Partilhar

Como fazer crioterapia

Por Paula Cassandra. Atualizado: 12 junho 2020
Como fazer crioterapia
Imagem: fisioterapia.com

A crioterapia é um tratamento que utiliza as baixas temperaturas para alcançar as suas metas. Se você está interessado em saber mais sobre o tema, o umComo.com.br vai contar mais sobre o assunto e explicar como fazer crioterapia.

Como funciona a crioterapia

Crioterapia é o nome dado ao método em que se usam temperaturas extremamente baixas para tratar a pele, podendo ter tanto fins terapêuticos quanto estéticos. A técnica também recebe o nome de neve carbônica. O tratamento que faz uso do frio pode ser aplicado por meio de sondas, sprays ou bandagens frias na pele, conforme o seu objetivo. Já a substância que entra em contato com a pele é o nitrogênio liquido ou o gelo seco, os quais podem atingir os 196° negativos.

Existem ainda métodos mais simples para fazer crioterapia, que consistem na aplicação de gel, creme ou spray sobre a pele. Quando o tratamento é de uso tópico, os produtos costuma conter ingredientes como mentol ou cânfora.

Essas substâncias provocam um leve resfriamento da pele e geralmente são usadas em tratamentos estéticos. Quando a crioterapia utiliza gelo seco ou nitrogênio líquido é, normalmente, para aplicar o criopeeling.

O tratamento é executado no rosto, com o objetivo de renovar a superfície da pele. Para tanto, é feita uma aplicação extensa com spray. Se o tratamento tem finalidade terapêutica, a aplicação pode ocorrer em diferentes regiões, de acordo com a necessidade.

Além disso, quando se trata de lesões malignas é preciso que o congelamento seja mais profundo e não ultrapasse o tempo de dois minutos. Enquanto isso, para tratar lesões benignas bastam poucos segundos.

De qualquer forma, a crioterapia é mais indicada para tumores não muito agressivos, uma vez que, por não se tratar de cirurgia, é inviável analisar o material a fim de identificar se a lesão foi curada.

Como fazer crioterapia - Como funciona a crioterapia
Imagem: trucosparaadelgazarrapido.com

Indicações e duração do tratamento

Quanto à duração do tratamento, varia muito conforme as suas metas. Para questões terapêuticas é preciso que um dermatologista prescreva o melhor tratamento para o paciente, considerando número de sessões e intervalos entre elas.

Quando a crioterapia serve para fins estéticos, normalmente, o tratamento consiste em até três sessões por semana. Em geral, são realizadas 10 sessões no total, as quais possuem duração de 30 minutos. É possível que mais sessões sejam necessárias, ao longo do tempo, a fim de manter os resultados obtidos. Ao ser usado com objetivos estéticos, o tratamento de crioterapia é indicado para quem deseja revigorar a pele.

O uso de frio pode ainda diminuir a celulite e a gordura localizada, bem como remover manchas da pele, tanto claras quanto escuras. Para esses casos, além de creme e outros, existe a chamada criolipólise. O método conta com um aparelho que se acopla à região do corpo onde se quer destruir as células de gordura. Para tanto, ocorre um intenso resfriamento, uma vez que as células adiposas são menos resistentes ao frio.

Já o uso terapêutico da crioterapia serve para tratar verrugas, alguns casos de vitiligo e de câncer, tumores benignos, lesões pré-cancerosas ou infecciosas, bem como acne e outros problemas associados à pele.

Como fazer crioterapia - Indicações e duração do tratamento
Imagem: blogmustsee.com.br

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como fazer crioterapia, recomendamos que entre na nossa categoria de Saúde Familiar.

Escrever comentário sobre Como fazer crioterapia

O que lhe pareceu o artigo?

Como fazer crioterapia
Imagem: fisioterapia.com
Imagem: trucosparaadelgazarrapido.com
Imagem: blogmustsee.com.br
1 de 3
Como fazer crioterapia

Voltar ao topo da página