Partilhar
Partilhar em:

Remédios caseiros para incontinência urinária

Remédios caseiros para incontinência urinária

A incapacidade de reter a urina temporária ou permanentemente tem o nome de incontinência urinária, um problema que afeta tanto mulheres como homens, embora no geral costume afetar mais as primeiras. Este transtorno leva a perdas involuntárias de urina e pode ser uma consequência de diversos fatores, entre os quais a idade, a gravidez, a debilidade do assoalho pélvico, patologias da bexiga ou das vias urinárias, doenças do sistema nervoso, entre outros.

Para poder iniciar o tratamento adequado, é necessário identificar a causa primeiro e, para isso, o melhor é ir ao médico. Contudo, também pode ser muito útil saber que tratamentos e hábitos podem ajudar a controlar as perdas de urina e melhorar o nosso bem-estar. Nesse artigo do umCOMO, mostramos com detalhe quais são os melhores remédios caseiros para incontinência urinária.

Também lhe pode interessar: Como prevenir a incontinência urinária

Tipos de incontinência urinária e causas

Em primeiro lugar, é essencial saber identificar os diferentes tipos de incontinência urinária que podem surgir:

  • Incontinência urinária de esforço: é o tipo mais comum e as perdas de urina são produzidas como consequência da prática de alguma ação que implica esforço físico, como a tosse, o espirro, a caminhada, a corrida, o exercício físico, etc.
  • Incontinência de urgência ou bexiga hiperativa: as perdas de urina são produzidas devido a uma necessidade repentina e imperiosa de urinar, difícil de controlar, não dando em muitos casos tempo suficiente para chegar ao banheiro.
  • Incontinência mista: é a combinação dos dois tipos anteriores.
  • Incontinência por transbordamento: ocorre quando a bexiga não pode ser esvaziada por completo ou se encontra sempre cheia.

Causas da incontinência urinária

As perdas involuntárias de urina podem ser provocadas por diversas causas, como as que pode conferir em seguida:

  • Músculos e estruturas do assoalho pélvico debilitados
  • Gravidez e parto
  • Menopausa
  • Sobrepeso
  • Infecções das vias urinárias
  • Cálculos na bexiga
  • Consumo de alguns medicamentos
  • Fístulas urogenitais.
  • Danos cerebrais ouproblemas neuromusculares.
  • Hiperplasia benigna da próstata.

Conheça melhor cada um destes fatores, conferindo esse artigo do umCOMO: Causas da incontinência urinária.

Dica: Acesse também esse artigo que lista os sintomas de irritação na bexiga!

Infusões para a incontinência urinária

Entre os remédios caseiros para incontinência urinária mais eficazes, encontramos as infusões preparadas com algumas plantas medicinais que contam com propriedades anti-inflamatórias para reduzir as inflamações da bexiga, propriedades adstringentes que diminuem a produção de urina, calmantes e estrogênicas.

  • Infusão de erva-doce: ajuda a fazer com que a bexiga esvazia totalmente graças às suas propriedades diuréticas.
  • Infusão de oxicoco: é excelente para tratar inflamação da uretra e da bexiga, assim como infeções urinárias, e conseguir reduzir essa necessidade repentina e urgente de urinar em múltiplas ocasiões.
  • Infusão de folhas de framboesa: ajuda a fortalecer os músculos do assoalho pélvico e a controlar as perdas involuntárias de urina.
  • Infusão de passiflora: é boa em caso de incontinência urinária provocada por problemas nervosos ou pela menopausa.

Tome uma ou duas xícaras de alguma destas infusões por dia para começar a notar os resultados e melhorar o seu bem-estar.

Alimentos para urinar menos e para controlar a incontinência

Quando se sofre de incontinência urinária, é muito importante prestar atenção à dieta que se segue diariamente para evitar que os sintomas piorem. Sobretudo, é fundamental seguir uma dieta que seja hipocalórica e baixa em gorduras, uma vez que o excesso de peso pode provocar uma pressão maior, tanto nos músculos pélvicos como abdominais e, por esse motivo, provocar e piorar as perdas involuntárias de urina.

Alimentos recomendados

Dentro dos alimentos mais aconselhados para casos de incontinência urinária, podemos destacar os seguintes:

  • Alimentos ricos em vitamina C: a vitamina C favorece a produção de estrogênios, o que pode ser uma boa ajuda em caso de incontinência urinária provocada pelas alterações hormonais que se produzem na menopausa.
  • Alimentos ricos em vitamina E:ajudam a melhorar as funções da bexiga.
  • Alimentos ricos em magnésio: o magnésio ajuda a equilibrar o sistema nervoso e, por ser um relaxante muscular, também permite diminuir os espasmos nos músculos pélvicos e na bexiga.
  • Alimentos ricos em fibra: ajudam a prevenir a obstipação, um problema que pode piorar as perdas de urina.

Alimentos a evitar

  • Alimentos muito diuréticos.
  • Alimentos picantes.
  • Alimentos ácidos.
  • Alimentos gordurosos ou com muitas calorias.
  • Evitar o consumo excessivo de bebidas alcoólicas ou com muita cafeína.
  • Evitar uma ingestão excessiva de líquido, consumindo sempre a quantidade recomendada diária para manter uma boa hidratação.
  • Alimentos com muitos açúcares.

Exercícios para a incontinência urinária

Embora não sejam exatamente remédios caseiros para incontinência urinária, os chamados exercícios Kegel são muito recomendados para quem sofre deste problema. Este tipo de exercícios permite tonificar os músculos do assoalho pélvico que se encontram debilitados e, por isso, oferecer maior controlo na hora de conter a urina. A sua prática regular é especialmente boa em caso de incontinência por esforço.

Em seguida, explicamos o passo a passo que você deve adotar para praticar esses exercícios para a incontinência urinária.

  1. Deite-se de barriga para cima, com os joelhos flexionados e apoiando as plantas dos pés no solo.
  2. Contraia o esfíncter anal, do mesmo jeito que faria se quisesse aguentar a vontade de soltar gás, mas sem apertar demasiado as nádegas. Assim, vai conseguir contrair o músculo responsável pela saída do fluxo da urina.
  3. Contraia e relaxe várias vezes.
  4. Aguente a contração durante 4 ou 5 segundos e relaxe, também por 3 a 5 segundos, e assim repetidamente até realizar o exercício por 10 a 15 vezes.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Remédios caseiros para incontinência urinária, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Comentários (0)

Escrever comentário sobre Remédios caseiros para incontinência urinária

O que lhe pareceu o artigo?

Remédios caseiros para incontinência urinária
1 de 5
Remédios caseiros para incontinência urinária