Partilhar

Quais os sintomas da diverticulose

Por Sara Viega. Atualizado: 16 janeiro 2017
Quais os sintomas da diverticulose

A diverticulose refere-se à formação de hérnias reduzidas em forma de bolsa nas paredes do intestino grosso ou cólon. Estas pequenas hérnias recebem o nome divertículos e ocorrem por um aumento da pressão no interior do intestino que acaba afetando aquelas paredes musculares pouco consistentes. É uma condição que costuma afetar com mais frequência pessoas com mais de 50 anos, mas que em todos os casos requer um tratamento médico adequado, assim como uma mudança de hábitos na alimentação diária do paciente. Se quer saber quais são os sintomas que o podem alertar da presença destas hérnias no intestino grosso, preste atenção a este artigo de umComo no qual lhe explicamos quais os sintomas da diverticulose.

Também lhe pode interessar: Quais são os sintomas da aerofagia
Passos a seguir:
1

Desconhece-se a causa exata do aparecimento ou formação dessas pequenas bolsas, denominadas divertículos, no intestino grosso, mas trata-se de uma condição que se relacionou com fatores como seguir uma dieta pobre em fibra e rica, pelo contrário, em alimentos processados ou hidratos de carbono. Isto porque a falta de fibra favorece o aparecimento de prisão de ventre, uma condição na qual o paciente apresenta dificuldades para evacuar as fezes facilmente e tem de fazer um grande esforço. E é precisamente este esforço, o que faz aumentar a pressão em certas áreas do intestino, o que acaba por dar lugar à formação destas hérnias reduzidas nas paredes do cólon, que acabam por inflamar ou infetar dando lugar ao que se conhece medicamente como diverticulite.

Quais os sintomas da diverticulose - Passo 1
2

Na maioria dos casos, os pacientes que sofrem de diverticulose leve não apresentam sintomas e a presença dos divertículos pode passar completamente despercebida. Em outros casos, é possível que a diverticulose se manifeste através de sintomas de caráter leve como diarreia e prisão de ventre ao mesmo tempo, incômodos na zona inferior e esquerda do ventre (que ocorrem depois da evacuação), inchaço abdominal ou emissão de muco ao evacuar as fezes.

3

No entanto, quando estas bolsas que se formam no cólon ou intestino grosso se inflamam ou se infetam ocorre, como referimos antes, a diverticulite, uma condição mais grave que origina o aparecimento de sintomas repentinos como os seguintes:

  • Dor intensa na parte inferior do abdômen, que se pode estender a outras zonas do abdômen, assim como a área genital.
  • Cólicas.
  • Gases.
  • Náuseas e vômitos.
  • Febre e calafrios.
  • Redução ou perda de apetite e, por conseguinte, perda de peso.
  • Nos casos mais graves, uma das complicações seria a produção de obstruções ou hemorragias internas.
4

Perante a presença de qualquer um dos sintomas referimos, é fundamental consultar o seu médico o quanto antes para lhe ser realizada uma revisão física completa e para que o médico, através dos exames adequados, possa determinar se sofre de diverticulose ou diverticulite. Normalmente, a exploração física do paciente em combinação com alguns exames médicos como o enema opaco, umas radiografias e ecografias, poderá ser diagnosticada esta condição. Em outros casos, também pode ser necessária a realização de uma colonoscopia para visualizar o interior do cólon e o reto.

Quais os sintomas da diverticulose - Passo 4
5

O tratamento da diverticulose vai depender da gravidade dos sintomas que o paciente apresentar. No geral, se se tratar de diverticulose, ou seja quando os divertículos não estiverem infetados, é possível notar uma grande melhoria realizando mudanças na alimentação e incluindo nesta o consumo de alimentos ricos em fibra, o que favorecerá o trânsito intestinal e a evacuação das fezes.

Em contrapartida, quando essas pequenas bolsas se infetam (diverticulite), o médico deverá avaliar se o paciente pode se recuperar em casa seguindo uma dieta específica e um tratamento com analgésicos e antibióticos orais ou, se pelo contrário, é necessário ficar internado no hospital até estar totalmente recuperado.

Quais os sintomas da diverticulose - Passo 5

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Quais os sintomas da diverticulose, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Conselhos
  • Perante a presença de alguns destes sintomas consulte o seu médico.

Escrever comentário sobre Quais os sintomas da diverticulose

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
Maria de Lourdes
Tenho diverticulose, como tratar de maneira natural?

Quais os sintomas da diverticulose
1 de 4
Quais os sintomas da diverticulose

Voltar ao topo da página