Partilhar

Como tratar uma bolha de sangue

Como tratar uma bolha de sangue
Imagem: Reprodução/Funscrape.com

As bolhas de sangue são acumulações deste líquido sob a camada mais superficial da pele[1]. Ao ser produzida uma lesão nos vasos sanguíneos, por uma pancada leve, por exemplo, ou um beliscão, o sangue liberado produz uma bolha que, apenas de incomodar, não é motivo para grandes preocupações. Os vasos que correm por nossa pele são responsáveis pela circulação de 30% do sangue de nosso corpo[2] o que significa que, caso acabemos por ferir nossa pele, grandes são as chances de acabarmos por danificar um dos vasos e causar um sangramento. Quando formamos bolhas na pele, seja por qual motivo for, é possível que as bolhas em questão estejam vazias, mas também que acabem preenchidas por líquidos produzidos por nosso corpo, tal qual o sangue.

Se você estiver passando por esse problema e quiser aprender sobre o tratamento de ferimentos do tipo, veja como tratar as bolhas de sangue nesse artigo do umCOMO.

Primeiros cuidados com bolha de sangue

Assim que você passar por um trauma físico que estiver causando uma bolha, a primeira coisa que você deve fazer é procurar formas de reduzir o tamanho final do ferimento. Uma boa ideia para obter um bom resultado é aplicar baixas temperaturas na região, afinal, com isso, será possível reduzir o fluxo sanguíneo por vasoconstrição, que é a contração dos vasos sanguíneos. Por impedir parte da circulação de sangue na região, o gelo fará com que a bolha fique menor. Você pode colocar gelo dentro de uma toalha e apoiá-la sobre a bolha, apenas evite que o gelo entre em contato direto com a pele pois poderá acabar causando queimaduras.

Você pode aplicar as baixar temperaturas 2 ou 3 vezes, mas descansando entre 5 e 10 minutos entre aplicações para que a zona não perca a irrigação sanguínea nem seja produzida uma queimadura por frio. Seja como for, não realize o processo com gelo por mais de 10 minutos seguidos.

Também podemos reduzir o tamanho da bolha de sangue levantando o membro afetado (a perna, o braço...) acima da altura do coração. Dessa maneira, favorecemos o retorno venoso, já que o sangue não para nas veias e fazemos com que ele flua melhor graças à gravidade para o coração.

Feitos esses procedimentos iniciais, veja abaixo quais são os melhores tratamentos para bolha de sangue que podem ser realizados após o trauma.

Tratamentos para bolha de sangue

A primeira informação que você deve saber em relação ao cuidado de bolinha de sangue, seja lá onde for, é que é sempre preferível não rebentar a bolha. A pele que cobrirá o ferimento será uma forma de camada protetora contra infecções e, se rompermos esta barreira, é muito provável que soframos uma infecção. Tendo em vista os fatos explicitados, você deve manter a pele o máximo de tempo possível de forma que o sangue será reabsorvido e o ferimento irá sumir naturalmente. Você só deve manter a área da bolha limpa e não exercer pressões excessivas sobre ela.

Caso você estiver com bolha de sangue no pé, é possível que, em razão do peso colocado em cima do machucado, a bolha acabe estourando. Em casos do tipo, será necessário tomar alguns cuidados para evitar que o ferimento aberto entre em contato com bactéria e outros patógenos que poderão causar uma infecção.

Quando a bolha rebentar por qualquer causa, a primeira coisa que você deve fazer é desinfectar a região. Se puder, use um antisséptico local (é melhor a clorexidina que a povidona iodada) em pomada ou líquido. Se não tiver acesso a eles, lave bem com água e sabão a área afetada e deixe o sangue drenar. Depois seque bem e tampe com gazes estéreis ou algum tecido limpo. Você nunca deve retirar a pele que sobra, nem cortá-la, quanto mais pele, melhor! Ainda que a bolha já tenha estourado, a pele sobressalente continuará protegendo a camada interior não apenas de patógenos como também de fricções que poderão aumentar o ferimento.

Como evitar bolhas de sangue

Para evitar sofrer a incomodidade dessas bolhas, você deve, encontrar meios de evitar sua causa. Uma das causas das bolhas são as pancadas, por isso, se for praticar esportes, use protetores nos pés, além de mantê-los secos e hidratados.

Outra causa das folhas é a fricção,que acaba causando irritações. Para não ferir sua pele, não use produtos químicos abrasivos, além disso, faça uso de meias macias cujas fibras não serão prejudiciais às camadas superiores do tecido cutâneo. Por fim, as bolhas podem ser causadas por infecções, por isso, em caso de ferimentos, lavar as mãos com frequência e não tocar feridas nem cortes na pele de outras pessoas, etc.

