Partilhar

Como animar um paciente de câncer

Por Sara Viega. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como animar um paciente de câncer

Uma pessoa que vive com cancro deve sentir que as pessoas ao seu redor não a rejeitam pela sua doença. A doença e a morte são temas difíceis de entender para nós porque são emocionalmente um território desconhecido para a maioria das pessoas. A capacidade de lidar com os seus sentimentos de incerteza com sentido de humor, a compaixão e graça ajudarão a pessoa com cancro a gerir melhor as suas próprias reações e emoções e isso que afetam as possibilidades de superar a doença. Por isso animar um doente de cancro é fundamental para que ele supere a doença.

Vai precisar de:
Também lhe pode interessar: Sintomas do câncer de fígado
Passos a seguir:
1

Esteja consciente da gravidade da doença do paciente com cancro. é importante saber se o paciente tem possibilidades de superar o cancro ou se tem uma doença terminal. Concentre a sua atenção e consideração em relação ao prognóstico do paciente. Não é benéfico para um paciente terminal dar-lhe falsas esperanças com sentimentos de "vais melhorar" quando o cancro está num estado avançado e é incurável.

2

Um doente com cancro agradecerá os presentes ou detalhes emocionais que o reconfortem, mantas feitas à mão, música selecionada consoante o seu gosto, livros, etc. Compre roupa de cama para que o paciente se sinta mais próximo dos seus entes queridos em momentos difíceis. Leve-lhe calçado ou meias para os pés para ajudar a regular a temperatura. Os pacientes de cancro costumam desenvolver calafrios e tremores devido à quimioterapia. Oferecer um gorro para os pacientes que perderam o seu cabelo também é um bom detalhe.

3

Se o paciente é religioso é importante que o acompanhe nas suas orações e à igreja. Se não é religioso, passe tempo com ele lendo-lhe poesia e ensaios. Assegure-se de que os livros e atividades sejam compatíveis com as crenças da pessoa e que o paciente quer ter essas atividades. Dê ao paciente os seus livros favoritos para o manter reconfortado quando estiver sozinho.

4

Passe tempo com os pacientes com cancro, independentemente do seu prognóstico. O tempo é a coisa mais preciosa que um paciente de cancro tem depois do seu diagnóstico. Leve os membros da família a visitar o doente de cancro se as forças da pessoa não o permitem e de acordo com as regras dos hospitais. Tire o tempo necessário para desfrutar da sua companhia ao falar de coisas quotidianas, por exemplo, como está a família e o que fazem os vizinhos.

5

Tenha cuidado ao falar do futuro com os doentes que têm cancro em fase terminal. Fale sobre o futuro tranquilizando os pacientes terminais, transmitindo a ideia de que os familiares e amigos serão acompanhados quando ele já não estiver presente.

6

Se o paciente se sente confortável partilhando recordações, passe o tempo olhando para fotografias de familiares e amigos. Compile um livro de recordações da vida do doente se essa pessoa deseja rever a sua vida, as relações e as suas conquistas e triunfos.

7

Comporte-se com naturalidade, falando com naturalidade da doença. Animar um doente de cancro começa por estar animado consigo mesmo.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como animar um paciente de câncer, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Escrever comentário sobre Como animar um paciente de câncer

O que lhe pareceu o artigo?

Como animar um paciente de câncer
Como animar um paciente de câncer

Voltar ao topo da página