Partilhar

O que é a circuncisão

Por Paula Cassandra. Atualizado: 16 janeiro 2017
O que é a circuncisão
Imagem: blogs.ricmais.com.br

Judeus e muçulmanos têm o costume de circuncidar os seus filhos, depois de uma semana que nasceram, há mais de cinco mil anos. Para entender os motivos do procedimento cirúrgico, confira as informações que o umComo.com.br reuniu sobre o que é a circuncisão e como funciona a cirurgia.

Também lhe pode interessar: O que é Ginecomastia
Passos a seguir:
1

Para o povo judeu, adepto da prática da circuncisão em bebês, já na sua primeira semana de vida, a cerimônia se chama berit milá. O ritual, já que “berti” significa pacto, consiste em remover o prepúcio, ou seja, a pele que cobre a glande, popularmente chamada de “cabeça” do pênis. O procedimento cirúrgico também é denominado de exérese do prepúcio, peritomia ou postectomia, sendo que o mesmo, segundo a OMS – Organização Mundial de Saúde foi realizado em torno de 30% dos homens, em todo o mundo.

O que é a circuncisão - Passo 1
Imagem: playkidsapp.com
2

O motivo principal da circuncisão é religioso, sendo que a explicação é que esse ato é a maneira que o recém-nascido judeu do sexo masculino tem de juntar-se ao povo judeu, o que deve ser feito no oitavo dia. Dessa forma, significa uma aliança entre Deus e Abraão e seus descendentes, uma vez que Deus teria tornado obrigatória a prática a Abraão e aos demais homens de sua casa. Esse pacto representa uma aliança de carne e um ato de fé.

3

No final do século XIX, a circuncisão se espalhou pelo Ocidente como uma prática que visava combater a masturbação masculina. Já no início do século XX, o procedimento cirúrgico se tornou rotineiro, inclusive, nos Estados Unidos, onde se estima que grande parte da população de homens tenha passado por essa cirurgia. A disseminação do procedimento sem fins religiosos deveu-se ao fato de ser considerada uma forma eficiente de evitar que o sexo masculino desenvolve fimose.

4

Essa doença ocorre quando o prepúcio não permite que parte da glande ou toda ela seja exposta, o que pode causar inflamações na região. Porém, conforme a gravidade da fimose há tratamentos, hoje em dia, como o uso de pomadas, que substituem a cirurgia. Além disso, os bebês costumam nascer com o prepúcio maior, cobrindo todo o pênis, no entanto, esse aspecto no início da vida é normal e com o tempo o prepúcio se retrai.

5

Vale dizer que muitas pessoas pensam em fazer a circuncisão, como maneira preventiva, para evitar possíveis futuras inflamações no pênis. Por outro lado, especialistas lembram que ter uma correta higienização do local é o suficiente para evitar problemas na região, como inflamações, doenças sexualmente transmissíveis e mesmo o câncer. De qualquer forma, quando a circuncisão é feita, a glande fica descoberta em sua totalidade ou parcialmente coberta, o que pode variar conforme a preferência do paciente ou de seus familiares, no caso de ser um bebê.

O que é a circuncisão - Passo 5
Imagem: botasot.info
6

Atualmente, o procedimento é acompanhado de anestesia geral ou local, de acordo com cada paciente. Por isso, especialistas ressaltam que a circuncisão funciona como qualquer outra cirurgia, ou seja, sempre há o risco de haver complicações, entre elas, hemorragias, hematomas e infecções. Por isso, é importante buscar profissionais de confiança para realizar o procedimento.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a O que é a circuncisão, recomendamos que entre na nossa categoria de Saúde Familiar.

Escrever comentário sobre O que é a circuncisão

O que lhe pareceu o artigo?

O que é a circuncisão
Imagem: blogs.ricmais.com.br
Imagem: playkidsapp.com
Imagem: botasot.info
1 de 3
O que é a circuncisão

Voltar ao topo da página