Outros A depressão

Depressão sorridente: como identificar e tratar

 
Juliana Ribeiro
Por Juliana Ribeiro. Atualizado: 12 maio 2023
Depressão sorridente: como identificar e tratar

A importância de ter uma boa saúde mental é cada vez mais valorizada. Nos últimos anos, fica evidente o trabalho de expor publicamente sua relevância e a necessidade de investimento por parte dos órgãos públicos para suprir as deficiências do sistema de saúde para o enfrentamento desse problema. Nesse sentido, as depressões são as doenças relacionadas à saúde mental que mais acometem a população e, neste caso, a depressão sorridente é uma delas. Segundo a Organização Mundial da Saúde, mais de 300 milhões de pessoas no mundo são afetadas por algum tipo de depressão. A depressão sorridente é uma das depressões silenciosas mais complexas porque, à primeira vista, é difícil de identificar em comparação com outras depressões.

Para saber sobre depressão sorridente: como identificar e tratar, causas e tratamento, no umCOMO recomendamos que você continue lendo este artigo.

Também lhe pode interessar: Como combater a depressão
Índice
  1. O que é depressão sorridente
  2. Causas da depressão sorridente
  3. Sintomas da depressão sorridente
  4. Tratamento de depressão sorridente
  5. Como ajudar uma pessoa com depressão sorridente

O que é depressão sorridente

A depressão sorridente, também conhecida como depressão atípica ou depressão encoberta, é um distúrbio emocional que pode fazer você se sentir triste e impedir que você aproveite a vida. Embora a maioria das pessoas que sofre de depressão experimente esse humor deprimido, outras mantêm uma aparência de felicidade para os outros enquanto sofrem internamente de sintomas depressivos.

Ao contrário de outras depressões, na depressão sorridente, o humor pode experimentar uma melhora em resposta a eventos positivos que acontecem com a pessoa que sofre com isso. É uma das depressões mais perigosas porque é muito difícil de detectar em pessoas que sofrem dela.

Quem tem depressão também sorri

Aparentemente, elas não têm motivos para se sentir mal ou tristes e sorriem sempre que você as cumprimenta. Elas são até capazes de ter conversas agradáveis, colocando uma máscara para o mundo exterior, aparentando levar uma vida ativa e normal. A força que sentem para continuar o dia a dia torna as pessoas que sofrem com isso especialmente vulneráveis ​​a realizar planos de suicídio.

Depressão sorridente: como identificar e tratar - O que é depressão sorridente

Causas da depressão sorridente

Você está se perguntando o que causa a depressão sorridente? Bem, existem diferentes causas que levam a uma depressão sorridente, também chamada de depressão feliz. São as seguintes:

  • Enorme responsabilidade: sentir que o bem-estar das pessoas ao seu redor depende de si mesmo pode desencadear um transtorno como a depressão sorridente. Por exemplo, pais que não querem preocupar seus filhos ou seus próprios filhos que têm medo de desapontar seus pais de alguma forma, são alguns dos grupos mais vulneráveis.
  • Estigmas pessoais e sociais: a estigmatização da saúde mental ainda é muito presente na sociedade, pois há pessoas que continuam a considerar que a depressão é algo que você escolhe ter ou não. Esse aspecto pode provocar um sentimento de vergonha na pessoa que sofre com isso e medo de que os outros pensem que ela é fraca.
  • Alto grau de autoexigência: há pessoas sorridentes que não se permitem sentir-se fracas ou debilitadas. Elas têm pavor de cometer erros em qualquer aspecto de suas vidas, podendo desenvolver uma depressão como a sorridente.
Depressão sorridente: como identificar e tratar - Causas da depressão sorridente

Sintomas da depressão sorridente

Os sintomas que uma pessoa que sofre de depressão sorridente pode apresentar são os seguintes:

  • Manter-se muito ativo. A pessoa precisa passar todo o seu tempo no trabalho, se concentrar nos problemas ao seu redor e procurar novos hobbies ou objetivos a serem alcançados. São mecanismos de fuga de sentimentos negativos.
  • Respostas excessivamente severas quando perguntado como está ou se está bem, afirmando que não tem nenhum problema e que nada está errado.
  • Baixa autoestima. Busca a aceitação dos outros exageradamente. Essa pessoa é muito suscetível a críticas, o que pode afetar suas relações pessoais e de trabalho.
  • Aumento ou diminuição do apetite. Existe uma relação entre transtornos alimentares e depressão, pois, em muitos casos, esses transtornos escondem sentimentos de grande dor para a pessoa que os sofre.
  • Problemas relacionados ao sono, como hipersonia ou insônia, ou seja, você pode dormir demais ou dormir pouco.
  • Cansaço geral ao longo do dia e sensação de peso nas pernas ou braços.

Tratamento de depressão sorridente

Você está se perguntando como tratar a depressão sorridente? Bem, o tratamento para a depressão sorridente é muito semelhante ao da depressão oculta ou maior. Geralmente inclui psicoterapia, tratamento medicamentoso, mudanças no estilo de vida e apoio da família e amigos.

Expressar-se e falar sobre o que sente é essencial para enfrentar os pensamentos negativos, que você deve lutar para evitar que cresçam e piorem.

Como ajudar uma pessoa com depressão sorridente

Se alguém em seu ambiente sofre de depressão sorridente, você provavelmente quer ajudar. Para fazê-lo corretamente, no umCOMO oferecemos as seguintes dicas:

  • Ouvir é essencial. A outra pessoa precisa que você a ouça, sem fornecer soluções ou conselhos.
  • Tente expressar sua total disposição em ajudar organizando consultas, fazendo companhia a ela e estando presente nas sessões de terapia familiar.
  • Tente explicar que a depressão é uma doença. Não é qualquer falha ou fraqueza pessoal. Além disso, deixe-a saber que a depressão geralmente melhora com o tratamento.
  • Você pode sugerir que essa pessoa procure ajuda profissional: um médico de saúde mental, um conselheiro licenciado ou psicólogo.

Além disso, neste artigo do umCOMO você também pode aprender mais sobre Como ajudar uma pessoa com depressão.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Depressão sorridente: como identificar e tratar, recomendamos que entre na nossa categoria de Saúde Mental.

Escrever comentário
O que lhe pareceu o artigo?
1 de 3
Depressão sorridente: como identificar e tratar