Se você mantiver sua pele protegida, muito dificilmente acabará com bolhas em sua pele, ainda mais do tipo hemorrágica. Caso, ainda com todos os cuidados, isso volte a ocorrer, veja também como tratar bolhas nos pés.

Infecção no dedo com sangue pisado

Se você quer saber quanto tempo demora para sarar uma bolha de sangue, não se preocupe pois o usual é que, após o surgimento de uma bolha de sangue, a pele regenere após alguns dias. Apesar de ser um problema facilmente resolvível com pouco cuidado, devemos prestar atenção com o surgimento de sinais de infecção. Em caso de infecções cutâneas do tipo, é até mesmo possível que seja necessário consultar um médico especialista que receite um antibiótico e pomada tópica para ser aplicada na região, por isso, é importante saber quais são os indícios de que uma inflamação acabou por atingir sua pele.

Os sintomas mais comuns de infecção são:

  • Calor: se a zona estiver mais quente do que o resto;
  • Vermelhidão: a área está avermelhada;
  • Tumor: está inflamada;
  • Dor.

Além dos sintomas citados, em caso de infecção mais graves, também é possível sentir outros sintomas como mal-estar, febre e calafrios[4]. Ao observar que a bolha não está melhorando com o tempo, a melhor solução é procurar um especialista que será capaz de avaliar o caso e indicar um tratamento específico.

Estes sinais juntos indicam que há infecção, nesse momento você deve ir ao médico e consultar se precisa de um antibiótico, seja ele tópico ou oral, para tratar a bolha de sangue.

Para ajudar no tratamento das bolha,s veja também como cuidar das bolhas para que curem mais rápido.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como tratar uma bolha de sangue, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Referências
  1. dos SANTOS, R. B.; DE FIGUEIREDO, M. A. Z.; de OLIVEIRA, P. T.; YURGEL, L. S. Angina bolhosa hemorrágica: um caso incomum. Revista da Faculdade de Odontologia, Vol 6, Nº 1, pp. 7-10, Passo Fundo, 2001. Disponível em: http://seer.upf.br/index.php/rfo/article/download/1573/1044. Acesso em: 17/07/2020.
  2. REIS, C. Apostila de lesões elementares. Escola Superior de Ciências da Saúde, 2011. Disponível em: http://www.escs.edu.br/arquivos/lesoeselementares.pdf. Acesso em: 17/07/2020.
  3. RODRIGUES, R. L.; PEDRINELLI, A. Uso do gelo na lesões traumáticas do esporte. Revista Paulista de Educação Física, Vol. 7, Nº 2, pp. 66-76, São Paulo, 1993. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/rpef/article/download/138758/134091/#:~:text=Quando%20o%20gelo%20%C3%A9%20aplicado,diminui%2C%20a%20vasoconstri%C3%A7%C3%A3o%20tamb%C3%A9m%20diminuir%C3%A1. Acesso em: 17/07/2020.
  4. SOUZA, C. da S. Infecções de tecidos moles. Revista da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Vol. 36, pp. 351-356, Ribeirão Preto, 2003. Disponível em: http://revista.fmrp.usp.br/2003/36n2e4/20infeccoes_tecidos_moles_sindromes_infecciosas.pdf. Acesso em: 17/07/2020.

Escrever comentário sobre Como tratar uma bolha de sangue

O que lhe pareceu o artigo?
3 comentários
A sua avaliação:
Lohenzy Emanuelle
Bom eu queria fazer uma pergunta será que tem problema se eu sei lá estourar ou furar pra sair esse sangue pq faz quase um mês então se as dicas não funcionar posso fazer isso ou tem algum problema?
A sua avaliação:
cleia soares
Já vai para 2 semanas que minha mãe esta com essa bolha no dedo do pé. sinto que o sangue não esta se espalhando, continua no mesmo jeito. Ela não sente dor e nem esta quente o local. O que devo fazer ?
A sua avaliação:
cleia soares
Minha mãe tem 96 anos, ao leva-la no banheiro na cadeira de banho, o dedo mindinho do pé bateu na parede e logo ficou roxo, tipo bolha de sangue. O que devo fazer ?
Redação umCOMO (Editor/a de umCOMO)
Oi Cleia! Já seguiu as indicações que damos acima no artigo?

Como tratar uma bolha de sangue
Imagem: Reprodução/Funscrape.com
Como tratar uma bolha de sangue

Voltar ao topo da página