Partilhar
Partilhar em:

Contraindicações da vitamina A

Passo a Passo
1 vez partilhado
 
Contraindicações da vitamina A

A ingestão excessiva de vitamina A tem uma série de contraindicações que devem ser consideradas, sobretudo se estiver grávida ou em período de amamentação. Além disso, muitas pessoas antes de chegar o verão consomem doses mais elevadas de cenouras, um dos alimentos ricos em vitamina A e que podem chegar a produzir alguns efeitos visuais em seu corpo. Neste artigo de umComo.com.br vamos lhe contar as contraindicações da vitamina A para que você avalie os perigos que podem ocorrer devido a um consumo excessivo.

Também lhe pode interessar: As melhores vitaminas para engordar
Instruções:
1

Quando uma pessoa ingere vitaminas em excesso, isso é conhecido como "hipervitaminose". A vitamina A trata-se de um nutriente lipossolúvel que fica armazenado no organismo quando se ingere grandes quantidades dele, sobretudo, no órgão que mais retém o excesso, o fígado, por isso, uma das suas contraindicações tem a ver com a função hepática.

De qualquer forma, destaca-se que uma toxicidade derivada do abuso de vitamina A é muito rara e para que isto ocorra, uma pessoa adulta deveria consumir mais de vinte e cinco mil unidades por dia e durante mais de 6 anos. As pessoas que mais risco têm de apresentar algum dos sintomas são aquelas que tomam algum medicamento específico ou que ingerem de forma habitual óleo de fígado.

2

Alguns dos efeitos secundários da vitamina A em adultos são os seguintes:

  • Alterações nervosas
  • Sensação de enjoo e/ou vômitos
  • Dores de cabeça
  • Sensação de sonolência
  • Visão embaçada
  • Falta de apetite e diminuição de peso
  • Aparecimento de osteoporose
3

O consumo excessivo de vitamina A está contraindicado para mulheres grávidas e crianças, sobretudo as que estão em período de amamentação. O motivo é que no caso dos recém-nascidos este nutriente pode fazer com que a fontanela fique abaulada devido a uma pressão do crânio; mas também pode produzir vômitos e falta de apetite. Por isso, recomenda-se que mulheres em período de amamentação controlem a ingestão de vitamina A.

Quando uma mulher está grávida também deve ter cuidado ao ingerir estes alimentos, pois se ingerir diariamente mais de dez mil unidades corre o risco do feto não se desenvolver corretamente e nascer com malformações.

4

Já falamos anteriormente que muitas pessoas, durante o verão, aumentam o consumo de betacaroteno, um nutriente proveniente da vitamina A. Fazem isto para conseguir um bronzeado da pele mais rápido, mas, se consumirem em excesso, a sua pele pode ficar muito pigmentada e pode ser que apareçam manchas marrons ou alaranjadas, sobretudo em áreas como as mãos ou os pés. Também é possível que o tom habitual de seus fluxos genitais se modifique e que pareçam mais escuros ou alaranjados devido ao excesso de betacaroteno.

5

Além destes sinais que referimos anteriormente, é verdade que se não diminuir a ingestão de vitamina A, alguns destes efeitos podem se tornar crônicos e não poderem ser eliminados do seu organismo. Portanto, assim que detectar um deles é importante revisar seus hábitos alimentares e consultar um médico para que lhe dê as orientações certas para seguir uma vida saudável. A vitamina A pode implicar em condições crônicas como as seguintes:

  • Pele escamosa e seca
  • Desânimo, fadiga e cansaço
  • Perda de cabelo
  • Mau humor e irritabilidade
6

No entanto, já referimos que para ter alguns destes sintomas, o consumo de vitamina A deve ser elevado. Nas doses corretas e habituais, este nutriente é muito favorável para o correto funcionamento do nosso organismo, pois ajuda a ter mais resistência, a melhorar o crescimento dos nossos ossos e dentes, favorece o funcionamento sexual com ciclos mais regulares e espermas de melhor qualidade.

Neste artigo de umComo.com.br contamos de forma detalhada quais são os benefícios da vitamina A.

7

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

8

Se deseja ler mais artigos parecidos a Contraindicações da vitamina A, recomendamos que entre na nossa categoria de Vida Saudável.

Comentários (0)

Escrever comentário sobre Contraindicações da vitamina A

O que lhe pareceu o artigo?

Descubra vídeos interessantes
Carnaval
Maquiagem
Tratamentos de Pele
Aulas de Zumba
Contraindicações da vitamina A
1 de 4
Contraindicações da vitamina A