menu
Partilhar

Como lidar com o alcoolismo na família

Por Paula Cassandra. Atualizado: 20 abril 2021
Como lidar com o alcoolismo na família

Levantamentos apontam que existem mais de 4 milhões de pessoas alcoólatras no Brasil. Isso significa que a doença está presente em muitos lares e para saber como lidar com o alcoolismo na família o umComo.com.br separou alguns concelhos que vão ajudar na superação desse problema.

Também lhe pode interessar: Quais são as complicações do alcoolismo

Alcoolismo na família

O vício por bebidas alcoólicas afeta famílias de todas as classes sociais e indivíduos de qualquer gênero e idade. Já que ingerir álcool é um costume em muitos núcleos familiares e, inclusive, em momentos sociais, é possível desenvolver a dependência alcoólica.

Por isso, é fundamental que as pessoas saibam como lidar com o alcoolismo na família, mesmo que isso seja uma situação pela qual ninguém queira passar e, muitas vezes, demora-se a perceber que um ente querido enfrenta o vício. Como o hábito de beber álcool no Brasil está crescendo pode haver dificuldade em identificar o comportamento dependente.

No entanto, assim como funciona com outros tipos de vícios, o alcoolismo é detectado quando começa a prejudicar a vida do indivíduo e dos demais ao seu redor. Nesse sentido, o alcoólatra pode deixar de trabalhar ou estudar para beber ou mesmo ter o seu desempenho prejudicado pelo consumo exagerado de álcool.

Além disso, a dependência prejudica as relações interpessoais e o alcoólatra pode trocar os momentos com a família e os amigos pela companhia de bebidas e de outras pessoas que tenham o mesmo vício. Para complicar, quem sofre de alcoolismo nem sempre consegue admitir que tem um problema e, por isso, o apoio da família é essencial.

 

Como lidar com o alcoolismo na família - Alcoolismo na família

Lidando com o alcoolismo

Já que existem situações em que o dependente não admite o seu vício, é a família quem deve ajudá-lo a perceber que se tornou um alcoólatra. No entanto, a decisão em tratar o vício deve ser da própria pessoa. Além disso, geralmente, quem se torna refém do álcool chega a esse ponto devido a problemas anteriores.

Desemprego, término de relacionamentos, problemas financeiros e perda de pessoas próximas são alguns motivos que podem desencadear o alcoolismo. Os vícios costumam aparecer para preencher uma ausência, um vazio, mas nem sempre a razão é clara para o dependente e as pessoas ao seu redor.

Assim, lidar com o alcoolismo na família consiste em ajudar na busca do por que o vício se manifestou e tentar aplacá-lo. Dessa forma, é mais fácil reverter a situação. O próximo passo é convencer o alcoólatra a buscar ajuda especializada, sendo que muitas vezes os grupos de apoio são alternativas eficientes para tratar o alcoolismo.

Embora existam casos em que seja difícil para os familiares compreender o motivo do vício, especialistas afirmam que nada acontece por acaso e para tudo existe uma explicação. Criticar de forma negativa o alcoólatra não é um método eficaz.

Dessa forma, para lidar com o alcoolismo na família o melhor é ajudar o alcoólatra a enxergar alternativas, inclusive, quando acontecimentos ruins causaram a dependência. Muitas vezes, o que ele precisa é apenas de alguém para lhe mostrar que para tudo há uma solução.

 

Como lidar com o alcoolismo na família - Lidando com o alcoolismo

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como lidar com o alcoolismo na família, recomendamos que entre na nossa categoria de Saúde Mental.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?

Como lidar com o alcoolismo na família
1 de 3
Como lidar com o alcoolismo na família

Voltar ao topo da página