Partilhar

Como tratar alergia a cera quente

Por Paula Cassandra. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como tratar alergia a cera quente

Embora seja mais comum que as pessoas tenham alergia ao creme depilatório, é possível que a irritação apareça também depois de usar cera para remover os pelos do corpo. Para evitar o problema e saber como tratar alergia a cera quente confira o que o umComo.com.br tem a dizer sobre o tema com as informações reunidas.

Também lhe pode interessar: Como tratar alergia do calor
Passos a seguir:
1

A alergia a cera quente pode afetar muitas mulheres que têm o hábito de remover os pelos do corpo por meio desse método. Isso é ainda mais inevitável quando a pele já estiver sensível por causa do uso de algum ácido para tratamento estético, mais frequente de ser feito no rosto, ou quando na região a ser depilada já existe uma reação alérgica. Essas situações deixam a pele sensível e, por isso, pode ocorrer coceira após a depilação. O melhor, portanto, é esperar a alergia minimizar quando possível e no caso do uso de ácido aguardar alguns dias para remover os pelos novamente.

Como tratar alergia a cera quente - Passo 1
2

Outro fator que pode desencadear uma alergia devido à utilização de cera quente é quando o produto usado está em uma temperatura muito alta e mesmo quando a cera é retirada da pele de modo errôneo. Para além disso, a cera em uma temperatura alta pode desencadear queimaduras, neste caso consulte o nosso artigo para saber qual o tratamento para queimaduras de cera depilatória. Nesses casos, parte da epiderme pode ser retirada também, causando o desconforto. Já no rosto, mesmo que nada disso tenha acontecido, é possível que ele fique vermelho após a depilação, pois é uma região naturalmente mais sensível. Vale lembrar ainda que após remover pelos da face não é indicada a exposição solar, o que pode resultar em manchas na pele. O mesmo conselho serve para as demais partes do corpo com alergia à depilação.

3

Entre os problemas mais comuns que causam a alergia na pele devido à depilação está a foliculite, que consiste em uma inflamação dos pelos. Eles perdem a sua força e quando tentam crescer novamente não conseguem romper a pele, dessa forma, no local aparecem pontinhos ou bolinhas vermelhas que coçam muito. Outra causa da foliculiteé o fato dos poros dilatarem durante a depilação, com isso, a pele transpira e desprende suor, o qual pode se juntar à poluição do ambiente e provocar a inflamação.

4

Nessas situações, tratar a alergia consiste em esperar que os sinais desapareçam para então voltar a depilar a pele de novo. É possível ainda ter alguns cuidados para evitar a alergia após a depilação com cera e mesmo outros métodos. Entre eles, fazer uma esfoliação suave com frequência e, inclusive, antes de remover os pelos, assim, é possível desencravar os pelos e facilitar a sua retirada. Outras dicas consistem em tomar um banho morno antes da sessão de depilação, não ter resíduos de cremes e outros produtos na pele, não mexer nos pelos encravados e usar produtos específicos para peles com tendência à foliculite, como loção pós-depilatória.

Como tratar alergia a cera quente - Passo 4
5

Já na hora da depilação em si, o que garante o sucesso da remoção é sempre puxar a cera para o lado oposto ao do crescimento dos pelos. Se você faz a sua depilação fora de casa avalie a possibilidade de trocar de local, já que os profissionais devem ser capacitados para oferecer o serviço e ser higiênico. É possível ainda solicitar o uso de ceras especiais para peles sensíveis. Outra forma de tratar a alergia a cera quente é com a aplicação de compressas geladas de chá de camomila, que ajudam a relaxar a pele e a reduzir a vermelhidão. Em casos específicos, quando a dor for intensa, é possível usar pomadas cicatrizantes e analgésicas, porém, esses são medicamentos que devem ser prescritos por um médico.

Como tratar alergia a cera quente - Passo 5

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como tratar alergia a cera quente, recomendamos que entre na nossa categoria de Saúde Familiar.

Escrever comentário sobre Como tratar alergia a cera quente

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
A sua avaliação:
telma cristina
ontem dia 26;10;2016, fui fazer depilacão do busso e do nariz e acordei com os dois olhos super enchados, sera que foi a cera que me deu arlegia:

Como tratar alergia a cera quente
1 de 4
Como tratar alergia a cera quente

Voltar ao topo da página