Partilhar

Como falar com pacientes com demência

Por Redação umCOMO. Atualizado: 20 janeiro 2017
Como falar com pacientes com demência

Muitos idosos sofrem de demência. Os sintomas da demência incluem muitas vezes o esquecimento, dificuldade para comunicar e confusão sobre os acontecimentos, lugares e pessoas. Os pacientes com demência podem esquecer-se de tarefas básicas, como escovar os dentes, e podem sofrer mudanças significativas no estado de ânimo. A demência pode ser tão frustrante para o paciente como para quem cuida dele. Comunicar com um paciente com demência não é uma tarefa fácil, mas certas estratégias de comunicação podem aumentar a eficácia e reduzir o estresse para os dois.

Também lhe pode interessar: Como lidar com idosos com demência
Passos a seguir:
1

Minimize as distrações antes de falar com um paciente com demência. As distrações podem incluir a televisão, um cachorro latindo ou inclusive uma janela aberta em uma rua barulhenta. À medida que o cérebro envelhece, as habilidades para focar a atenção e processar a informação diminuem. A eliminação das distrações facilita que o paciente preste atenção no que estão dizendo.

2

Repita o presente. Antes de explicar para a vó Maria que a levam para a consulta do médico, identifique-se como sua neta e explique sua posição atual. Dê tempo para que entenda os conceitos antes de continuar explicando que o médico vai ajudá-la com seu quadril dolorido.

3

Use frases curtas e concisas falando em um tom tranquilo e amável. Leia a linguagem corporal do paciente para confirmar seu entendimento antes de continuar falando. Inclusive se o paciente não pode entender o que está dizendo, escutar seu tom de raiva ou frustração pode ser muito estressante e incômodo.

4

Repita sua pergunta ou afirmação ou os nomes das pessoas envolvidas, mas de uma forma diferente. Por exemplo, ao invés de dizer "Você e eu vamos encontrar com seu irmão na loja, e depois voltaremos para casa no carro dele." Diga, "Você e [seu nome] vão encontrar com seu irmão Jorge na loja. Depois de sair da loja, seu irmão Jorge vai levar você para casa."

5

Faça perguntas de uma forma que permita ao paciente responder "sim" ou "não". Se existem várias partes de uma pergunta, divida em partes menores e faça ao paciente uma pergunta de cada vez.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como falar com pacientes com demência, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Conselhos
  • Fomente a comunicação eficiente entre o paciente e sua família direta, proporcionando conselhos úteis.
  • Pacientes idosos com demência podem se sentir impotentes e rancorosos pela sua condição. Evite que o paciente se sinta tonto. Trate sempre o paciente com o maior respeito e dignidade.
  • O médico pode lhe aconselhar sobre a melhor forma de se comunicar com um idoso com demência. Um fonoaudiólogo também lhe pode ajudar.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?

Como falar com pacientes com demência
Como falar com pacientes com demência

Voltar ao topo da página