Partilhar

Como tomar Nexium

Por Sara Silva. Atualizado: 20 janeiro 2017
Como tomar Nexium
Imagem: mybestpharma.com

Nexium trata-se de um medicamento indicado para o alívio da azia, regurgitação ácida e dor epigástrica, e no tratamento de doenças ácido-pépticas, inclusivamente cicatrização de úlceras pépticas. Pode ser encontrado à venda em embalagens com 7 ou 14 comprimidos revestidos de 40 mg ou 20 mg, respetivamente, e adquiridos de acordo com prescrição médica. Antes de iniciar a toma de Nexium aconselhamos que informe seu médico e leia atentamente a bula, nomeadamente as contra-indicações. Para saber como tomar Nexium, continue lendo este artigo umComo.com.br.

Também lhe pode interessar: Como tomar Urispás
Passos a seguir:
1

Os comprimidos revestidos Nexium devem ser ingeridos inteiros junto com um líquido, que não seja álcool, refrigerante nem café.

No caso de haver dificuldade em engolir, o conteúdo do comprimido pode ser dissolvido em meio copo de água, administrado através de sonda naso-enteral (SNE), até 30 minutos. Se se verificarem microgrânulos na parede do copo, aconselha-se a adicionar um pouco de água, mexer e ingerir ou administrar por SNE o seu conteúdo.

Como tomar Nexium - Passo 1
2

Este medicamento não deve ser tomado durante mais de 8 semanas consecutivas e não deve ser administrado em crianças menores de 12 anos. A posologia até aos 18 anos é a seguinte:

  • Para o tratar a esofagite de refluxo erosiva: dosagem de 40 mg uma vez por dia, durante 4 semanas. Recomenda-se um tratamento extra de 4 semanas em pacientes que apresentarem sintomas persistentes ou esofagite não cicatrizada;
  • Para o tratamento dos sintomas da Doença do refluxo gastroesofágico (DRGE): 20 mg uma vez ao dia para os pacientes que sofrem de esofagite. Se os sintomas persistirem após 4 semanas, aconselha-se a procurar ajuda médica; por outro lado, quando os sintomas da DRGE desaparecerem, este medicamento pode ser usado na dose de 20 mg/dia, sob supervisão médica.
3

No caso dos adultos ou jovens acima de 18 anos, a posologia de Nexium também depende do tipo de tratamento:

Doença do Refluxo Gastroesofágico (DRGE):

  • Esofagite de refluxo erosiva: dosagem de 40 mg uma vez por dia, com duração de 4 semanas. Recomenda-se um tratamento extra de 4 semanas em pacientes que apresentarem sintomas persistentes ou esofagite não cicatrizada;
  • Manutenção de prevenção da recidiva em pacientes com esofagite: dosagem de 20 mg uma vez por dia;
  • Sintomas da Doença de Refluxo Gastroesofágico (azia, regurgitação ácida e dor epigástrica): dosagem de 20 mg uma vez por dia para os pacientes que não sofrem de esofagite. Se os sintomas persistirem passadas 4 semanas, é aconselhável procurar ajuda médica; por outro lado, quando os sintomas da DRGE desaparecerem, este medicamento pode ser usado na dose de 20 mg/dia, apenas se necessário, e com supervisão médica. Não se aconselha o controle dos sintomas utilizando-se um tratamento sob demanda em pacientes de risco tratados com AINH;

Terapia contínua com anti-inflamatórios não hormonais (AINH):

  • Sintomas gastrointestinais altos relacionados com a terapia com AINH: dose de 20 mg uma vez ao dia em pacientes que seguem terapia com AINH; se os sintomas persistirem após 4 semanas, aconselha-se a procurar ajuda médica;
  • Cicatrização de úlceras gástricas relacionadas com a terapia com AINH: dose de 20 mg uma vez ao dia durante 4 a 8 semanas; em alguns casos poderá ser necessária uma dose de 40 mg, uma vez ao dia, durante 4 a 8 semanas;
  • Prevenção de úlceras gástricas e duodenais relacionadas com a terapia com AINH em pacientes de risco: dose de 20 mg uma vez ao dia;

Tratamento da úlcera duodenal associada à bactéria Helicobacter pylori e sua erradicação:

  • Dose de 20 mg de Nexium administrado com 500 mg de claritromicina e 1 g de amoxicilina, duas vezes ao dia, durante 7 dias;
  • Para a cicatrização e resolução dos sintomas de úlcera não será necessário dar continuidade ao tratamento com drogas anti-secretoras;

Hipersecreção idiopática e condições patológicas hipersecretoras (incluindo síndrome de Zollinger-Ellison):

  • Dose de 40 mg de Nexium duas vezes ao dia; posteriormente a dose deve ser ajustada em função do caso do paciente e durante o tempo indicado clinicamente;

Manutenção da hemostasia, prevenção de ressangramento de úlceras gástricas e duodenais após tratamento com Nexium IV ):

  • Dose de 40 mg uma vez ao dia durante 4 semanas;
  • Após o período de tratamento oral deve ser realizada uma terapia de supressão ácida com Nexium IV 80 mg, administrado por infusão em bolus durante 30 minutos, e seguidamente uma infusão intravenosa contínua de 8 mg/h administrada ao longo de 3 dias.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como tomar Nexium, recomendamos que entre na nossa categoria de Medicamentos e Suplementos.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
paulo sales
estou tomando nexium a 4 semanas de manha, mais domperix antes do almoco e da janta.continuo com refluxo esofagico,ou seja, queimação a noite qdo durmo.sigo corretamente que o medico indicou.estou c problema a 4 meses.

Como tomar Nexium
Imagem: mybestpharma.com
1 de 2
Como tomar Nexium

Voltar ao topo da página