Partilhar

Como identificar pintas malignas

Por Sara Viega. Atualizado: 20 janeiro 2017
Como identificar pintas malignas

Há quem considere que as pintas são sensuais e há quem se envergonha de suas pintas. Há pintas sexy, pintas famosas, pintas com formas engraçadas e também há pintas malignas. O que são as pintas? São o resultado de um conjunto de células - melanócitos - responsáveis por dar cor à pele- que crescem agrupadas e formam uma mancha.

As pintas podem ser benignas e inclusive se pode nascer com pintas; no entanto, também podem ser portadoras do câncer de pele, por isso é preciso reconhecer a forma, cor, tamanho e qualquer outra mudança que possa representar um sinal de alerta. Se quer saber como identificar pintas malignas, leia com atenção as características e conselhos que oferecemos a você neste artigo de umComo.

Também lhe pode interessar: Como saber se uma pinta é benigna
Passos a seguir:
1

Para identificar pintas malignas primeiro é necessário saber como são as pintas benignas. As pintas que não representam nenhum tipo de alerta são de tonalidade marrom, podem ser planas ou em relevo e se caracterizam principalmente por sua forma ovalada e com bordas uniformes. Essas pintas são simétricas, podem ter até duas cores e medem menos de seis milímetros.

2

Para aprender a identificar pintas malignas é necessário ter em conta os seguintes aspectos: forma, tamanho, bordas e cor. Inclusive quando uma pinta é benigna ou de nascimento há que estar atento para que não apresente alguma modificação em sua aparência que represente alguma mudança considerável destes quatro elementos que temos que vigiar nas pintas.

Como identificar pintas malignas - Passo 2
3

Para identificar pintas malignas temos que estar atentos à forma da pinta. Em geral uma pinta maligna é de forma assimétrica, isto é, não é redonda e também não é ovalada. Isto pode ser identificado facilmente comparando as duas metades de uma pinta: no caso benigno deveriam ser iguais, no caso maligno são desiguais.

4

Analisar as bordas de uma pinta permite-nos identificar pintas malignas. Um sinal de alerta é a presença de bordas irregulares, aquelas que dificultam a tarefa de definir onde começa e termina a pinta. A borda da pinta não deve ser confundida com a assimetria da forma, ambos fatores devem ser analisados separadamente.

5

Temos que estar atentos à cor ou mudanças na tonalidade da pinta para identificar pintas malignas. Quando uma pinta não é benigna apresenta várias cores, em geral mais de duas, e estes são mais evidentes no ponto central da pinta. Um exemplo pode ser que uma pinta apresente as cores preto, vermelho e marrom.

Como identificar pintas malignas - Passo 5
6

Outra característica a observar para identificar pintas malignas é o tamanho. Estima-se que as pintas malignas superam os seis milímetros de diâmetro ou aumentam de tamanho com o passar do tempo. Uma pinta que meça mais de um centímetro deve ser analisada por um especialista. Uma pinta maligna também pode crescer mais em uma metade que em outra.

7

As pintas malignas podem apresentar sintomas como coceira, inflamação, dor, sangramento ou úlceras. Também deve estar estado atento perante uma pinta nova que apareça de maneira imprevista e cuja tonalidade seja muito escura ou de cor negra.

8

Se existem antecedentes de câncer de pele na família, é necessário visitar duas vezes ao ano o dermatologista para realizar um escaneamento completo da pele e inspecionar todos as pintas do corpo para poder identificar pintas malignas a tempo. Do mesmo modo, se tem uma pinta que cumpre com algumas das características mencionadas anteriormente, é necessário agendar uma consulta com um especialista para analisar ou retirar a pinta.

Como identificar pintas malignas - Passo 8

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como identificar pintas malignas, recomendamos que entre na nossa categoria de Saúde Familiar.

Escrever comentário sobre Como identificar pintas malignas

O que lhe pareceu o artigo?
3 comentários
A sua avaliação:
Dircinea Gomes Machado
Boa tarde,eu tenho várias pintas uns já estão pretas e outras eram vermelhas e agora estão ficando escuras e maiores. Consultei com um clínico e ele faltou que é falta de protetor solar mais eu uso e continua escuras o que devo fazer.Obrigado pela atenção
cleia
a pouco mais de 2 semanas aparece em me braço uma pinta cocei e arranquei um pedacinho e agora ela esta bem maior que no inicio, ela tem uma cor esbranquiçada e forma regular, parece uma verruga.
mariahelena de lacerda
de repente apareceram nomeu rosto 2pintas pequenas e vermelhas parecendo picadas de pernilongo.Mas, ficaram, não coçaram , não doeram ,mas também não saem: uma na testa e outra perto do nariz

Como identificar pintas malignas
1 de 4
Como identificar pintas malignas

Voltar ao topo da página