Partilhar

Problemas hormonais femininos - sintomas

 
Por Sara Viega. Atualizado: 27 abril 2017
Problemas hormonais femininos - sintomas

A mulher pode sofrer desequilíbrios ou mudanças hormonais que influenciam tanto a saúde física como a emocional. No geral, os desequilíbrios hormonais femininos surgem com a idade, sendo os mais conhecidos que acompanham a menopausa. Contudo, também é possível que sejam provocados por uma dieta inadequada ou por predisposição genética.

Os sintomas de problemas hormonais mais frequentes são: mudanças de humor, aumento ou perda de peso rápidas, alterações na pele, dor de ovários e outros que explicaremos em seguida. Apesar destas alterações serem normais em muitos casos, em outros é necessário intervir para controlá-los. Por este motivo, o umCOMO criou essa matéria sobre Problemas hormonais femininos - sintomas, para que você saiba quais são as situações mais comuns. Fique ligada!

Quais são as hormonas femininas

Antes de tudo, devemos saber que as hormonas possuem uma função reguladora no corpo da mulher, intervindo tanto no desenvolvimento físico como mental, além de interferir em aspetos como, por exemplo, o nosso peso. A mulher tem 7 tipos de hormonas principais:

Estrógenos

São as hormonas femininas responsáveis pelo desenvolvimentos dos elementos sexuais: crescimento do peito, aparecimento da menstruação e regulação da atividade do aparelho reprodutor. Alguns dos problemas hormonais em mulheres relacionados com a subida ou perda de estrógenos pode resultar em ansiedade, nervos, mal-estar muscular s falta de ar, entre outros.

Progesterona

A função da progesterona é de grande importância durante a ovulação e a gravidez. No primeiro caso, esta hormona feminina está encarregue de preparar o útero para a implantação do óvulo e assegurar o processo de gravidez. Nesse sentido, a hormona facilita o aumento dos seios para a segregação de leite durante a lactância.

Testosterona

Os problemas hormonais nas mulheres associados à testosterona estão relacionados com alterações sexuais, como o desejo sexual feminino. Enquanto que, nos homens, a produção de testosterona ocorre nos testículos, no seco feminino a sua segregação vem dos ovários. Contudo, a sua presença é muito mais elevada nos homens do que nas mulheres. .

DHEA

Neste caso, as alterações hormonais podem provocar fadiga, dores musculares e falta de desejo sexual, entre outros.

Oxitocina

É, talvez, uma das hormonas sexuais femininas mais conhecidas. Está relacionada com o prazer durante as relações sexuais, a libido, etc. Os problemas hormonais provocados pela oxitocina podem provocar falta de desejo sexual ou mesmo a impossibilidade de atingir um orgasmo.

Cortisol

É uma hormona esteroide que é liberada por duas glândulas pequenas que se situam sobre cada rim. É graças a ela que se regula a pressão arterial, o sistema imunológico, os níveis de estresse, ajudando também a manter os níveis de açúcar no sangue.

Tiroideas

São as hormonas segregadas pela glândula tireoide, cuja função é essencial para regular o metabolismo. Uma das suas principais funções é ajudar a queimar as calorias dos alimentos. Como consequência, as mulheres com desequilíbrios hormonais deste tipo podem aumentar repentinamente de peso ou perder peso sem causa aparente.

Saiba mais sobre a função das hormonas, acessando esse artigo do umCOMO.

Problemas hormonais femininos - sintomas - Quais são as hormonas femininas

Causas dos problemas hormonais femininos

Os problemas hormonais femininos estão relacionados com a alteração de alguma das hormonas antes descritas. No geral, as causas mais comuns que podem provocar estas alterações são as seguintes:

Causas mais comuns

A menstruação, a gravidez, a amamentação e a menopausa são períodos em que a mulher passa por mudanças hormonais naturais.

Dieta

A alimentação é um aspeto fundamental no metabolismo feminino. Uma dieta inadequada pode provocar uma alteração metabólica e, como consequência, pode ter lugar uma resistência do organismo à insulina. O excesso de sal, álcool, açúcar, alimentos alergênicos como o açúcar, o leite ou os ovos, ácidos gordos saturados ou bebidas estimulantes pode provocar este tipo de problemas hormonais femininos.

Estresse

As mudanças hormonais também podem estar relacionadas com a nossa saúde emocional e mental. Um estilo de vida marcado por estresse constante na rotina pode afetar o sistema endócrino. A exposição a longos períodos de estresse faz com sejam liberados altos níveis de cortisol e, consequentemente, sejam produzidas alterações no nosso corpo.

