Partilhar

Como usar própolis para candidíase - natural e eficaz!

 
Por Nathália Oliveira. Atualizado: 16 fevereiro 2018
Como usar própolis para candidíase - natural e eficaz!

A candidíase é uma doença velha conhecida das mulheres. Logo que o sistema imunológico se enfraquece, ela não demora a aparecer. Causada por fungos da própria flora bacteriana da vagina, a candidíase costuma ser fácil de ser tratada - mas ela é apenas uma doença sintomática de que algo no corpo está errado, ou até mesmo na rotina que se leva, uma vez que estresse também pode ser uma causa que a faz aparecer - dentre tantas outras.

A enfermidade pode ser facilmente tratada com pomadas ginecológicas e comprimidos antifúngicos, sumindo em cerca de cinco dias. Mas será que o própolis também pode ser um bom aliado na hora do tratamento? E como podemos usá-lo para o tratamento ser o mais eficaz possível? Continue lendo nosso artigo em umCOMO para descobrir mais sobre o remédio e aprenda como usar própolis para candidíase!

O que é candidíase?

A candidíase é uma infecção vaginal fácil de ser tratada. A vagina possui sua própria flora de bactérias e fungos que ajudam na manutenção da saúde da mesma, no entanto, por conta de variáveis como estresse e baixa imunidade, os fungos podem se proliferar em excesso - e a região vaginal, por ser quente e úmida, é um terreno propício para essa proliferação. Quando ocorre essa proliferação, a candidíase aparece e torna-se um verdadeiro incômodo para as mulheres.

Os sintomas de candidíase mais comuns incluem:

  • Coceira e feridas na região íntima;
  • Ardência na região próxima à vagina (vulva);
  • Leve inchaço nos grandes lábios;
  • Ardência ao urinar;
  • Corrimento branco e espesso;
  • Pele rachada na região próxima à vulva;
  • Dor durante as relações sexuais.

Apesar disso, recordamos que a candidíase não é uma doença sexualmente transmissível.

É importante ficar atenta aos sinais de baixa imunidade: se a mulher está tomando antibióticos, se é diabética, portadora de HIV, caso tome anticoncepcionais ou até mesmo caso esteja grávida, em período de amamentação ou na menopausa. Consulte regularmente um médico ginecologista pelo espectro ser bastante abrangente. Além de checar a candidíase, você mantém a saúde da vagina sempre em dia.

Tratada com pomadas ou comprimidos antifúngicos, a enfermidade logo some. Porém, caso ela persista por mais de cinco dias ou apareça muitas vezes em um período curto de tempo, é hora de atentar-se para consultar um médico especialista. Outro ponto importante é lembrar que não existe apenas a candidíase vaginal. A infecção, causada pelo mesmo fungo Candida albicans, também pode aparecer na boca (candidíase oral), no intestino e também pode afetar o órgão sexual masculino.

Entretanto, existem outras formas de se tratar e prevenir a candidíase. Uma não tão conhecida, por exemplo, é o uso de própolis para combatê-la.

Própolis é bom para a candidíase?

O própolis é uma substância gerada pelas abelhas e formada por ceras e resinas que contém propriedades:

  • Antifúngicas
  • Antivirais
  • Anti-inflamatórias
  • Antioxidantes
  • Antissépticas
  • Cicatrizantes

Um estudo de 2005 da Universidade Federal de Minas Gerais comparou o extrato de própolis com a nistatina, um dos antifúngicos mais comuns usados no tratamento da candidíase geralmente encontrado de forma tópica (comprimidos ou pomadas) e constatou: o extrato de própolis é tão eficaz quanto a nistatina. Portanto, podemos afirmar que o própolis combate candidíase naturalmente de um jeito eficaz!

Dica: conheça outros benefícios do própolis para a saúde nesse artigo.

Como usar própolis para candidíase?

Duas boas formas de usar própolis para combater candidíase consistem em usar sabonete feito a partir dele ou fazer banho de assento. Confira como usar cada uma destas opções para obter alívio rápido e eficaz:

Sabonete de própolis para candidíase

O sabonete de própolis é facilmente encontrado em supermercados e lojas de cosméticos por um preço bastante em conta. Use-o para lavar a região íntima quando estiver com candidíase toda vez que tomar banho até sentir melhora. O contato do própolis com a vagina vai ativar suas propriedades antifúngicas e antibactericidas e restabelecer a flora bacteriana local.

Banho de assento com própolis

Outra forma de utilizar o própolis no tratamento da candidíase é com o banho de assento. Você pode fazê-lo em casa e vai precisar apenas de uma bacia, um litro de água morna e dez gotas de extrato de própolis sem álcool. Permaneça sentada por vinte a trinta minutos. Você pode, ainda, com a mesma água, fazer uma lavagem vaginal. Lembre-se de deixar o própolis entrar em contato com a vagina para melhorar a eficácia do tratamento. Para conhecer melhor esta técnica, sugerimos que você entre no artigo como fazer banho de assento.

Sugestão: Acesse também esse artigo e descubra como usar kefir para tratar candidíase.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como usar própolis para candidíase - natural e eficaz!, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Escrever comentário sobre Como usar própolis para candidíase - natural e eficaz!

O que lhe pareceu o artigo?

Como usar própolis para candidíase - natural e eficaz!
Como usar própolis para candidíase - natural e eficaz!

Voltar ao topo da página