Partilhar

Como tratar um dente cariado

Por Rita Matos Parreira. Atualizado: 14 novembro 2017
Como tratar um dente cariado

Um dente cariado é um dente com cárie, uma condição muito comum na população, atingindo por volta de 80% e 90% das pessoas. As cáries são áreas do dente danificadas pelo trabalho conjunto das bactérias na boca, por uma má higiene oral e pela ingestão de determinados alimentos e bebidas com açúcares. Agir a tempo é fundamental para tratar uma cárie, já que aquelas que não são tratadas tendem a aumentar e causar infecções, muitas vezes irreversíveis, levando à perda completa do dente. Por isso, devemos ir ao dentista com frequência para uma revisão que permite detectar qualquer cárie e agir de imediato. A cárie pode atingir diferentes camadas do dente: inicialmente fica restrita ao esmalte dentário, progride para a dentina que se localiza mais internamente e pode inclusivamente atingir a polpa dentária onde estão localizados nervos e vasos sanguíneos que nutrem o dente. Consoante a camada dentária afetada, o tratamento é diferente.

Em umCOMO, vamos mostrar as diferentes opções de tratamento:continue lendo e descubra como tratar um dente cariado.

Também lhe pode interessar: Como aliviar a dor de um molar cariado

Tratamentos com flúor

Os tratamentos com flúor ajudam a reparar os dentes na primeira etapa da cárie, quando o dano só é produzido no esmalte do dente. Falamos de um tratamento muito precoce, assim que a cárie aparece, no qual se aplica uma solução de flúor que contém mais quantidade do que a que tem na pasta de dentes. Este tratamento dura apenas uns minutos e é aplicado sobre o dente cariado em forma de gel, espuma, verniz ou líquido. O seu dentista aconselhará sobre a frequência com que você deve fazer este tratamento para fazer com que essa cárie não chegue a um estado mais avançado.

Como tratar um dente cariado - Tratamentos com flúor

Obturações dentárias

As obturações ou restaurações dentárias são utilizadas quando o dano no dente cariado é irreversível. Isto ocorre quando a lesão ultrapassa a etapa de erosão do esmalte. Elas podem ser feitas com diferentes materiais – resina, compómero, amálgama, etc – e substituem a área afetada do dente com a cárie. O tratamento consiste em limpar a cavidade com auxílio de broca mecânica, preenchimento da cavidade com material e restauração da forma original do dente.

Os materiais de preenchimento que se utilizam são diferentes de acordo com o dente, a sua localização e grau de destruição: podem ser resinas da cor do próprio dente, porcelana, amálgama de prata ou compostos de diferentes materiais.

Coroas dentárias

As coroas dentárias são usadas em casos de grande destruição da estrutura do dente cariado, de tal forma que é necessária de uma cobertura total ou quase total.

O processo consiste em desgastar uniformemente a estrutura restante, eliminando também toda a cárie, com broca mecânica. Depois é colocada uma coroa à medida de cada dente, feita em laboratório de prótese dentária ou pelo Dentista se for para utilização provisória.

Esta técnica é utilizada quando a cárie está num estado muito avançado e precisamos de restaurar o dente completamente, mantendo-se a raiz e a inserção do dente no osso. As coroas podem ser feitas de porcelana, ouro ou porcelana fundida com metal, entre outros materiais.

Como tratar um dente cariado - Coroas dentárias

Endodontia

Realiza-se um tratamento endodôntico quando a cárie chega à polpa do dente, afetando o seu nervo, levando à sua inflamação e posterior morte. Este tratamento que consiste em eliminar a polpa do dente, desinfectar e alargar os diversos canais da raiz e preenchê-los com materiais que permitam o seu selamento.

Extração de dente cariado

Como último recurso temos a extração do dente cariado, ou exodontia, para os casos em que a cárie afeta uma quantidade muito grande de tecido dentário que impede a sua reconstrução. Isto ocorre quando diagnosticamos e tratamos tarde a infecção e esta já ocupa quase toda a estrutura dentária, deixando-a irreparável.

Devemos substituir o dente perdido?

Seguramente, sim! Quando se extrai uma peça dentária, mesmo que ela se situe no fundo da boca e não se perceba visual e esteticamente, esta deve ser substituída o mais brevemente possível. Isso acontece porque, uma vez que o espaço que o dente deixou vazio permite o movimento dos outros dentes que mudam a sua posição, bem como a nossa mordida e a função de mastigação que são alteradas. A aparência do rosto também se altera, ficando com mais rugas e um aspeto mais envelhecido.

Você deve conversar com o seu Médico Dentista ou Odontólogo sobre a melhor forma de encerrar esse espaço – prótese removível, ponte fixa ou implante dentário.

Como tratar um dente cariado - Devemos substituir o dente perdido?

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como tratar um dente cariado, recomendamos que entre na nossa categoria de Saúde Familiar.

Conselhos
  • Não esqueça da importância de ir ao Dentista com regularidade para receber o tratamento em tempo oportuno em função do estado no qual se encontra o seu dente cariado.

Escrever comentário sobre Como tratar um dente cariado

O que lhe pareceu o artigo?

Como tratar um dente cariado
1 de 4
Como tratar um dente cariado

Voltar ao topo da página