Partilhar

Quais são os ansiolíticos naturais - 10 opções poderosas

Por Sara Viega. Atualizado: 25 julho 2017
Quais são os ansiolíticos naturais - 10 opções poderosas

A ansiedade, os ataques de pânico e as restantes condições mentais associadas são das doenças mais comuns hoje em dia. Em algum momento das nossas vidas, todos passarmos por uma crise de nervos e, embora isso por si só não seja ruim, o certo é que a maioria da população sofre de ansiedade crônica.

Os números de que falamos são tão reais que é possível dizer que mais de 10% da população usa ansiolíticos receitados habitualmente, além de todas as pessoas que o fazem sem receita e sem nunca terem sido diagnosticados.

Se tivermos os efeitos dos ansiolíticos em conta, assim como falaremos em seguida, é fácil ver que existe uma necessidade de substituí-los por uma opção menos aditiva e que seja adequada para todas as pessoas que sofrem com este tipo de condição. Por esse motivo, o umCOMO sugere que você confira essa lista para saber quais são os ansiolíticos naturais e como usar cada um de acordo com os efeitos que provocam no seu corpo.

Também lhe pode interessar: Quais são os melhores calmantes naturais

O que é ansiedade?

A ansiedade, por si só, não ñe algo ruim. No sentido evolutivo, a ansiedade é um sistema de alerta do corpo que serve para nos preparar para certas situações que podem ser consideradas perigosas ou ameaçadoras. Isso significa que, perante uma situação em que você pode estar em perigo, o seu corpo ativa determinados mecanismos de defesa para que seja possível reagir contra essa ameaça com mais eficácia.

No entanto, o que antes representava uma ajuda extra para poder reagir é, hoje em dia, um dos problemas psiquiátricos mais habituais no mundo ocidental, conhecido como transtorno de ansiedade generalizada em termos médicos. O que acontece é que, hoje em dia, não costumam existir tantas ameaças e perigos físicos, mas o nosso corpo continua agindo do mesmo jeito. Problemas familiares ou no trabalho e situações novas acabam por provocar uma série de sintomas físicos que provocam um mal-estar que se manifesta, principalmente, na preocupação constante e excessiva em relação a qualquer coisa.

É essencial destacar que existem diferentes graus de ansiedade. A maioria das pessoas pode ser afetada por um estado de ansiedade transitória: quando se inicia um novo trabalho ou quando se aproxima um exame importante. No entanto, para falar de transtorno de ansiedade generalizada, ela deve se prolongar de forma crônica por mais de 6 meses (piorando com o tempo, possivelmente, quando não é tratada adequadamente).

Quais são os ansiolíticos naturais - 10 opções poderosas - O que é ansiedade?

Ansiolíticos: o que são?

Os ansiolíticos são um tipo de medicamento destinado a diminuir e tratar os sintomas provocados por certos transtornos psicológicos como o transtorno de ansiedade generalizada. Em qualquer caso, estes medicamentos requerem receita e acompanhamento médico pois, embora não tenham muitas contraindicações, provocam efeitos secundários complexos como a sonolência excessiva e a adição.

Estes medicamentos estão compostos por benzodiazepinas. Entre eles, encontramos alguns muito populares, como:

  • Clonazepam: usado para a ansiedade e fobia social.
  • Lorazepam: receitado principalmente para tratar transtornos de pânico.
  • Alprazolam: usado tanto para tratar a ansiedade como transtornos de pânico.

Apesar de serem muito receitadas, as benzodiazepinas não deixam de ser uma droga potente que apenas deve ser consumida por um período de tempo curto. Caso contrário, provoca adição e pode fazer com que o paciente desenvolva síndrome de abstinência. Além disso, tem fortes interações com outros fármacos e produtos como o álcool, algo que cada ano causa milhares de mortes em todo o mundo.

No entanto, além dos ansiolíticos sintéticos, existem outras ervas e plantas na natureza que podem oferecer efeitos parecidos, funcionando como remédios naturais com menos problemas, interações e efeitos secundários.

Em seguida, identificamos quais são os ansiolíticos naturais poderosos para combater a ansiedade e outros transtornos psicológicos para que você possa usá-los como alternativa a estes medicamentos.

Valeriana para la ansiedad

A valeriana é uma das plantas mais populares para aliviar a ansiedade e prevenir a insônia. Tanto na América, como na Ásia e na Europa já se converteu em um dos ansiolíticos naturais mais comuns. O outro fator é, obviamente, o seu poder calmante, cujos efeitos já foram comprovados em diversos estudos.

