Partilhar

Como solucionar os problemas de gengivas

Como solucionar os problemas de gengivas

Ao longo de nossa vida, sofremos de problemas de gengivas, no entanto a maioria das pessoas não conhece as causas, os sinais, e as possíveis e graves consequências. Os problemas de gengivas são indolores e com frequência são mal interpretados como uma parte natural do processo de envelhecimento. Três em cada quatro pessoas podem sofrer problemas de gengivas. Reconhecer os sintomas dos problemas de gengivas é a base para manter uma boca saudável por toda a vida.

Também lhe pode interessar: Como regenerar as gengivas
Passos a seguir:
1

Quando você não escova os dentes corretamente ou com suficiente frequência, está permitindo a formação da placa bacteriana, um película pegajosa e incolor que cresce constantemente. As bactérias presentes nesta placa libertam toxinas que causam uma inflamação das gengivas, o que se conhece como gengivite.

2

Se não se trata, a gengivite pode chegar ao sangramento, e é possível que finalmente evolua a periodontite, com danos estruturais e inclusive a perda de dentes. Infelizmente, a periodontite, ao invés da gengivite, é irreversível, e por isso é tão importante detectar os primeiros sintomas a tempo.

3

Se as suas gengivas estão vermelhas e inflamadas, isto é um sintoma e as suas gengivas precisam de uma maior atenção. A maioria das pessoas não reconhece isso como um sintoma porque é indolor, mas se não se trata, a inflamação das gengivas pode levar a problemas mais graves e irreversíveis.

4

O sangramento das gengivas durante a escovação ou o uso do fio dental costuma ser o primeiro sintoma de que algo vai mal. A maioria de nós pensa que simplesmente escovamos os dentes com muita força, mas na realidade esse é um sintoma de que nossas gengivas não estão tão saudáveis quanto deveriam estar.

5

Quando as gengivas começam a descer de seu nível normal, já estão na fase da periodontite. Infelizmente, se não fazemos nada para deter a regressão das gengivas, o dano pode ser irreversível, afetando o tecido de sustentação, conduzindo à perda dental.

6

É preciso cuidar das gengivas, com a eliminação eficaz e regular da placa - essa é a melhor forma de manter as gengivas saudáveis.

7

Escovar os dentes duas vezes ao dia (mínimo), durante dois minutos, com a técnica adequada, é fundamental. Use um dentífrico que combata eficazmente a placa bacteriana e um antisséptico bucal com ação antibacteriana.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como solucionar os problemas de gengivas, recomendamos que entre na nossa categoria de Saúde Familiar.

Conselhos
  • É importante visitar o dentista ao menos uma vez ao ano para fazer revisões de rotina e limpezas dentais profissionais.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
grasi
Um dos meus dentes tinha um freio que não tratado na infância deixou a raiz deste dente esposto já fis duas cirurgia com 18 e agora 20 por que o freio nasseu de novo o dentista sugeriu que eu tirasse o dente e colocasse outro mas o dente não é cômoda .Gostaria de saber se teria outra alternativa ?

Como solucionar os problemas de gengivas
Como solucionar os problemas de gengivas

Voltar ao topo da página