menu
Partilhar

Como tratar a inflamação dos vasos linfáticos

Por Redação umCOMO. Atualizado: 10 dezembro 2019
Como tratar a inflamação dos vasos linfáticos

A linfangite, mais conhecida como inflamação dos vasos linfáticos pode ser aguda ou crônica, causal, espontânea ou secundária. Pode ser causada por problemas localizados, como por exemplo queimaduras, traumatismos ou picadas de inseto, entre outras causas, ou por algum tipo de infecção.Um dos sintomas que encontramos nesta doença é o aparecimento localizado de um engrossamento e inflamação dos gânglios linfáticos na área do corpo afetada. Na linfangite crônica costumam aparecer reações gerais violentas, como por exemplo febre intensa, calafrios e presença de uma forte dor ao longo do vaso inflamado. Continue lendo este artigo de umComo.com.br e saiba como tratar a inflamação dos vasos linfáticos.

Também lhe pode interessar: Como tratar a inflamação dos ovários
Passos a seguir:
1

Você deve ter uma alimentação saudável e equilibrada com abundância de vegetais crus e frutas frescas, principalmente laranjas, peras, uvas, pêssegos, abacaxis e pomelo.

2

Todos os duas você deve tomar um banho geral de vapor durante 20 minutos, lavando o corpo todo com água a 16º C. Posteriormente deverá se agasalhar bem.

3

É muito recomendável andar, principalmente depois dos banhos de vapor. E é bom combinar as caminhadas com respirações profundas.

4

Você tem que aplicar cataplasmas frias de argila sobre a área afetada. O tempo de duração da aplicação costuma ser de uma hora ou mais, variando o tempo em função do calor absorvido.

5

Caso tenha febre alta, aplique envoltórios no tronco com água fria, renovando quando esquentar.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como tratar a inflamação dos vasos linfáticos, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?
Como tratar a inflamação dos vasos linfáticos
Como tratar a inflamação dos vasos linfáticos

Voltar ao topo da página