A valeriana é especialmente eficaz para relaxar e conseguir o estado perfeito para conciliar o sono, algo muito benéfico para quem sofre de insônia. Grande parte do seu efeito ansiolítico vem do óleo essencial de valeriana que, quando é associado aos receptores GABA, inibe a re-captação de neurotransmissores.

Embora não se trate de um ansiolítico tão potente como alguns medicamentos, a realidade é que é suficientemente eficaz para tratar a ansiedade generalizada em estados mais leves, como insônia e estresse.

Por outro lado, um dos principais sintomas associados à ansiedade das as dores gastrointestinais, assim como a dispepsia e a distensão abdominal. Se tivermos em conta que a valeriana possui propriedades antiespasmódicas, ela pode ser um excelente tratamento para prevenir esses problemas.

Quais são os ansiolíticos naturais - 10 opções poderosas - Valeriana para la ansiedad

Ansiolítico leve: papoila da Califórnia

Muitas pessoas conhecem a papoila da Califórnia pelas suas belas flores alaranjadas que surgem no verão. A verdade é que esta planta é muito popular, sobretudo no mundo dos floristas e decoradores. Contudo, a beleza não é a sua única qualidade, uma vez que possui efeito ansiolítico natural.

Esta planta coloca o corpo em um estado de sedação suave e estável do sistema nervoso, podendo ser usada para tratar o nervosismo, a ansiedade e o estresse, tanto em crianças como em idosos. Os efeitos produzidos são muito parecidos com os da valeriana, uma vez que também atua sobre os receptores GABA, embora não tenha sido tão estudada como a planta anterior.

No entanto, os benefícios da papoila da Califórnia são perfeitos para outras condições como:

  • Dor de garganta
  • Dor de cabeça
  • Dor muscular
  • Hipertensão

Ansiolítico poderoso: tília

A tília é outra das plantas mais reconhecidas para tratar a ansiedade e o nervosismo, um título que fez com que se tornasse dos ansiolíticos naturais poderosos mais populares. O seu efeito é provocado por alguns dos seus componentes, especialmente o limoneno, o nerol, o ácido cafeico e o alfa-pineno, substâncias que oferecem benefícios a nível antiespasmódico, ansiolítico e sonífero.

Isto significa que, quando tomamos tília, relaxamos o sistema nervoso, o que provoca um relaxamento muscular e uma indução do sono. Contudo, a sua ação não se manifesta apenas no sistema nervoso - a tília oferece outros benefícios como o estímulo das funções do fígado, sobretudo desintoxicação, algo fundamental para que possamos chegar a estados profundos de relaxamento.

Quais são os ansiolíticos naturais - 10 opções poderosas - Ansiolítico poderoso: tília

Ansiolítico natural: passiflora

A passiflora, popularmente conhecida por flor de maracujá, pode ser encontrada principalmente em países tropicais da América, em algumas zonas da Ásia e Oceania. Esta planta tem um efeito relaxante muito poderoso! Na verdade, alguns estudos realizados chegaram até a comparar os seus efeitos com os produzidos pelo Valium. Assim sendo, podemos estar falando de um potente ansiolítico sem receita médica. Contudo, apesar de ser natural, não significa que esta substância seja inofensiva e que possa ser consumida de qualquer jeito. É essencial ser cuidadoso e prevenir a sobredosagem e, por esse motivo, esta substância é contra-indicada para crianças e mulheres gestantes ou lactantes.

Camomila

A camomila é uma das infusões mais populares em todo o mundo, assim como o chá. Esta planta costuma ser consumida depois das refeições. Esta planta é muito popular porque possui propriedades antiespasmódicas que previnem a dor gastrointestinal e facilitam a digestão.

O que muita gente não sabe é que esta planta também possui ação tranquilizante, relaxando os estados de nervosismo graças ao flavonoide, um componente presente nas flores de camomila.

Uma das principais características desta planta é o facto de ser liberada para consumo em bebês, algo restrito a muito poucas plantas. A camomila pode até ser utilizada para prevenir as típicas cólicas dos bebês.

