Partilhar

Como superar o medo do parto

Por Sara Viega. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como superar o medo do parto

Dar à luz é uma das experiências mais importantes na vida de uma mulher; no entanto, o momento do parto costuma supor um grande medo entre muitas futuras mães. É que as sensações que interagem nesse momento, como a ansiedade de ver seu bebê, o desconhecimento intrínseco do processo que experimentará seu corpo, a possível dor ou a probabilidade de que algo saia mal, podem paralisá-las. Para evitar esta situação, no umCOMO oferecemos você algumas dicas que ajudarão a superar o medo do parto.

Também lhe pode interessar: Vantagens do parto normal

Informe-se sobre o processo

Não existe nada mais tranquilizador que a informação fiável e com garantias de seus médicos especialistas. Por isso, é importante que lhes pergunte qualquer dúvida que tiver com relação ao parto, como pode ser o processo fisiológico que desenvolve o corpo, as fases do mesmo e duração, bem como as possíveis complicações que podem surgir ao dar à luz. Estes guiarão você com coerência e você estará bem mais tranquila.

Da mesma maneira, existe uma numerosa bibliografia focalizada no parto tanto on-line como em papel, a qual poderá acessar e resolver suas inquietações.

Compartilhe suas preocupações

Você não é a primeira mulher que vai dar à luz, nem a única. Por isso, uma opção muito recomendável é que comente com familiares, amigos ou pessoas na mesma situação os medos que tiver a respeito do parto. Além disso, hoje em dia na Internet existe uma variedade de fóruns nos quais os usuários compartilham suas experiências de gravidez e parto, por isso se inscrever e mergulhar neles será muito útil.

Prepare-se fisicamente

Existem diferentes atividades que podem servir para superar o medo do parto. A fundamental são as aulas de preparação ao parto, nas quais aprenderá a atitude que deve ter ao dar à luz, distinguirá os diferentes tipos de contrações que existem e praticará as respirações com as que conseguirá relaxar da pressão desse momento. Também pode optar por ir a aulas de ioga bem como realizar diferentes técnicas de relaxamento, todas elas permitirão a você chegar ao momento de dar à luz com segurança. E não se assuste por se esquecer do que aprendeu nesse momento: o ser humano é intuitivo e nosso cérebro, muito inteligente, por isso se lembrará dos passos facilmente.

Descansa tudo o que puder

Se você perguntar a uma mulher que já tenha sido mãe, com certeza responderá a você com esta recomendação. É que o parto é antes de tudo um processo físico, no qual deve concentrar energias. Se a isso somamos as que você consumirá quando estiver em casa com seu bebê, chegará à conclusão de que deve conservar a maior quantidade de forças possível. Por isso, relaxe quando chegar do trabalho e aproveite os fins de semana para retomar forças. O mesmo deverá fazer quando tirar a licença.

Mantenha uma atitude positiva

Dar à luz é um processo no qual a atitude adotada pela mulher é determinante na experiência que vive e posteriormente se lembra. Assim, a maioria dos estudos a respeito assinala que as mulheres com uma atitude positiva experimentam um parto menos doloroso e satisfatório que aquelas que apresentam medos e o recusavam. Da mesma maneira, a atitude também se transmite nas estatísticas a respeito dos tipos de parto praticados. É que as cesáreas aumentaram naquelas mulheres que apresentaram temor ao parto, por isso viva a experiência ao máximo sem medos e terá um parto melhor.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como superar o medo do parto, recomendamos que entre na nossa categoria de Saúde Familiar.

Escrever comentário sobre Como superar o medo do parto

O que lhe pareceu o artigo?

Como superar o medo do parto
Como superar o medo do parto

Voltar ao topo da página