Partilhar

Contraindicações da spirulina

Por Sara Viega. Atualizado: 16 janeiro 2017
Contraindicações da spirulina

A spirulina é uma espécie de alga marinha com forma de espiral e cor esverdeada que se tornou um complemento alimentar muito valorizado graças ao seu valor nutricional e excelentes propriedades para a saúde. Apesar disso, antes de começar a tomar é aconselhável estar por dentro das suas contraindicações e possíveis efeitos colaterais causados por um uso incorreto ou excessivo. Para aumentar as precauções e não colocar em risco a sua saúde, leia com atenção o seguinte artigo e informe-se sobre quais são as contraindicações da spirulina.

Também lhe pode interessar: Quais são as propriedades da spirulina
Passos a seguir:
1

Esta alga de cor esverdeada é um suplemento dietético com inúmeras propriedades benéficas para a saúde do organismo. É excelente, principalmente, para manter as células jovens graças aos seus efeitos antioxidantes, melhorar a vista e a saúde ocular, reforçar o sistema imunológico, tratar a anemia, combater o esgotamento, regenerar a flora intestinal, desintoxicar o organismo, entre outros benefícios que pode conhecer com mais detalhes no artigo Quais são as propriedades da spirulina.

No entanto, assim como qualquer outro suplemento alimentar não deve começar a consumir sem antes ter a certeza de que não é prejudicial para a sua saúde em particular. Convém estar informado sobre as contraindicações e efeitos secundários que mostramos a seguir, além de consultar antes com o médico ou nutricionista sobre qualquer dúvida que tenha a este respeito.

Contraindicações da spirulina - Passo 1
2

Uma das contraindicações da spirulina é no caso de mulheres grávidas ou em período de amamentação. Apesar de não terem sido apontados efeitos graves ou severos, é fundamental que, tanto durante a gravidez como enquanto estiver amamentando, consulte com o médico antecipadamente para saber se tomar spirulina supõe algum tipo de risco para a saúde da mãe ou do bebê. Também não é recomendável para crianças pequenas sem consulta médica prévia. Siga a todo o momento as indicações do médico para evitar possíveis efeitos secundários.

3

Os pacientes com doenças que afetam a glândula tireoide, como o hipotireoidismo ou o hipertiroidismo, também não devem tomar spirulina pois poderia ser contraproducente para a sua saúde. A sua influência sobre a glândula tireoide pode não ser positiva, afetando o seu bom funcionamento, principalmente em casos de hipertireoidismo devido à porção de iodo que contém. Se você sofre de qualquer uma destas duas patologias, perante qualquer dúvida fale com o seu médico.

Contraindicações da spirulina - Passo 3
4

As pessoas que sofrem de insuficiência renal ou de problemas nos rins devem reduzir ou moderar o consumo de proteínas em sua dieta para proteger o bom funcionamento destes órgãos vitais. Pois bem, não se recomenda tomar spirulina em dietas pobres ou com carência de proteínas, sendo aconselhável também que antes de consumir se informe sobre isso falando com o seu médico.

Contraindicações da spirulina - Passo 4
5

Por outro lado, a spirulina também não é muito aconselhável para pacientes que sofrem de gota, uma doença originada por uma acumulação de cristais microscópicos de ácido úrico no sangue que causam inflamação da articulação afetada, além de outros sintomas. Foi apontado que esta alga possui, em sua composição, um aminoácido que pode não ser bom para este tipo de pacientes.

6

Por último, se estiver se submetendo a algum tipo de tratamento médico específico ou tomando medicamentos de forma contínua, é conveniente que consulte seu médico para saber se a spirulina pode afetar a eficácia dos mesmos e reduzir ou suprimir seus efeitos no organismo.

Contraindicações da spirulina - Passo 6
7

Em pessoas saudáveis e com um estado de saúde perfeito, a spirulina tomada nas doses adequadas não tem que originar nenhum tipo de efeito secundário. Agora, em quantidades excessivas, pode chegar a causar mal-estar e aparecimento de sintomas como prisão de ventre, dores estomacais, sede, erupções cutâneas, tonturas, etc. No caso de manifestação de qualquer um destes sintomas é fundamental suspender o seu consumo e ir ao pronto-socorro o quanto antes.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Contraindicações da spirulina, recomendamos que entre na nossa categoria de Medicamentos e Suplementos.

Escrever comentário sobre Contraindicações da spirulina

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
A sua avaliação:
lucelia
olá,tenho hipotireidismo tomo levoide 75 e para a falta de vitamina D Doss 100 indicados pelo medico após exames. Gostaria de saber se a spirulina é indicada e se posso usar. Agradeço

Contraindicações da spirulina
1 de 5
Contraindicações da spirulina

Voltar ao topo da página