Quais são os ansiolíticos naturais - 10 opções poderosas - Camomila

Ansiolítico natural para deixar de fumar: lúpulo

Embora todo o mundo conheça o lúpulo pela sua utilização na produção da cerveja, esta planta possui muitas outras propriedades. A sua ação relaxante faz desta substância um dos melhores ansiolíticos naturais que podemos encontrar.

As propriedades tranquilizantes do lúpulo são especialmente indicadas para a fase da menopausa, etapa em que surgem certos transtornos nervosos provocados pela queda da produção hormonal. No entanto, tendo em conta que o lúpulo incide na produção de estrogênios, sempre se deve consultar um especialista antes de iniciar a toma deste tranquilizante.

Os efeitos que o lúpulo produz no nosso organismo são de índole hipnótica e sedante, como depressor do sistema nervoso central, sendo um bom tratamento para condições como a insônia e os nervos. Além disso, é especialmente indicado para tratar a ansiedade produzida pela síndrome de abstinência quando alguém deixa de fumar.

Quais são os ansiolíticos naturais - 10 opções poderosas - Ansiolítico natural para deixar de fumar: lúpulo

Galphimia glauca: o melhor ansiolítico do mundo?

Apesar de não ser uma planta muito popular ou usada no mundo ocidental, a verdade é que este é um produto natural que está sendo utilizado pela medicina tradicional chinesa há milhares de anos. As propriedades atribuídas a esta planta são incontáveis, mas se destacam a ação afrodisíaca e o seu efeito anti-idade. A verdade é que é uma planta muito rica em antioxidantes, o que legitima o efeito da idade. Contudo, a surpresa é que estudos recentes demonstram que esta é uma planta com efeitos muito poderosos a nível ansiolítico.

Os estudos feitos comprovaram um dado surpreendente: um extrato hidro-alcoólico de galphimia glauca contém pouco mais de 50/mg/g de galfimina B, resultando num efeito ansiolítico mais elevado do que pode ter o lorazepam. O mais impressionante é que também foi demonstrado que não produz efeitos secundários, o que faz deste um dos melhores ansiolíticos do mundo.

Centella asiática

A centella ou centelha asiática é um dos pequenos milagres da natureza que, assim como a babosa ou o alho, parecem ser usadas para tratar quase qualquer doença. Como o seu nome indica, é de origem asiática, e é muito usada tanto na Ayurveda - a medicina tradicional índia - como na China. Normalmente, é consumida através de saladas e pratos semelhantes, cuja ingestão aporta benefícios na cicatrização de feridas, anti-inflamatórios, anticonceptivos, antimicrobianos ou neurológicos, entre muitos outros.

Contudo, se esta substância também está nesta lista, isso significa que também possui propriedades tranquilizantes e que aliviam a ansiedade, colocando o corpo em um estado de relaxamento que melhora os sintomas deste distúrbio.

Contudo, estes não são os únicos benefícios médicos da centella asiática. Esta planta também se destaca no tratamento de múltiplas doenças e condições como as seguintes:

  • Sífilis
  • Hepatite
  • Anemia
  • Asma
  • Bronquite
  • Celulite
  • Prisão de ventre
  • Disuria
  • Epilepsia
  • Hipertensão
  • Cirrose
  • Dor dental
Quais são os ansiolíticos naturais - 10 opções poderosas - Centella asiática

Cherimóia

A cherimóia é um fruto muito popular na América do Sul. Com os anos, tem sido cada vez mais comum no mercado ocidental. Este produto possui grandes concentrações de potássio, vitamina C e hidratos de carbono, possuindo ainda a capacidade de favorecer a absorção de ferro por parte do nosso organismo, além de fornecer grandes doses de antioxidantes.

Como remédio caseiro, é tradicionalmente usada para tratar condições como a artrite, o colesterol, os problemas gastrointestinais ou a anemia. Contudo, em alguns estudos ficou clara a sua atividade como reguladora dos sistemas GABA, com efeitos sedantes e ansiolíticos no nosso corpo.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Quais são os ansiolíticos naturais - 10 opções poderosas, recomendamos que entre na nossa categoria de Medicamentos e Suplementos.

Escrever comentário sobre Quais são os ansiolíticos naturais - 10 opções poderosas

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
A sua avaliação:
Gilson
Tenho uma pq plantação de stevia qual a melhor maneira de extração do açúcar é por destilação? E como fazer?

Quais são os ansiolíticos naturais - 10 opções poderosas
1 de 7
Quais são os ansiolíticos naturais - 10 opções poderosas

Voltar ao topo da página