Partilhar

Como fazer a dieta flexitariana

Por Redação umCOMO. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como fazer a dieta flexitariana

Quer usufruir dos benefícios da dieta vegetariana mas de um modo mais flexível? Então tem que experimentar a dieta flexitariana, um tipo de alimentação que vem dos Estados Unidos devido ao livro publicado pela nutricionista Jackson Blatner em 2009. O termo "flexitariano" procede da combinação das palavras flexível e vegetariano e consiste em aplicar em sua dieta as práticas básicas da dieta vegetariana, mas dando a você alguma licença durante a semana para puder comer alguma carne ou peixe. Neste artigo de umComo contamos a você como fazer a dieta flexitariana para que descubra a dieta da moda.

Também lhe pode interessar: Como fazer a dieta da babosa

A dieta flexitariana

A regra básica da alimentação flexitariana ou semi-vegetariana consiste em que se consegue usufruir de uma vida saudável ao aproveitar os benefícios da dieta vegetariana, mas sem sofrer as carências que podem vir desta forma de alimentação (falta de proteínas, queda na vitamina B12, etc.)

Usufruir de uma dieta baseada em frutas e verduras (como é a dos vegetarianos) faz com que o seu corpo esteja perfeitamente nutrido e, também, mantenha um peso mais controlado já que as gorduras de origem animal não existem neste plano alimentar; no entanto, existem alguns riscos para a saúde se não se souber fazer esta dieta de forma correta.

Para resolver este problema surgiu a dieta flexitariana que consiste, essencialmente, em seguir uma dieta vegetariana, mas com a possibilidade de introduzir semanalmente uma peça de carne ou peixe. Pode optar por introduzir carnes magras (como frango ou coelho, por exemplo) misturadas com vegetais ainda que, se preferir, pode optar por proteínas vegetais como o tofu e o glúten. Esta alimentação permite a você uma verdadeira flexibilidade, daí o seu nome.

Como fazer a dieta flexitariana - A dieta flexitariana

Regras da dieta flexitariana

O conceito básico desta alimentação não consiste em eliminar nenhum produto de sua dieta, trata-se sim de diminuir a ingestão do grupo de alimentos que procede dos animais. Ao contrário da dieta vegana, nesta é possível ingerir alimentos procedentes de animais como seriam os laticínios ou os ovos ainda que, se preferir, pode optar por lácteos vegetais como os de soja ou frutos secos.

Diariamente, deve incluir em seu cardápio estes 5 grupos alimentares para usufruir de uma vida saudável:

  • "Nova carne": este é o termo com que se designam todos aqueles alimentos ricos em proteínas e que não procedem de animais (como o tofu, as lentilhas, os ovos, etc.)
  • Frutas e verduras: são o pilar desta dieta, por isso devem fazer parte todos os dias de sua alimentação tentando incluí-las na maior quantidade de refeições do dia.
  • Laticínios: podem ser de origem animal ou vegetal, mas têm que estar incluídos em sua alimentação para se beneficiar de suas vitaminas.
  • Carboidratos integrais: para ter uma alimentação saudável é imprescindível eliminar os produtos refinados e optar por consumir os que estão elaborados com farinha integral para aumentar a quantidade de fibra em seu corpo.
  • Açúcares naturais: não podem faltar em sua dieta alimentos como o mel, a stevia ou o xarope de agave, já que contêm açúcar, além de nutrientes muito favoráveis para o nosso organismo.

A carne ou o peixe poderão ser ingeridos 1 dia por semana para poder seguir a dieta flexitariana e, além disso, esta carne tem que ser de qualidade. O que mais se recomenda é que seja de origem ecológica para, assim, contribuir para o respeito pelos animais, além de você se beneficiar de produtos com maior valor nutricional.

Também não deve deixar de lado os nutrientes essenciais para um correto funcionamento do corpo: o ferro, o ômega 3 e a vitamina B12; esta última pode ser consumida como suplemento, já que de forma natural se encontra, principalmente, em ingredientes de origem animal.

Como fazer a dieta flexitariana - Regras da dieta flexitariana

Conselhos para começar a dieta flexitariana

Fazer uma mudança em seus hábitos alimentares pode ser um pouco complicado e difícil de seguir. A primeira coisa que em umComo aconselhamos a você é que, se quer começar com a dieta flexitariana, comece reduzindo a carne de forma progressiva em seu cardápio. Não é recomendável que faça uma mudança muito drástica e repentina, já que sua saúde pode sair prejudicada.

