Partilhar

Quais são os sintomas da fibrose cística

Por Redação umCOMO. Atualizado: 2 julho 2018
Quais são os sintomas da fibrose cística

A fibrose cística é uma condição hereditária potencialmente mortal causada por um mau funcionamento das glândulas produtoras de mucosidade, que passam a secretar um muco muito viscoso e duro que afeta gravemente a saúde de vários órgãos e áreas do corpo, principalmente os pulmões e o canal digestivo. No seguinte artigo de umComo.com.br vamos lhe dar mais informações sobre esta condição, explicando detalhadamente de que forma se manifesta. Continue lendo e fique por dentro de quais são os sintomas da fibrose cística.

Também lhe pode interessar: Quais são os sintomas da asma

A fibrose cística é uma condição que afeta diferentes órgãos do corpo, comprometendo especialmente a saúde dos aparelhos respiratório, digestivo e reprodutor. Os graves sintomas são provocados, em sua maioria, pelo muco duro secretado pelas glândulas produtoras de mucosidade. É importante referir que a sintomatologia varia de um paciente para outro em função da gravidade da patologia e do seu estado de saúde.

Como referimos, um diagnóstico prematuro desta doença é a chave para garantir o bem-estar do paciente e melhorar a sua qualidade de vida através dos tratamentos adequados. Em recém-nascidos, a fibrose cística pode ser detectada pelos seguintes sintomas:

  • Atraso no crescimento.
  • Dificuldade ou incapacidade para aumentar de peso.
  • Pele com sabor salgado.
  • Incapacidade de evacuar entre as primeiras 24 e 48 horas de vida.

No caso dos neonatos, para realizar o diagnóstico desta patologia quando ocorre este tipo de sintomas ou caso existam antecedentes familiares, é feita uma análise clínica que serve para medir a concentração do hormônio denominado tripsina. No entanto, o que acabará determinando de forma definitiva a sua condição é o teste que mede a concentração de sal no suor, que é bastante elevada nestes pacientes.

A fibrose cística afeta severamente o aparelho respiratório, pois a acumulação e o aumento do muco viscoso e duro provoca sintomas como estreitamento das vias respiratórias e dificuldade para respirar de forma adequada. Além disso, isto também faz com que se crie um ambiente favorável para o aumento e o alojamento de bactérias, o que provoca as frequentes infecções respiratórias. Outros sintomas são tosse com expectoração, congestionamento nasal e dores sinusais originadas por infecções ou pólipos nasais.

Os danos pulmonares vão evoluindo à medida que a doença avança e o paciente pode chegar a sofrer alterações cardíacas devido à insuficiência respiratória com uma considerável redução do oxigênio necessário.

Também se observam importantes sintomas a nível do sistema digestivo. Na maioria dos casos, ocorre insuficiência pancreática exócrina que é causada pelo fechamento dos dutos pancreáticos devido ao muco viscoso e duro que provoca a fibrose cística.

Isto faz com que não sejam produzidas as enzimas digestivas necessárias implicando, portanto, em uma má absorção dos alimentos e manifestação de sintomas como: obstrução intestinal, gases, inchaço do ventre, diarreia ou fezes de cor pálida e fedorentas, náuseas, redução de apetite e perda de peso. Além disso, o comprometimento do pâncreas pode originar diabetes, o que complica ainda mais a fibrose cística.

O fígado e as vias biliares também são danificados quando se sofre de fibrose cística. Uma porcentagem de pacientes desenvolve o que se denomina hepatomegalia, que é um aumento do tamanho do fígado, e outros sofrem alterações no funcionamento deste órgão vital. Além disso, em pacientes adultos também se contemplou um alto risco de ter pedras na vesícula.

Outros sintomas da fibrose cística comuns que podem ser observados nos pacientes à medida que evolui a doença são:

  • Suor muito salgado.
  • Diminuição de fertilidade e esterilidade, especialmente no caso dos homens.
  • Diminuição da densidade óssea e maior risco de ter osteoporose.
  • Mal-estar generalizado.
  • Fadiga.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Quais são os sintomas da fibrose cística, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Escrever comentário sobre Quais são os sintomas da fibrose cística

O que lhe pareceu o artigo?

Quais são os sintomas da fibrose cística
1 de 4
Quais são os sintomas da fibrose cística

Voltar ao topo da página