Partilhar

Como evitar a depressão na gravidez

Por Sara Viega. Atualizado: 27 junho 2018
Como evitar a depressão na gravidez

A gravidez é uma das etapas mais incríveis que uma mulher pode passar, mas sem dúvida é também um enxame de hormonas graças as quais enfrentamos mudanças constantes tanto a nível físico como psicológico. Embora possa parecer estranho durante este período muitas mulheres costumam sentir-se mais tristes e nostálgicas do que o normal, esta situação pode tornar-se num problema, por isso em umComo.com.br damos-lhe algumas chaves para que saiba como evitar a depressão na gravidez.

Também lhe pode interessar: Como combater a depressão

Os sintomas

Devido às constantes mudanças que o corpo sofre não se torna fácil detetar a depressão durante a gravidez, por isso é bom detalhar os sintomas: - Ansiedade excessiva; - Irritabilidade; - Problemas em conciliar o sono ou dormir em excesso inclusive depois do primeiro trimestre; - Apatia geral inclusive perante atividades que anteriormente desfrutava; - Tristeza frequente e pensamentos negativos intensos. Há que saber distinguir entre uma tristeza pontual e passageira de uma depressão, esta última é mais grave e manifesta-se frequentemente ou de forma constante.

Porque é que me sinto triste?

Cerca de 10% das mulheres grávidas sofrem de depressão durante a gestação, uma situação que pode ser devido a diferentes fatores: mudanças hormonais, antecedentes de depressão na família, gravidez não desejada, problemas familiares ou econômicos que geram tensão, medo devido a perdas anteriores ou problemas de saúde durante a gravidez. Além disso, a maior parte das mulheres vê os sintomas agravados durante o terceiro trimestre.

Sugestões para evitar a depressão na gravidez

- Fale com o seu parceiro, família e sobretudo com o seu médico sobre aquelas dúvidas ou medos que possam surgir durante as primeiras fases da gravidez. A comunicação é vital para se sentir melhor e também para superar os seus medos. - Esforce-se por manter uma vida ativa em que abundem os momentos junto ao seu parceiro e às pessoas queridas: saídas, viagens, passeios, momentos que a façam sentir feliz e com a mente ocupada. - Procure relaxar a mente e o corpo, caminhe, faça yôga ou natação, alimente-se bem, encha-se de boas energias para manter a ansiedade longe de si. - Tenha um diário sobre a sua gravidez, onde poderá desabafar as suas emoções e encontrar uma forma poética e criativa de comunicar com o seu bebé. Dentro de alguns anos poderá lê-lo e conhecer melhor a mãe.

Não ignore o problema

Se nota vários dos sintomas em si e se sente que está cada vez mais apática ou negativa não coloque o problema todo nas hormonas deixando-o passar, a depressão durante a gravidez é um problema sério que deve ser tratado, por isso recorra ao seu médico e fale disso com o seu parceiro.

Sugestão: Como se cuidar durante a gravidez

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como evitar a depressão na gravidez, recomendamos que entre na nossa categoria de Saúde Mental.

Escrever comentário sobre Como evitar a depressão na gravidez

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
cintia ramos
Tive depressao pos parto nas munhas duas gravidez, sendo que a segunda foi muiti grave. Agora acho que estou gravida novamente e gostaria de saber o que posso fazer durante a gravidez para amenizar esse problema !

Como evitar a depressão na gravidez
Como evitar a depressão na gravidez

Voltar ao topo da página