menu
Partilhar

Menstruação livre: como praticar

 
Por Juliana Ribeiro. 1 março 2022
Menstruação livre: como praticar

Aproximadamente a cada 28 dias, ocorre sangramento vaginal no corpo feminino, ou seja, a menstruação, processo que envolve a saída, através do colo do útero e da vagina, de sangue e parte dos tecidos que revestiram o útero em preparação para a recepção e desenvolvimento de uma possível gravidez após a fertilização do óvulo.

É o ciclo biológico periódico normal, que termina com sangramento natural, que dura alguns dias, geralmente entre 4 e 6, em que o uso de diferentes elementos de higiene, como compressas, tampões, lenços umedecidos ou copos vaginais que coletam o fluido é habitual. Esses elementos são realmente essenciais quando você está menstruada? Descubra neste artigo do umCOMO como praticar a menstruação livre.

Também lhe pode interessar: Que mitos existem sobre a menstruação

O que é menstruação livre ou free bleeding

A ideia de manter a menstruação livre, ou seja, o sangramento livre, não é um conceito novo. Desde os anos 70, especialmente após os primeiros choques tóxicos e complicações de saúde derivadas de reações alérgicas que algumas mulheres sofriam ao usar produtos de higiene íntima, a adequação de recorrer a eles em vez de deixar o sangue fluir naturalmente começou a ser questionada.

O free bleeding é o mesmo conceito, mas em inglês. E, consiste simplesmente nisso, em deixar o corpo feminino livre quando se trata de permitir que o sangue menstrual saia naturalmente, sem usar nenhum elemento para absorvê-lo ou recolhê-lo. Sem dúvida, essa prática é saudável, porque se baseia no próprio funcionamento do corpo humano, sem nenhuma intervenção, mas apresenta um problema tão básico quanto complexo de resolver: o sangue flui pela vagina e mancha tudo o que encontra a sua frente, a região das coxas e, claro, a roupa íntima, tornando-se visível e podendo causar situações desconfortáveis.

Poder deixar o fluxo menstrual sair sem entraves, mas controlá-lo, para evitar manchas indiscretas, é realmente o que propõe o free bleeding, que é mais do que um sangramento livre, pois na verdade, é um sangramento consciente.

Como praticar a menstruação livre

Quer saber como funciona o free bleeding? Bom, ressaltamos que praticar o sangramento livre não é tão simples quanto pode parecer à primeira vista, pois o objetivo é fazer você se sentir bem e não que você esteja constantemente preocupada com possíveis manchas.

Para isso, o primeiro passo é tomar consciência do próprio corpo e aprender a interpretar os 'sinais' enviados pelo útero e pela vagina antes da saída gradual do fluxo. Em suma, a menstruação livre implica saber quando o útero vai fazer aquela pequena contração necessária para que o sangue flua, para poder controlá-lo e retê-lo até que seja possível acessar um banheiro onde possa deixá-lo sair em momento oportuno.

E como expulsar todo o sangue da menstruação? É claro que, para que essa metodologia funcione, a prática e um pouco de paciência são requisitos essenciais. Além disso, algumas dicas que podem ajudar a saber como começar com o sangramento livre são:

Introspecção e autocontrole

O free bleeding requer uma boa capacidade de introspecção e autocontrole, de modo que técnicas baseadas na meditação e no conhecimento do próprio corpo, como a yoga, podem ser uma excelente ajuda.

Exercícios de Kegel

O controle da musculatura da região pélvica é essencial para, em determinado momento, poder controlar o fluxo vaginal. Nesse sentido, os exercícios de Kegel que fortalecem o assoalho pélvico são uma ferramenta fundamental para praticar com sucesso o sangramento livre. Aqui abaixo você pode ver um vídeo para aprender a realizar os exercícios de Kegel.

Escolha o momento

Se você está animada a tentar, comece no momento certo. Você deve ter em mente que, acima de tudo, no início você precisará ter um banheiro por perto, assim pode aproveitar um período de férias, em que esteja relaxada e em casa, esses podem ser os melhores começos porque, lembre-se , requer prática e, se estiver acostumada a usar tampões ou absorventes, é mais do que provável que não consiga controlar o fluxo na primeira tentativa.

Fora preconceitos!

Se optar pelo free bleeding, deixe para trás o equívoco de que o sangue menstrual é algo sujo, desagradável ou que você deve esconder. Além disso, se ocorrer um 'vazamento', absolutamente nada acontece, simplesmente custará um pouco de tempo para remover as manchas das roupas.

Benefícios do free bleeding

Apesar de ser uma opção muito pessoal, as mulheres que praticam o free bleeding apontam uma série de benefícios interessantes. Não há dúvida de que o corpo feminino não incluiu elementos 'de série' de higiene íntima no desenvolvimento do ciclo menstrual, ou seja, é um método totalmente natural, sem nenhum risco ou contraindicação. Para isso, oferecemos-lhe alguns dos benefícios da menstruação livre:

  • A nível físico, o controle da menstruação e o fortalecimento da zona pélvica favorecem a saúde ginecológica, prevenindo também outros tipos de disfunções, como a perda de urina.
  • A ausência de elementos de higiene favorecerá a transpiração ideal da zona íntima, evitando também, o risco de possíveis reações alérgicas ou adversas a qualquer um dos componentes utilizados na sua fabricação.
  • A sensação de controle de seu próprio corpo e a eliminação de tabus podem fazer você se sentir mais empoderada do que nunca.

Como você bem sabe, o ciclo menstrual pode ser desconfortável durante os dias antecessores e durante a menstruação, por isso, se além dessas dicas para praticar o sangramento livre, você quer saber como o estresse afeta a menstrução, não perca este artigo do umCOMO. Também te contamos os mitos que existem sobre a menstruação.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Menstruação livre: como praticar, recomendamos que entre na nossa categoria de Saúde Familiar.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?
Menstruação livre: como praticar
Menstruação livre: como praticar

Voltar ao topo da página