Partilhar

Como identificar o transtorno de personalidade passivo-agressiva

Como identificar o transtorno de personalidade passivo-agressiva

O transtorno de personalidade passivo-agressiva caracteriza-se pela associação da passividade com a agressividade e vice-versa. Manifesta-se através da apatia e desinteresse generalizados, com ausência quase completa de estímulos e incentivos, trazendo também uma certa rejeição às normas estabelecidas, pouca força de vontade, ausência do sentido do dever e escassa capacidade de organização, tudo isso faz que este tipo de pessoas não realize (ou faça errado) qualquer tarefa solicitada.

É um transtorno pouco falado na nossa sociedade mas bem mais comum do que pensamos. Muitas pessoas sofrem dele sem saber e sem estar diagnosticados. Nós mesmos, podemos ter características de pessoas passivo-agressivas? Conhece pessoas à sua volta que podem sofrer deste transtorno? Em umComo.com.br orientamos você para saber como identificar o transtorno de personalidade passivo-agressiva.

Passos a seguir:
1

No trabalho costumam ser pessoas pouco eficientes, deixando suas obrigações para outro momento, perdendo tempo, esquecendo-se das tarefas, se distraindo e se comportando sem responsabilidade. Algumas vezes, as pessoas com transtorno de personalidade passivo-agressiva fazem as coisas erradas de propósito para que não lhe peçam de novo para fazer o que não gostam, ou o que acham que não tem nada a ver com eles.

2

Quem sofre do transtorno passivo-agressivo recusa-se a qualquer nova atividade ou responsabilidade, ou a saboteia até se livrar dela. Também não colabora em grupo encontrando sempre problemas nas propostas dos outros. Chama seus chefes/professores e/ou colegas de incompetentes, injustos, autoritários e desconsiderados.

Tenta culpar os outros pelas suas falhas e erros, criticando e acusando de forma deliberada.

3

A pessoa passivo-agressiva com frequência sente-se discriminada pensando que os outros são sempre tratados melhor do que ele, provocando sentimentos de hostilidade, inveja, rancor e ressentimento. As comparações e os sentimentos negativos fazem ele criticar sempre os outros, se mostrando cético, cínico e sarcástico.

4

Costuma discutir, criando conflitos, comportando-se com agressividade verbal mas sem chegar nunca à agressão física. Expressa de forma impulsiva suas emoções, com explosões descontroladas de raiva que podem ser seguidas por ira e choro.

5

Quem sofre de transtorno de personalidade passivo-agressiva tem reações de raiva por causa de sua agressividade contida que sai à tona quando alguém recrimina seu comportamento. Normalmente essas reações vem acompanhadas (ou talvez em um momento posterior) por sentimentos de culpa.

6

Caracterizam-se também por ter atitudes arrogantes, ameaçadoras e desafiantes, mas no fundo são pessoas inseguras, com baixa autoestima e com grande necessidade de auto-afirmação.

7

Quem sofrede transtorno de personalidade passivo-agressiva costuma se sentir infeliz consigo mesmo e considera que as pessoas à sua volta não o valorizam, sentindo-se incompreendido. São pessoas pessimistas, com irritabilidade e agressividade que se alternam com quedas no estado de ânimo em contextos de tensão e instabilidade emocional.

8

Dependem excessivamente de outras pessoas, ainda que não considerem muito os conselhos e opiniões que os outros possam dar. Discutem com frequência, mas tentam não romper as relações com as pessoas que conhecem. Quando percebem que forçaram muito a situação, fazem de tudo para acalmar a outra pessoa. Prometem que não acontecerá de novo e fazem de tudo para conseguir ser perdoadas e que as pessoas não terminem com elas de vez. Por isso, seus relacionamentos são bem mais duradouros do que possa parecer de fora.

9

Costumam se mostrar impacientes e com baixa tolerância à frustração, alterando-se com facilidade. São suscetíveis e interpretam que as outras pessoas estão provocando, reagindo de forma agressiva. São imprevisíveis.

10

As pessoas passivo-agressivas sempre estão insatisfeitas, vivendo de forma constante em um estado de intranquilidade e agitação interior. Mostram que não estão contentes reclamando por tudo, acabando com a paciência dos outros e reforçando assim seu sentimento de amargura e incompreensão. Com frequência reclamam do azar e de que sua vida inteira é um fracasso, pensando que não vale a pena se esforçar por nada.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como identificar o transtorno de personalidade passivo-agressiva, recomendamos que entre na nossa categoria de Saúde Mental.

Escrever comentário sobre Como identificar o transtorno de personalidade passivo-agressiva

O que lhe pareceu o artigo?
5 comentários
A sua avaliação:
Douglas
Um belo artigo que está muito além de sua capacidade. Meus parabéns!
As gurias da psicolorgia são muito inteligentes.
Redação umCOMO (Editor/a de umCOMO)
Oi Douglas! Muito obrigada pelo seu comentário e continue acompanhando a nossa página!
joséluiz
Gostei muito do conteudo, excelente e aconselho à todos lerem com atenção, pois faz parte do dia a dia. Um grande abraço
Redação umCOMO (Editor/a de umCOMO)
Oi joséluiz, que bom saber que você gostou! Muito obrigada pelo seu comentário e continue nos acompanhando ;)
Regina
Muito bom. Me ajudou a identificar o transtorno em uma pessoa. Artigo direto e simples. Obrigada
Redação umCOMO (Editor/a de umCOMO)
Olá Regina, ficamos contentes por termos conseguido ajudar :) Continue a acompanhar-nos!
Ana Karina Luna
Tenho lido bastante em inglês sobre esse distúrbio e 80% esse artigo não bate com o que li em inglês. O passivo-agressivo não MOSTRA a agressividade. E esse é o problema todo e maior desse distúrbio, e por isso é chamado de PASSIVO-AGRESSIVO. As descrições acima parecem sugerir que a pessoa passiva-agressiva reage mostrando sua agressividade (pelo que entendi), o que não é verdade no passivo-agressivo. Eles tendem a ser até pessoas consideradas "calmas e de temperamento bom" porque escondem completamente sua agressividade mas que é comunicada de forma passiva (esquecimentos, não fazendo o que se pede, finge que não entende, etc). O chamado "sonso".
Rosa
Ana Karina ,Você está certa. leu um texto correto sobre isso, mas não o q aqui se escreveu/ou traduziram . A pessoa q age desse modo parece boazinha ,calma e atenciosa. É preciso saber q o comportamento pressupõe a agressão escondida ou,visível, mas só para quem a sofre ou conhece o assunto por leituras ou terapias e encontra a explicação por sentir e vivenciar toda a agressividade embutida e explicita, para quem compreende esse comportamento nocivo, destruidor, detonador de relacionamentos afetivos. É algo grave e muito comum. namorar ou casar com alguem assim é mau prognóstico. Leia Walter riso.amores altamente perigosos .a descrição é exata sobre os males desse comportamento passivos agressivo.há livros e extensas paginas escritas em inglês q vão ao amago-aterrorizante- da conduta.acaba qualquer amor.
Jhony
Ana,nao pesquisei muito sobre esse transtorno,mas se observarmos o passivo-agressivo pode sera aquele que fica acumulando as raivas,etc e quando chega um dado momento explode.
MARIA
TEM TRATAMENTO P/ESSE CASO? TRANSTORNO-PASSIVO-AGRESSIVO, Acredito ter um jovem sofrendo com isso.

Como identificar o transtorno de personalidade passivo-agressiva
Como identificar o transtorno de personalidade passivo-agressiva

Voltar ao topo da página