Partilhar
Partilhar em:

Como ser doador de sangue

Passo a Passo
 
Como ser doador de sangue

Doar sangue é um ato que não te prejudica, muito pelo contrário, tem até benefícios, e pode salvar vidas. Os bancos de sangue estão sempre em busca de doadores de todos os tipos sanguíneos para manter os estoques.

O procedimento não é nada complicado, toma pouco do seu tempo e ainda pode render um dia de folga no trabalho. Se você ainda não sabe como ser doador de sangue, atente-se às dicas do umCOMO e saiba como ajudar.

Também lhe pode interessar: Quantos tipos sanguíneos existem?
Instruções:
1

Diferente do processo de doação de medula, que requer uma inscrição prévia, para ser doador de sangue basta comparecer a um Hemocentro ou hospital que aceite doações e estar dentro dos requisitos. Os principais são:

  • Ter entre 16 e 69 anos
  • Pesar no mínimo 50 kg
  • Não ter feito uma tatuagem ou piercing há menos de 1 ano.
  • Não ter sido exposto ao risco de contaminação ao HIV
  • Não ter contraído Hepatite após os 11 anos de idade.
  • Não estar grávida.

Se você não tem certeza se está dentro dos requisitos pode ir até o hemocentro mesmo assim. Você terá que responder um questionário que acabará com qualquer dúvida.

2

Se você está decidido a doar sangue é importante que você não tenha ingerido álcool nas últimas 12 horas e não esteja em jejum. Então é hora de procurar um Hemocentro ou Banco de Sangue mais próximo de você e se apresentar como doador de sangue.

3

A próxima etapa é uma entrevista, que define se você faz parte dos requisitos e uma triagem com exames médicos, que avaliará se está tudo bem com a sua saúde naquele dia (pressão arterial, batimentos cardíacos, sinais vitais...).

4

Se tudo correu bem você será chamado para realizar a coleta, procedimento que não deve durar mais que uma hora. Após a coleta, um lanchinho grátis deve ser oferecido e o prazo para o resultado dos exames.

Toda vez que você doa sangue o material coletado passa por uma análise e identifica se está tudo bem, assim como a detecção de possíveis vírus e doenças como AIDS, Hepatite, Chagas, Sífilis, entre outras.

5

Só de passar por esse processo você já pode ser considerado um doador de sangue. Você pode pedir uma carteirinha de doador de sangue para o seu Hemocentro. Cada estabelecimento tem a sua e você não necessariamente precisa comparecer com ela sempre no mesmo lugar. Esse documento lembra bastante a carteirinha de vacinação.

Um carimbo ou uma assinatura com a data serão usados para recordar qual foi a última vez que você doou sangue. Isso ajuda a controlar o prazo mínimo em relação à última doação de três meses para mulheres (e no máximo 3 vezes por ano) e 2 meses para homens (no máximo 4 vezes por ano).

Fonte: hemobanco.com.br
6

Cada estado possui uma lei específica sobre as vantagens em ser doador de sangue. Alguns oferecem benefícios como prioridade em consultas médicas, outros até meia entrada em atrações culturais como cinemas e teatros para doadores sistemáticos.

Consulte a legislação do seu estado.

7

Além da carteirinha de doador de sangue, você também pode obter um certificado de doador voluntário sistemático. Para ser considerado um doador voluntário sistemático você necessita ter doado ao sangue por pelo menos três vezes em um ano. O certificado pode ser obtido nos hemocentros com a apresentação de sua carteira de doador de sangue preenchida.

8

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

9

Se deseja ler mais artigos parecidos a Como ser doador de sangue, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Comentários (0)

Escrever comentário sobre Como ser doador de sangue

O que lhe pareceu o artigo?

Como ser doador de sangue
Fonte: hemobanco.com.br
1 de 3
Como ser doador de sangue