Partilhar

Causas da prisão de ventre

Por Sara Viega. Atualizado: 3 julho 2018
Causas da prisão de ventre

A prisão de ventre é uma condição que ocorre quando o trânsito intestinal é alterado e funciona mais lento do que o habitual, impossibilitando que as fezes avancem e, portanto, dificultando a evacuação. Quando ocorre a prisão de ventre, além da incapacidade para evacuar o material fecal, é normal sofrer de flatulência, falta de apetite, dor abdominal, inflamação do ventre, entre outros sintomas. No seguinte artigo de umComo mostramos com detalhe porque temos este incômodo, explicando quais são as causas da prisão de ventre mais comuns.

Também lhe pode interessar: Como tratar a prisão de ventre

Dieta deficiente em fibra

Uma das principais causas da prisão de ventre está relacionada com a alimentação diária, já que as pessoas que seguem uma dieta deficiente em fibra apresentam alterações no trânsito intestinal e é habitual que sofram desta condição. Neste caso, o paciente deve realizar algumas mudanças em seus hábitos alimentares como:

  • Incluir na dieta alimentos ricos em fibra como frutas, verduras, legumes, cereais e frutos secos.
  • Evitar alimentos que prendam o intestino como arroz, banana, maçã, cenoura, confeitaria e comidas gordurosas.
  • Preferir sempre os cereais integrais em vez dos refinados ou processados.

Obtenha mais informação no artigo Alimentos para a prisão de ventre.

Consumo insuficiente de líquidos

A desidratação ou a pouca ingestão de líquidos também acarreta problemas no funcionamento do trânsito intestinal, favorecendo a prisão de ventre. Então beber a quantidade diária suficiente de água (2 l) e tomar sucos ou alimentos ricos em água facilitam a evacuação das fezes ao hidratar o intestino.

Vida sedentária

As pessoas que levam uma vida completamente sedentária ou praticam pouco exercício físico são bem mais propensas a sofrer de prisão de ventre em relação às pessoas que praticam atividade física. Realizar atividade física, ainda que seja 20 ou 30 minutos ao dia, além de fornecer muitos benefícios à saúde, favorece a mobilidade intestinal e, portanto, a evacuação das fezes.

Estresse

Entre as causas do estresse, há certos fatores psicológicos como o estresse ou o nervosismo no dia a dia. Isto ocorre devido às situações de estresse que implicam uma série de mudanças nos hábitos diários do paciente (tendência ao sedentarismo, comer fora da hora, o consumo de alimentos ricos em fibra é reduzido, etc.) e favorecem os desajustes digestivos, dando lugar às condições como a prisão de ventre. Esta situação é muito comum, por exemplo, quando estamos em viagem ou passamos uma longa temporada fora de casa, o que dá origem a uma série de variações que acabam afetando nosso ritmo intestinal, descubra neste artigo Como evitar a prisão de ventre nas viagens.

Gravidez

A prisão de ventre é um problema bastante comum nas mulheres grávidas já que produz um aumento do hormônio progesterona, o qual propicia que o ritmo intestinal seja mais lento do que é normalmente. A grande pressão que o útero exerce sobre o reto durante os últimos dias de gestação também pode agravar o problema.

Associada a outras doenças

Além das causas de prisão de ventre mencionadas, ela também pode ser um sintoma de condições de maior gravidade como é o caso de:

  • Diabetes
  • Hipotireoidismo
  • Doença de Parkinson
  • Síndrome de intestino irritável
  • Depressão
  • Câncer de colo do útero

Veja também: Como cortar o efeito do Lacto Purga

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Causas da prisão de ventre, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Escrever comentário sobre Causas da prisão de ventre

O que lhe pareceu o artigo?

Causas da prisão de ventre
Causas da prisão de ventre

Voltar ao topo da página