Predisposição genética

Alguns dos sintomas dos problemas hormonais femininos são manifestados através de uma tendência maior a sofrer este tipo de alterações. Alguns dos mais frequentes são os problemas na tireoide, como o hipertireoidismo.

Problemas hormonais femininos - sintomas - Causas dos problemas hormonais femininos

Síntomas de problemas hormonales femininos

Resumidamente, os sintomas dos problemas hormonais femininos mais comuns são os seguintes:

  • Mudanças de humor.
  • Perda ou ganho súbito de peso.
  • Cansaço ou fadiga.
  • Mau humor, tristeza.
  • Problemas para dormir: insônia.
  • Sudação excessiva.
  • Problemas digestivos.
  • Problemas na pele: acne, etc.
  • Falta de ar.
  • Secura vaginal.
  • Falta de desejo sexual.
  • Presença de sangue escuro depois da menstruação.
  • Perda de cabelo repentina.
  • Retenção de líquidos.
  • Dores de cabeça severas
  • Tonturas e perdas de memória.
  • Falta de concentração.
  • Irritabilidade.
  • Endometriose.
Problemas hormonais femininos - sintomas - Síntomas de problemas hormonales femininos

Mudanças hormonais segundo a idade da mulher

Mudanças hormonais em mulheres dos 30-35 anos

As hormonas possuem um papel importante durante todo o ciclo de vida da mulher, mas principalmente desde a sua adolescência até ao aparecimento da menopausa. A partir dos 30-35 anos, os problemas hormonais femininos têm maior tendencia para provocar aumentos de peso e perda de massa muscular que resulta em flacidez, perda de elasticidade na pele e uma maior probabilidade de sofrer de osteoporose, uma vez que também se perde massa óssea.

Mudanças hormonais em mulheres de 40 anos

A partir dos 40 anos, a mulher passa por uma série de mudanças que levam à pré-menopausa e à menopausa e que se estendem até aos 54, aproximadamente. É aí que que surgem os sintomas da pré-menopausa, momento em que a mulher começa a sofrer alterações no período menstrual. Este período inicial dá, depois, lugar à menopausa, momento em que as mudanças hormonais provocam o fim da menstruação.

Problemas hormonais femininos - sintomas - Mudanças hormonais segundo a idade da mulher

O que fazer em relação às mudanças hormonais

Antes de tudo, é importante saber que o aparecimento dos sintomas que indicam problemas hormonais é inevitável. Numa escala maior ou menor, eles vão aparecendo na mulher e, embora o seu impacto possa ser reduzido, no final todas passam pela menopausa. Contudo, é possível seguir uma série de conselhos que ajudam a prevenir e a combater os problemas hormonais.

Alimentos para combater as mudanças hormonais

  • Manjericão. Ajuda a regular os níveis de cortisol, assim como determinadas funções do organismo.
  • Sementes de chia. São muito ricas em ômega 3 e ácidos gordos, que intervêm na produção de hormonas.
  • Óleo de coco. O seu alto teor de ácidos gordos estimula o funcionamento da tireoide. Nesse sentido, acelera o metabolismo, regula os níveis de açúcar e reforça o sistema imunológico.

Conselhos para diminuir os sintomas dos problemas hormonais femininos

  • Praticar atividade física. Fundamental para favorecer a circulação sanguínea, fortalecer os músculos, ossos e articulações, reduzir a retenção de líquidos, aliviar o estresse, promover a liberação de endorfinas e outros benefícios que ajudam a manter os efeitos dos desequilíbrios hormonais afastados.
  • Dieta equilibrada. Como explicado antes, a alimentação pode ser uma das causas dos problemas hormonais. Por esse motivo, garanta que tem uma dieta variada e equilibrada, rica em nutrientes e baica em gorduras não saudáveis.
  • Consultar o médico. É fundamental fazer um check-up, no mínimo, uma vez por ano. Uma revisão médica pode detetar problemas de tireoide, uma alteração que requer intervenção médica para ser curada.
Problemas hormonais femininos - sintomas - O que fazer em relação às mudanças hormonais

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Problemas hormonais femininos - sintomas, recomendamos que entre na nossa categoria de Saúde Familiar.

Escrever comentário sobre Problemas hormonais femininos - sintomas

O que lhe pareceu o artigo?

Problemas hormonais femininos - sintomas
1 de 6
Problemas hormonais femininos - sintomas

Voltar ao topo da página