O melhor é que comece a deixar de comer carne 3 ou 4 dias seguidos e veja como se sente; aos poucos, vá integrando mais alimentos vegetais e verá como consegue reduzir o consumo de proteína animal sem quase se dar conta. Neste artigo de umComo revelamos a você os alimentos permitidos na dieta vegetariana para que tenha uma ideia de tudo o que poderá comer a partir de agora.

Também é importante que comece a pensar em diferentes receitas vegetarianas que sejam do seu agrado e que sejam variadas, desta forma, não se cansará de comer e poderá continuar usufruindo do prazer da comida. Existe uma grande quantidade de pratos que pode preparar como, por exemplo, uma salada de macarrão, lasanha de verduras, hambúrgueres de espinafre, etc. Procure este tipo de receitas e planeje um menu variado e delicioso.

Se gosta de sanduíches poderá continuar usufruindo deles, mas de um modo diferente. Os vegetarianos podem comer laticínios e ovos, por isso os sanduíches de queijo ou de omelete podem ser uma perfeita opção. Para deixá-los mais saborosos pode optar por adicionar diferentes vegetais (rúcula, pepino, alface, cebola, etc.), frutos secos e frutas da estação.

Como fazer a dieta flexitariana - Conselhos para começar a dieta flexitariana

Benefícios da alimentação flexitariana

Comer segundo as regras que acabamos de explicar a você tem uma série de benefícios para sua saúde e para o planeta, como as que listamos a você a seguir:

  • Prevenir doenças: uma dieta rica em vegetais e frutas faz com que consiga ter um corpo em ótimas condições e estar prevenido perante condições como o colesterol mas, também, ajuda a prevenir doenças cardiovasculares e a regular a pressão.
  • Dieta equilibrada: ao introduzir semanalmente uma peça de origem animal conseguimos ter a quantidade necessária de cálcio, ferro e proteínas. Além disso, com a ingestão abundante de vegetais, dispomos de grandes níveis de antioxidantes, fibras e gorduras saudáveis.
  • Perda de peso: é um dos maiores benefícios deste tipo de alimentação já que aposta por um menu nutritivo e com poucas gorduras onde o ingrediente principal são os vegetais.
  • Respeito pelo meio ambiente: criar animais requer o uso de mais recursos ambientais que os que precisam o cultivo de plantas e hortaliças. Portanto, comendo mais vegetais conseguimos evitar a poluição.
Como fazer a dieta flexitariana - Benefícios da alimentação flexitariana

Menu na dieta flexitariana

A seguir, vamos propor um exemplo de menu que pode seguir para poder usufruir de uma alimentação semi-vegetariana e aproveitar, assim, os benefícios que acabamos de explicar a você.

Café da manhã

  • Opção 1: Cereais integrais com frutas da estação + Chá
  • Opção 2: Torradas integrais com geleia + Café com leite

Lanche da manhã

  • Opção 1: Salada de frutas
  • Opção 2: Sanduíche de queijo fresco com tomate e alface

Lanche da manhã

  • Opção 1: Salada verde + Lentilhas com verduras
  • Opção 2: Purê de verduras + Hambúrguer vegetariano com batatas ao forno

Lanche da tarde

  • Opção 1: Iogurte desnatado com aveia
  • Opção 2: Fruta da época

Janta

  • Opção 1: Espinafre fervido + Omelete de queijo
  • Opção 2: Guacamole + Almôndegas de soja com verduras

Não se esqueça que deve incorporar 1 vez por semana um produto de origem animal (carne ou peixe) e que seja de alta qualidade para, assim, aproveitar os benefícios da dieta flexitariana.

Como fazer a dieta flexitariana - Menu na dieta flexitariana

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como fazer a dieta flexitariana, recomendamos que entre na nossa categoria de Vida Saudável.

Escrever comentário sobre Como fazer a dieta flexitariana

O que lhe pareceu o artigo?

Como fazer a dieta flexitariana
1 de 6
Como fazer a dieta flexitariana

Voltar ao topo da página