menu
Partilhar

Como saber se sou viciado em maconha

Por Redação umCOMO. Atualizado: 20 janeiro 2017
Como saber se sou viciado em maconha

Se você é fumante habitual de maconha, é possível que alguma vez se tenha perguntado se é ou não viciado nesta planta. A maconha é a droga ilegal que mais se consome no planeta. De fato, se acredita que existem entre 129 e 191 milhões de pessoas que são consumidores de maconha, isto é, 2,9% a 4,3% da população do mundo são fumantes dessa erva.

Os efeitos da maconha a longo prazo podem ocasionar problemas graves que afetam diretamente a sua concepção da realidade (alucinações, esquizofrenias, etc.) e seus órgãos vitais, sobretudo os pulmões. Em umComo queremos ajudar você a resolver sua pergunta sobre como saber se sou viciado em maconha.

Também lhe pode interessar: Como deixar de fumar maconha
Passos a seguir:
1

Se você é fumante habitual de maconha e quer saber se é viciado em canabis, é importante prestar especial atenção a alguns sinais físicos ou mentais que pode experimentar. Com o passar do tempo, a maconha tem efeitos a longo prazo muito claros que podem ajudar você a saber se é viciado nesta droga:

  • Menos memória: um dos efeitos mais evidentes do consumo de maconha é a perda da capacidade de criar novas lembranças. O THC afeta o hipocampo cerebral fazendo que não se chegue a armazenar corretamente a nova informação recebida.
  • Menos coordenação: se sente que a coordenação do seu corpo, o equilíbrio ou o tempo de reação a um estímulo é maior que o habitual, é porque os efeitos da maconha já estão afetando seu cérebro.

Neste artigo de umComo mostramos-lhe quais são as consequências de fumar maconha tanto de maneira imediata como seus efeitos mais perduráveis no tempo.

2

Outra maneira para saber se é viciado em maconha é prestar atenção na quantidade que precisa de droga para sentir os efeitos que procura. As pessoas que começam a se drogar, a princípio precisam uma quantidade inferior a que seu corpo precisa depois de um tempo.

Isto acontece porque aumenta a tolerância que o corpo tem a essa substância específica e, quanto mais droga precisar, mais tolerante fica seu corpo e, portanto, mais vício gera.

3

Outra das formas infalíveis de saber se é viciado em maconha é prestar atenção ao que sente seu corpo quando não consome essa substância. Avaliar a síndrome de abstinência é vital para determinar se está ou não viciado nesta droga; esta síndrome poderá ser detectada caso tenha algum destes sintomas:

  • Está nervoso e ansioso.
  • Não pode deixar de pensar em maconha.
  • Não pode dormir.
  • Está mal humorado.
  • Em casos de um vício mais grave, sentirá sintomas físicos como tremedeiras, subidas ou quedas de temperatura, enjoos ou dores mais fortes.
4

Se você tiver algum dos sintomas que mencionamos anteriormente, é muito provável que você seja viciado em maconha, portanto é de vital importância que deixe de consumi-la e se afaste do vício.

Para o tratamento do vício em maconha é utilizado um tratamento específico que deve ser supervisionado por um especialista em vícios: o tratamento pode ser desde uma medicação farmacológica a uma internação hospitalar para controlar a ansiedade e a vontade de fumar.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como saber se sou viciado em maconha, recomendamos que entre na nossa categoria de Saúde Mental.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?

Como saber se sou viciado em maconha
Como saber se sou viciado em maconha

Voltar ao topo da página