Partilhar

Como identificar câncer de pele

Por Paula Cassandra. Atualizado: 5 outubro 2017
Como identificar câncer de pele

O câncer de pele é uma doença relativamente comum no Brasil, onde a exposição solar sem os cuidados necessários é um dos principais responsáveis. Além disso, as manchas que surgem na pele são as principais maneiras de como identificar câncer de pele. Para obter mais informações a respeito do assunto, veja o que o umComo.com.br reuniu sobre o tema.

Também lhe pode interessar: Como se manifesta o câncer de pele
Passos a seguir:
1

Para identificar câncer de pele, especialistas afirmam que existem alguns alertas aos quais as pessoas devem estar bem atentas. Entre eles, quando aparecem na pele manchas com mais de 0,5 centímetros e que tenha coloração que varia ao longo da sua superfície, ou seja, a mancha não possui uma cor homogênea, mas sim, de diferentes tons, como preto e marrom, que são as mais comuns. No entanto, a mancha pode ter ainda partes de cor branca, vermelha e mesmo azul. Outro sinal que pode indicar câncer de pele é quando as manchas possuem formatos irregulares, como dentadas ou chanfradas e com sulcos.

Como identificar câncer de pele - Passo 1
2

No entanto, antes de se preocupar é importante consultar um especialista, pois só ele poderá dizer se realmente as manchas indicam câncer de pele. Também é fundamental buscar o médico o quanto antes, uma vez que tratamentos que iniciam prematuramente possuem mais chances de obterem sucesso. Além dos sinais citados, é necessário dizer que quanto maior o número de manchas encontradas na pele, maior pode ser a suspeita da doença. Por outro lado, nem todas as manchas que indicam tumores malignos seguem as regras acima e, mais uma vez, em caso de dúvida o melhor é marcar uma consulta.

3

Além das manchas que aparecem na pele, pode sugerir lesões rosadas, pintas pretas ou marrons, bem como feridas que aumentam de dimensões, mudam de cor ou de textura e que possuem bordas irregulares. Se essa lesão, pinta ou ferida também coça, sangra e não parece melhorar depois de um mês que surgiu é de extrema necessidade buscar ajuda especializada. O mesmo deve ser feito se essa ferida não cicatriza ou se formam crostas e erosões sobre ela.

Dica: Acesse também esse artigo para saber como tratar ceratose actínica com remédios caseiros.

4

O dermatologista, para certificar-se do problema pode realizar diferentes exames, um deles é com o dermatoscópio, que permite ampliar a mancha em até 10 vezes. Há também o dermatoscópio digital, com o qual é possível ampliar a lesão ainda mais. Já a microscopia confocal tem o objetivo de fazer imagens tridimensionais da região onde estão as lesões, a fim de evitar uma biópsia desnecessária.

5

Também é importante que as pessoas conheçam os grupos de riscos para o câncer de pele. Dessa forma, quem está mais suscetível a desenvolver o problema são indivíduos que já tiveram câncer de pele antes, que possuem histórico familiar da doença, que se expõem de maneira prolongada e/ou inadequada aos raios solares, que passaram por queimaduras de sol quando eram crianças ou adolescentes, que tenham pele e olhos claros e que estejam com o sistema imunológico em baixa.

Como identificar câncer de pele - Passo 5
6

No entanto, não é apenas a exposição ao sol que causa a doença. Dessa forma, outros fatores de risco para o câncer de pele é a proximidade frequente com produtos químicos, inclusive, com alcatrão, parafina, arsênico e carvão, entre outros, além de doenças genéticas, incluindo o xeroderma pigmentoso e o HPV. Portanto, para evitar a doença é preciso se expor ao sol apenas de forma adequada e nos horários seguros, bem como usar os equipamentos de proteção individual em ambientes com produtos químicos.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como identificar câncer de pele, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Escrever comentário sobre Como identificar câncer de pele

O que lhe pareceu o artigo?

Como identificar câncer de pele
1 de 3
Como identificar câncer de pele

Voltar ao topo da página