terá de passar por uma operação em algum momento de suas vidas. Se você é daquelas pessoas que não quer nem ouvir falar de hospitais ou injeções, se fica aterrorizado e evita a todo custo ir ao médico quando está passando mal, o seguinte artigo ajudará você a superar seus medos e a enfrentar uma operação sem nenhum medo. A seguir, em umComo damos alguns conselhos para enfrentar uma operação com sucesso.

O diagnóstico

No momento em que você vai ao médico por uma dor, uma lesão ou inclusive uma revisão rotineira e lhe diz que tem uma doença que deve ser tratada e operada, parece que seu mundo desmorona e você precisa reestruturar sua vida de novo. Não fique deprimido, isso não valerá de nada, a não ser para deixar você mais preocupado e inclusive piorar sua doença. Tente ser positivo e seguir as indicações do médico, peça-lhe conselho, pergunte sobre a operação, em que vai consistir e como vai abordá-la.

É importante que se informe em que consiste a operação a que vai se submeter, a duração, o tempo que ficará no hospital e o tempo de recuperação. Informar-se sobre o tema ajuda a assimilar como será a cirurgia e a perder o medo na entrada da sala de cirurgia.

Antes da operação

Seguramente você terá de pedir alguns dias de licença no trabalho antes da operação ou avisar a sua universidade ou escola no caso de estar estudando. Lembre-se de ter todos os papéis preparados antes de ir ao hospital, tanto do estudo pré-operatório, que farão alguns dias antes da intervenção, como do cartão do convênio ou seguro, já que sem estes dois não podem operá-lo.

Quando estiver no hospital, tente se tranquilizar , é difícil, mas pode consegui-lo. Porém, possivelmente você tomará um calmante, mas tenha uma atitude positiva. Se você pensa que está preparado para a operação e que tudo vai dar certo, seu corpo estará predisposto a isso e se recuperará mais rapidamente.

Assim que chegar ao hospital medirão e pesarão você se já não o fizeram antes. Caso não o façam e lhe perguntem, confiando que você dirá a verdade, não minta em relação ao seu peso nem a altura. A dose de sua anestesia dependerá disso e se mentir, estará pondo em perigo você mesmo.

Durante a operação

Pouco antes de entrar na sala de cirurgia, se a anestesia aplicada não for geral, mas sim local, perguntarão se você quer estar acordado na operação. Se acha que seu medo é tão grande que não poderia estar acordado porque ficará muito nervoso, diga imediatamente não. Se pelo contrário, seu medo se centra mais no desconhecimento do que ocorre durante a operação ou, como para muita gente, se tem medo de dormir e não voltar a acordar, não hesite em dizer que quer ficar acordado.

Caso seja anestesia geral, o processo é mais incômodo, porque você deve ser entubado, mas não se preocupe, já que é algo que os médicos fazem continuamente e que não põe em risco sua saúde.

Pós-operatório

Quando estiver no quarto acordado e consciente, estará enjoado alguns minutos ou inclusive horas após a operação como resultado da anestesia; siga as indicações das enfermeiras e tente descansar. Em algumas horas chegará o médico e dirá como foi a operação, que felizmente, será bem-sucedida. O pior já passou, embora a recuperação será dura também, mas já não tem nada a temer, está fora de perigo.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como enfrentar uma operação, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Conselhos
  • Pense que a operação é pelo seu bem, porque tem uma doença e com isso você vai se vai curar.
  • Está em você ter ou não medo.
  • Concorde em operar não porque alguém disse que é o correto, mas conscientize-se de que é o melhor para sua saúde.
  • O medo é normal, mas se percebe que ele impede você de procurar um médico quando estiver mal ou para operar de uma doença grave, vá a um psicólogo especialista no tema.

Escrever comentário sobre Como enfrentar uma operação

O que lhe pareceu o artigo?

Como enfrentar uma operação
Imagem: enfermeriapalomita.blogspot.com
Como enfrentar uma operação

Voltar ao topo da página