Partilhar

O que comer se tenho aerofagia

Por Redação umCOMO. Atualizado: 16 janeiro 2017
O que comer se tenho aerofagia

Se logo após comer você sente um grande peso abdominal e o aparecimento de gases é algo muito comum em você, é muito provável que tenha aerofagia, um transtorno digestivo que se produz quando se engole ar de forma excessiva ao ingerir os alimentos. Na maioria de casos, isto se deve a maus hábitos alimentares que facilmente podem ser modificados no dia a dia, começando, é claro, pela dieta que seguimos. Assim, se o acúmulo de gases é algo habitual para você e quer saber o que deve e o que não deve comer com exatidão, tome nota deste artigo de umComo; vamos explicar para você o que comer se tem aerofagia.

Também lhe pode interessar: Como evitar a aerofagia

Principais sintomas da aerofagia

Como dissemos, a aerofagia é uma condição que se produz quando se engole um excesso de ar ao comer. Isto, por sua vez, provoca uma distensão abdominal e sintomas muito desconfortáveis e, inclusive dolorosos, que comprometem o bem-estar do paciente. Entre os principais sintomas da aerofagia encontramos: inchaço e dor de estômago, peso, arrotos, flatulência, espasmos intestinais e redução do apetite.

Ainda que na maioria das vezes, a aerofagia possa ser prevenida e acalmada realizando algumas mudanças na dieta e na forma de ingerir os alimentos, caso os seus sintomas sejam muito intensos ou o acúmulo de gases chegue a oprimir o peito e apresente dificuldades para respirar, será imprescindível consultar o médico com urgência para receber o tratamento adequado.

O que comer se tenho aerofagia - Principais sintomas da aerofagia

Dieta recomendada para a aerofagia

A dieta tem um papel crucial na tarefa de evitar a aerofagia e de reduzir, posteriormente, os sintomas e o mal-estar que causa a quem sofre dela. Deve ter em conta que há alimentos que favorecem o processo de digestão e que, pelo contrário, outros são propensos a gerar gases e inchaço abdominal. Nesta seção, vamos mostrar os alimentos recomendados no caso de aerofagia, os quais ajudam a melhorar a flora intestinal e previnem a formação de gases.

  • Carnes magras: frango, peru, coelho, alguns cortes de carne bovina, porco e cordeiro com uma porcentagem de gordura não superior a 10%.
  • Peixes magros como o linguado, a merluza, o mero ou o bacalhau.
  • Verduras como acelga, espinafre, cenouras ou abóbora; as quais devem estar bem cozidas antes de se consumir.
  • Frutas como os kiwis, o abacaxi, o mamão, a maçã e a pera (sempre sem pele).
  • O ovo duro ou cozido, evitando consumi-lo frito, mexido ou em receitas gordurosas.
  • Tomate sem pele nem sementes.
  • Alimentos probióticos: iogurte, leite com probióticos, queijo e kéfir. Estes alimentos favorecem a formação de bactérias benéficas para o intestino e melhoram a saúde estomacal.
  • Leite sem lactose ou de soja, de arroz ou de aveia.
  • Infusões digestivas como a de camomila, funcho, mil-folhas ou anis.
  • Bastante água.
O que comer se tenho aerofagia - Dieta recomendada para a aerofagia

O que evitar comer se tem aerofagia

Por outro lado, há outros alimentos que devem ser evitados a todo o custo ou moderar o seu consumo quando se tem aerofagia, já que a sua ingestão só piorará os sintomas existentes e será contraproducente para a saúde gastrointestinal. Assim, é importante saber que os alimentos desaconselhados são os seguintes:

  • Legumes como feijões, grãos de bico ou lentilhas.
  • Verduras como brócolis, repolho, couve-flor, alcachofra, pimentão verde, cebola, alho, milho.
  • Frutas cítricas (limões, grapefruit, laranjas e tangerinas), bananas, ameixas secas, damasco, abacate.
  • Frutas confeitadas ou em calda.
  • Produtos lácteos em sua versão integral.
  • Bebidas gasosas e com cafeína.
  • Doces, produtos de confeitaria e guloseimas.
  • Pratos ou preparações muito gordurosas ou condimentadas.
  • Cereais com fibra.
O que comer se tenho aerofagia - O que evitar comer se tem aerofagia

Mais conselhos para evitar a aerofagia

Não deverá apenas ter em conta estas recomendações nutricionais para diminuir os sintomas da aerofagia, antes deve tentar corrigir alguns hábitos diários que ajudarão a reduzir o risco de ter tantos gases. Tome nota dos conselhos que damos a você a seguir:

  • Deve tentar comer mais devagar e mastigar muito bem os alimentos antes de os engolir, assim evitará ingerir um excesso de ar ao comer.
  • Evitar aquelas comidas muito pesadas ou abundantes; se for inevitável, tomar um protetor de estômago previamente pode ser de ajuda.
  • Controlar o estresse e aprender a relaxar é fundamental para poder diminuir o ritmo ao comer e evitar a aerofagia.

Pode obter mais informação sobre como evitar a aerofagia, consultando o nosso artigo.

O que comer se tenho aerofagia - Mais conselhos para evitar a aerofagia

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a O que comer se tenho aerofagia, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?

O que comer se tenho aerofagia
1 de 5
O que comer se tenho aerofagia

Voltar ao topo da página