Partilhar
Partilhar em:

Propriedades e contraindicações da urtiga branca

Propriedades e contraindicações da urtiga branca

É provável que já tenha ouvido falar da urtiga ou que já tenha sofrido os efeitos de alguma quando tocou nela, como coceira ou ardor. A verde ou maior é a mais comum de todas e está composta por folhas que têm pequenos pelos que provocam esta irritação urticária na pele. No entanto, há muitos mais tipos desta planta, como a branca, da qual vamos falar neste artigo. Esta erva também é conhecida como urtiga morta e é um tipo de planta medicinal com muitos benefícios. No umCOMO vamos lhe contar quais são as propriedades e contraindicações da urtiga branca.

Também lhe pode interessar: Contraindicações do chá branco

O que é a urtiga branca e quais suas propriedades

A uritiga branca ou Lamium album diferencia-se da verde (a mais comum) devido aos pelos que esta última tem nas suas folhas. Por isso, diz-se que a verde é urticária mas a branca não, ou seja, se tocar numa branca não vai ficar com irritação ou coceira na pele. Além disso, diferenciam-se pelos seus usos medicinais. Confira de seguida as propriedades que a urtiga branca tem no nosso organismo:

Benefícios para a mulher

A urtiga branca está indicada para problemas femininos como a leucorreia (excesso de fluxo), metrorragias (sangramentos entre menstruações) ou dismenorreias (menstruações dolorosas) devido à sua propriedade hemostática (para as hemorragias atuando como vasoconstritor). Também é recomendada inclusive após a menopausa. Além disso, as suas folhas produzem taninos, que são compostos com propriedades adstringentes e anti-inflamatórias.

Benefícios para as vias respiratórias

A mucilagem é uma substância viscosa que há nas plantas e que ajuda a reter a água. A mucilagem desta planta faz com que tenha propriedades expectorantes e, por isso seja de grande ajuda em processos infecciosos das vias respiratórias como catarros, bronquite, gripe, resfriados, faringite, laringite, enfisema e asma.

Para a retenção de líquidos e ácido úrico

A urtiga branca tem propriedades depurativas do organismo e ajuda a eliminar resíduos e ácido úrico. Por isso é boa para problemas renais e doenças como a gota.

Além disso, tem propriedades diuréticas pelo que é muito boa para problemas de retenção de líquidos ou, inclusive na acumulação de água no abdômen, que pode ocorrer nos casos de cirrose hepática.

Propriedades da urtiga branca na pele e no cabelo

Esta planta não tem apenas propriedades para os órgãos internos do nosso corpo, pois também é muito eficaz em tratamentos externos da pele.

Utiliza-se para tratar dermatite e queimaduras e, com a sua ação antisséptica evita a sua infecção. Além disso, esta ação é muito boa para as irritações cutâneas ou inclusive em problemas de hemorroidas. Graças ao seu efeito adstringente também pode ser utilizada em cabelos oleosos ou com caspa. A urtiga branca tem um alto teor em zinco, por isso se tem as unhas ou o cabelo quebradiço é uma boa solução para resolver estes problemas.

Boa para a garganta e faringite

A sua propriedade antisséptica converte a urtiga branca em um bom remédio caseiro para acalmar as irritações de garganta e faringite. Além de todas estas propriedades, que não são poucas, a urtiga branca é boa para a diarreia ou problemas gastrointestinais.

Um dos últimos estudos clínicos demonstrou que a urtiga branca ajuda a reduzir a inflamação da próstata e a hiperplasia benigna da próstata. A raiz melhora os sintomas destas condições, acredita-se que devido à sua ação anti-inflamatória.

Como utilizar a urtiga branca

Como qualquer outra planta medicinal podemos utilizar as suas folhas frascas ou secas para fazer infusões. Neste caso, a única coisa que tem de fazer é ferver uma quantidade de água (a que quiser preparar) e adicionar as folhas. Depois deve deixar repousar durante cerca de 5 minutos, coar e está pronta para tomar.

Para usar em aplicações medicinais costumam-se colher as flores desta planta, embora também sirvam as folhas. A época para a colheita é entre os meses de maio e setembro. Deve ter em conta que as flores devem ser colhidas antes de se abrirem, caso contrário perderiam as suas propriedades, e sempre quando estiverem secas e o orvalho que possa haver nelas se tiver evaporado. Depois deixam-se secar estendidas em algum lugar à sombra onde a temperatura não supere os 40ºC durante uma semana. Pode conservar as flores em jarros ou envelopes lacrados e em algum lugar seco e sem umidade.

Com estas flores secas pode-se fazer uma tintura, que é um processo de maceração das plantas medicinais onde se coloca a parte aproveitável da planta junto com álcool e água e deixa-se repousar durante alguns dias. Passados estes dias coa-se e obtém-se todo o princípio ativo da planta em estado puro e alta concentração. O problema deste método é que para fazer apenas umas gotas de tintura precisa-se de muita quantidade da planta em questão. Com a tintura pode-se preparar um xarope caseiro de urtiga branca.

Também podemos encontrar extrato de urtiga branca. Pode encontrá-lo em ervanárias em forma de líquidos. Pode tomar umas 20 ou 30 gotas três vezes por dia. Pode-se preparar um xarope a partir da tintura da planta.

Para uso externo pode-se ferver a planta umas duas horas e deixar em maceração. Desta forma, extrai-se a mucilagem que pode ser aplicada diretamente sobre a pele.

Contraindicações da urtiga branca

Embora queiramos nos beneficiar de todas as suas propriedades, também nos devemos informar sobre as principais contraindicações da urtiga branca:

  • Se a preparação da planta tiver sido feito através de tintura, ou seja com a utilização de álcool, está contraindicada para crianças com menos de dois anos e para pessoas com problemas etílicos.
  • Devido à sua concentração de taninos, a urtiga branca está contraindicada para mulheres grávidas e pessoas que sofram de anemia ferropriva, uma vez que estes diminuem a absorção do ferro. Além disso, ao serem adstringentes, se se tomarem em excesso podem provocar secura das mucosas.
  • Também devido a esta propriedade, a adstringência, não está recomendada em peles secas pois poderia secá-las mais. Em contrapartida, se tem a pele oleosa pode ser uma grande aliada.
  • Também não está recomendada para pessoas muito magras, visto que ajuda a expulsar líquidos do corpo para ocorrer uma diminuição de peso.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Propriedades e contraindicações da urtiga branca, recomendamos que entre na nossa categoria de Vida Saudável.

Comentários (0)

Escrever comentário sobre Propriedades e contraindicações da urtiga branca

O que lhe pareceu o artigo?

Propriedades e contraindicações da urtiga branca
1 de 2
Propriedades e contraindicações da urtiga branca