Partilhar

Como tratar a neuropatia diabética

Como tratar a neuropatia diabética
Imagem: pordentrodo9dejulho.com.br

A neuropatia diabética é a complicação mais frequente dos pacientes com diabetes. Define-se pelos danos originados nos nervos que são devidos aos altos níveis de glicose no sangue. Os nervos que podem ser afetados são: do crânio, da coluna vertebral e os que têm o controle da bexiga, intestinos e coração. Os danos originados por estes nervos manifestam-se em sintomas de diferente natureza que deverão ser tratados. Por isso, em umComo.com.br oferecemos os seguintes conselhos sobre como tratar a neuropatia diabética.

Também lhe pode interessar: Como tratar a nefropatia diabética
Passos a seguir:
1

O principal tratamento para a neuropatia diabética é o controle habitual das glicemias capilares mantendo valores normais, a dieta baixa em hidratos de carbono e o exercício físico adequado para o gasto de insulina do organismo.

2

A analgesia será usada para a dor profunda que pode surgir, habitualmente, nos pés, pernas e braços. Peça sempre o conselho de um profissional.

3

A neuropatia diabética pode ocasionar sintomas relacionados com o aparelho digestivo: náuseas, vômitos, sensação de saciedade sem mal ter comido... estes podem ser tratados realizando refeições frequentes e em pequenas quantidades e dormir com a cabeça um pouco elevada.

4

É útil usar a manobra de Crede para aqueles casos onde existam problemas ao nível de bexiga. Nos pacientes com neuropatia diabética podemos verificar que a bexiga não esvazia totalmente e associado a isto ocorre a incontinência urinária. Esta é uma manobra simples que consiste em executar uma pressão com ambas as mãos na zona superior do púbis que assegura que a bexiga está vazia.

5

Em alguns casos pode aparecer hipotensão ortostática o que significa que diminui a tensão arterial (ocasionando enjoo) quando o paciente, cujos nervos estão afetados, tenta ficar de pé bruscamente. Para evitar isso, só será necessário levantar-se devagar, apoiar-se na cabeceira, elevando-se alguns graus.

6

Encontramos também a perda de sensibilidade de braços e pernas, será necessário cuidar e proteger estas zonas já que estão expostos a queimaduras e lesões.

7

Existem muitos outros sintomas que requerem tratamento médico como: problemas sexuais, frequência cardíaca rápida. Não hesite em consultar seu especialista.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como tratar a neuropatia diabética, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?
2 comentários
helio
amigo tenho dor na bacia, e as veses e forte me impossabelita a andar, ai aguardo um tempo e volta normal, e me doi muito as pernas pricipalmente a esquerda, e quando ergo braço direito ao alto me doi ou os nervos da perna ou ou do lado ou na bacia, parece ser na junta, isso pode ser neuropatia? ou e problemas de coluna, ja que tive problemas de coluna?
ANGELINA LOPES
EU TO QUERENDO SABER POR QUE MINHA GLICOSE TA ALTA 235 COMO TDO DENTRO DOS LIMITES TDO SEM AÇUCAR NAS HORAS CERTAS E NAO ESTA ADIANTANDO E TOMO GALVOS 50M O QUE FAZER QDO ELA SOBE AI ME DA DOR DE CABEÇA .....O QUE FAZER PRA BAIXAR....

Como tratar a neuropatia diabética
Imagem: pordentrodo9dejulho.com.br
Como tratar a neuropatia diabética

Voltar ao topo da página