Partilhar
Partilhar em:

Posso usar pomada ginecológica menstruada? - Esta e outras dúvidas comuns

Posso usar pomada ginecológica menstruada? - Esta e outras dúvidas comuns

Sim, você pode usar pomada ginecológica durante a menstruação, mas é importante prestar atenção no procedimento e em alguns sinais que vamos explicar neste artigo. As pomadas ginecológicas são um tipo de tratamento tópico para doenças e aliviar sintomas como coceira e ardência na vagina. São uma excelente opção pois não demoram a fazer efeito, trazendo alívio rápido e eficaz ao promover o reequilíbrio da flora bacteriana e fúngica que habita a região. Apesar de serem introduzidas no canal vaginal, as pomadas ginecológicas não causam nenhum tipo de malefício ao corpo.

No entanto, por serem inseridas em um local tão sensível, as pomadas ginecológicas podem trazer várias dúvidas sobre qual é o jeito correto de realizar o tratamento. No artigo de hoje em umCOMO, responderemos à pergunta "posso usar pomada ginecológica menstruada?" e traremos dicas e outras informações. Continue lendo para saber mais.

Como usar a pomada ginecológica

Como falamos, a pomada ginecológica é uma opção de tratamento indicada para infecções bacterianas e fúngicas que podem acometer a região da vagina.

Algumas infecções vaginais podem ser transmitidas sexualmente, outras não. Existem causas naturais que explicam o desequilíbrio da flora vaginal e que não envolvem nenhum tipo de relação sexual. Normalmente, fatores como excesso de umidade na região e fraqueza do sistema imunológico explicam o aparecimento de doenças como candidíase e vaginose bacteriana. Outras infecções vaginais que são doenças sexualmente transmissíveis são, por exemplo, gonorreia e clamídia.

Sintomas de infecções vaginais incluem:

  • Coceira;
  • Ardência;
  • Corrimento vaginal pastoso, branco, amarelado ou esverdeado (pode acompanhar odor ou não);
  • Vermelhidão e inchaço nos grandes lábios;
  • Dor durante as relações sexuais.

Instruções para usar a pomada ginecológica

Se o seu médico receitou um creme vaginal, siga as instruções dele. O procedimento costuma ser o seguinte:

  1. Bata a pomada em uma superfície plana com a tampa virada para cima, para que todo o creme fique na parte inferior da bisnaga;
  2. Tire a tampa e rompa o lacre com o verso da mesma;
  3. Encaixe o aplicador no bico e aperte devagar até que o aplicador esteja firme e travado;
  4. Coloque, com cuidado, o aplicador na vagina e aperte devagar para liberar o medicamento

Prefira fazer esse procedimento à noite, antes de dormir. Como o corpo tende a ficar mais imóvel, a medicação entra em maior contato com a vagina, agilizando o processo de cura.

Leia também: É normal a pomada ginecológica sair? - Dúvidas comuns

Creme vaginal durante a menstruação - como fazer?

Caso você esteja se perguntando como passar pomada ginecológica menstruada, saiba que, durante a menstruação, a medicação deve continuar sendo aplicada e o tratamento em hipótese alguma pode ser interrompido. A menstruação não vai afetar o efeito da pomada.

Estou usando pomada ginecológica e está saindo sangue - o que fazer?

Se você não está em seu período menstrual e observou sangramento durante o uso da pomada vaginal, suspenda o uso imediatamente e procure um médico o quanto antes. Qualquer sangramento inesperado está fora da normalidade. Pode ser um sintoma da própria infecção vaginal ou até mesmo uma sensibilidade do seu corpo à composição da medicação.

Tive relação usando pomada ginecológica - o que fazer?

O correto é não ter relações sexuais durante o tratamento com a pomada ginecológica. Isso porque a relação sexual pode alterar a quantidade de medicamento que está presente no interior da vagina, comprometendo a eficácia do tratamento. Além disso, grande parte dos cremes vaginais possui em sua composição uma base oleosa, que, ao entrar em contato com o látex da camisinha, pode aumentar o risco dela estourar.

Mas, se você teve relações sexuais durante o tratamento, fique atenta e continue o tratamento da mesma maneira. Cuidado, também, com seu(ua) parceiro(a), pois ele(a) pode apresentar sintomas da infecção ou até mesmo efeitos colaterais da pomada.

Entenda: Posso fazer sexo com candidíase?

Candidíase menstruada - o que fazer?

Na menstruação, além da elevação do número de hormônios estrogênio e progesterona, com a descamação do endométrio e a chegada do sangue, elevam-se também o número de fungos que vivem na vagina. Dessa forma, o pH vaginal fica em desequilíbrio, tornando a região propícia para o aparecimento de infecções vaginais como a candidíase.

O fungo causador da candidíase, Candida albicans, vive naturalmente na flora vaginal sem causar tipo algum de problema. No entanto, por conta de um desequilíbrio no pH da região - que pode ser causado pelo uso de antibióticos, estresse, desequilíbrios hormonais, diabetes, a própria menstruação, dentre outros -, o fungo pode crescer de forma desequilibrada, causando a candidíase.

Caso a infecção surja durante a menstruação, não há motivo para ficar preocupada. Faça o tratamento com a pomada ginecológica da mesma forma.

Sugestão: Qual a melhor pomada para candidíase

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Posso usar pomada ginecológica menstruada? - Esta e outras dúvidas comuns, recomendamos que entre na nossa categoria de Saúde Familiar.

Conselhos
  • Além das pomadas ginecológicas, existem medicações orais antifúngicas e os tradicionais antibióticos que ajudam a combater infecções vaginais e podem ser muito mais práticos do que o creme vaginal. Consulte o seu médico para saber qual é a melhor opção para você.

Escrever comentário sobre Posso usar pomada ginecológica menstruada? - Esta e outras dúvidas comuns

O que lhe pareceu o artigo?

Posso usar pomada ginecológica menstruada? - Esta e outras dúvidas comuns
Posso usar pomada ginecológica menstruada? - Esta e outras dúvidas comuns