Partilhar

Como prevenir a escoliose

Por Paula Cassandra. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como prevenir a escoliose

A deformidade em curva que afeta a coluna vertebral é mais comum em meninas na adolescência com pré-disposição. No entanto, existem maneiras de saber como prevenir a escoliose para que a situação não se manifeste ou ao menos não avance. Para saber como fazer isso, o umComo.com.br reuniu algumas informações relevantes sobre o assunto. Confira quais são elas.

Também lhe pode interessar: Como tratar a escoliose
Passos a seguir:
1

A escoliose é um desvio da coluna vertebral, que pode receber tanto o formato de S quanto de C. Existe a escoliose congênita, que se trata de um problema na formação ainda quando o feto está em desenvolvimento. Como a criança já nasce com a deformidade, o que se pode fazer é prevenir complicações. Mas há também a escoliose neuromuscular, provocada por distúrbios neurológicos e, assim, a forma de evitá-la é prevenindo problemas como paralisia cerebral ou muscular, que levam à fraqueza dos músculos.

Como prevenir a escoliose - Passo 1
2

Entre as doenças que podem abrir as portas para a escoliose estão distrofia muscular, espinha bífida e pólio, bem como aparecer em pessoas com Síndrome de Down e Síndrome de Marfan. A deformidade também pode ser consequência de doenças debilitantes, como osteoporose e osteoartrite. Outro tipo é a escoliose idiopática, sendo que a sua causa é desconhecida. Para identificar o problema, existem três principais sintomas. São eles: desconforto muscular frequente, quadris ou ombros aparentemente assimétricos e quando a coluna vertebral parece encurvada de modo anormal para um os lados.

3

Já para prevenir a escoliose, de forma geral, recomenda-se alguns cuidados, inclusive, a quem está no grupo de risco, como crianças, inclusive, meninas entre os nove e 15 anos de idade e quem possui histórico familiar do problema. Entre os cuidados, os pais devem observar como se dá o desenvolvimento da postura de seus filhos, ao menor sinal de uma anomalia, é importante consultar um médico. Existem exames que detectam casos de escoliose, assim, inicia-se um tratamento mais cedo com chances maiores de obter sucesso, a fim de evitar que a doença progrida.

4

Além disso, fazer exercícios físicos com frequência ajuda na prevenção do problema, como caminhar, correr, andar de bicicleta, entre outros, para fortalecer os músculos. Yoga também é muito benéfico, uma vez que oferece resistência e flexibilidade à musculatura. Outras dicas são os exercícios que trabalham os músculos abdominais e peitorais, além dos laterais traseiros. É essencial ainda atentar-se à postura correta, inclusive, ao usar o computador por muitas horas. Uma alimentação saudável e equilibrada, rica em vitamina D, que ajuda na manutenção dos ossos é outra forma de evitar complicações.

Como prevenir a escoliose - Passo 4
5

Ao ter bons hábitos alimentares, é mais fácil manter o peso, evitando assim que os quilos extras façam pressão na coluna, desencadeando o problema. Quando as crianças vão para a escola é importante que não usem mochilas muito pesadas e que as mesmas distribuam o peso de forma igualitária em ambos os lados do corpo. Mesmo adultos devem cuidar para que o peso do que carregam seja distribuído de forma igualitária. Para tratar o problema, existem técnicas diferentes, como uso de colete e cirurgia, sendo importante que um especialista acompanhe a evolução do quadro.

Saiba mais sobre como tratar a escoliose entrando no nosso artigo.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como prevenir a escoliose, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Escrever comentário sobre Como prevenir a escoliose

O que lhe pareceu o artigo?

Como prevenir a escoliose
1 de 3
Como prevenir a escoliose

Voltar ao topo da página