Partilhar

Remédios caseiros para a candidíase na gravidez

Remédios caseiros para a candidíase na gravidez
Imagem: medicus-kety.pl

Nossa zona íntima é muito delicada, por isso quando algum fator externo ou interno, como as mudanças hormonais ocorridas durante a gravidez, alteram a flora vaginal, ficamos mais propensas a sofrer de infecções por fungos e bactérias. A candidíase é uma das mais comuns, ela é produzida pelo aumento do fungo Candida e apresenta sintomas incômodos que devem ser tratados de forma rápida para garantir o máximo bem-estar, especialmente durante a gestação.

O ideal é ir ao seu ginecologista para receber o tratamento médico adequado, mas algumas soluções naturais podem aliviar os sintomas, por isso em umComo damos vários remédios caseiros para a candidíase na gravidez.

Passos a seguir:
1

A Candida é um fungo que se encontra presente na nossa zona íntima em pequenas quantidades, ajudando a manter o equilíbrio da flora vaginal. No entanto, as mudanças hormonais ocorridas durante a gravidez fazem com que o pH desta área possa sofrer alterações, tornando esta zona mais propensa à proliferação de fungos. Do mesmo modo, durante esta etapa nossas defesas encontram-se baixas, o que pode aumentar o risco de sofrer de candidíase na gestação.

2

A forma mais rápida de eliminar a candidíase é visitar seu ginecologista para lhe dar o tratamento oportuno. Durante a gestação, é importante não se automedicar, especialmente na ingestão de comprimidos orais. A opinião de um experiente antes de tomar qualquer medicamento é imprescindível.

As soluções naturais demoram a fazer efeito, por isso, se optar por elas, deverá ter paciência.

3

Um dos remédios caseiros para a candidíase na gravidez mais conhecidos é o óleo da árvore do chá. Dilua 3 gotas deste óleo em 200 ml de água mineral.

Antes de se deitar, aplique a mistura na zona vaginal, usando uma seringa sem agulha; deverá deixar atuar toda a noite e repetir a aplicação também no dia seguinte. A recomendação é aplicar duas vezes ao dia durante 5 dias. Você pode aplicar também uma gota de óleo de árvore do chá em sua roupa interior para aliviar os incômodos.

Remédios caseiros para a candidíase na gravidez - Passo 3
4

O vinagre de maçã é um ingrediente ideal para inibir o crescimento da Candida e melhorar a candidíase na gravidez. Adquira uma garrafa de vinagre de sidra não pasteurizado de preferência de boa qualidade para melhores efeitos.

Misture uma xícara deste vinagre com muita água na banheira, o bidê ou um recipiente limpo e molhe a zona vaginal durante 15 minutos ao dia.

Remédios caseiros para a candidíase na gravidez - Passo 4
5

O iogurte é um dos alimentos probióticos por excelência, e graças ao seu conteúdo de bactérias ajuda a equilibrar a flora intestinal e também a vaginal. Adquira iogurte com lactobacilos, como aqueles vendidos para reforçar o sistema imune, e aplique um pouco com a seringa sem agulha na zona vaginal e deixe atuar toda a noite.

Repita 2 vezes ao dia durante 5 dias para favorecer o equilíbrio de sua flora vaginal e reduzir os incômodos.

Remédios caseiros para a candidíase na gravidez - Passo 5
6

Durante a gravidez é possível ingerir probióticos para reforçar o sistema imune e melhorar a flora bacteriana. O lactobacilo, que contém bactérias benéficas que ajudam a superar a candidíase, é seguro para consumo durante esta etapa. Consulte seu farmacêutico e incorpore-o à sua rotina.

Remédios caseiros para a candidíase na gravidez - Passo 6
7

Além destes remédios naturais para a candidíase na gravidez, será necessário fazer importantes mudanças em sua dieta para diminuir a presença do fungo e melhorar sua saúde. Desta forma e enquanto tiver esse problema, elimine de sua alimentação estes ingredientes que costumam fortalecer a presença de fermentos:

  • Produtos fermentados de qualquer tipo.
  • Leite.
  • Alimentos com fermento como o pão, as farinhas e massas, macarrão e arroz.
  • Tubérculos como batata, mandioca, batata-doce.
  • Açúcar e alimentos com açúcar.
  • Todos os tipos de cogumelos.
  • Amendoim e pistache.
8

Por sua vez, será benéfico aumentar a ingestão de outros alimentos que ajudam a combater a formação de fungos, por exemplo:

9

É importante também tomar algumas medidas para evitar sofrer com frequência desta condição durante a gravidez, por isso convidamos você a consultar nosso artigo como prevenir a candidíase vaginal.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Remédios caseiros para a candidíase na gravidez, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Escrever comentário sobre Remédios caseiros para a candidíase na gravidez

O que lhe pareceu o artigo?
3 comentários
Célia Ferreira
Não percebi bem a candidiase afeta ou desenvolve mais durante a gravidez, é que a um ano atrás estive e acabei por abortar (natural) e estava com a infecção agora voltou, mas tenho o implante desde Dezembro, agora fiquei com a dúvida de poder estar grávida novamente será ou simplesmente a infeção voltou
Redação umCOMO (Editor/a de umCOMO)
Oi Célia, a candidíase é uma infeção que é comum ocorrer durante a gravidez, devido às mudanças hormonais que ocorrem nessa altura. No entanto, esta infeção pode ocorrer em outros momentos sem ser na gravidez. Nesse artigo poderá encontrar mais informações sobre o que é a candidíase, quais os sintomas e as causas: http://saude.umcomo.com.br/articulo/o-que-e-a-candidiase-2234.html
Carlos
Tive excelentes resultados usando quadriderme creme 1 x dia durante 15 dias, só é vendido com receita médica. Não sei se pode ser usado durante a gravidez.
Redação umCOMO (Editor/a de umCOMO)
Oi Carlos, o melhor é se informar junto do seu médico se a pomada pode ser usada por grávidas.
brasilina
o gel momelaleuca é bom para quem esta gravida.

Remédios caseiros para a candidíase na gravidez
Imagem: medicus-kety.pl
1 de 5
Remédios caseiros para a candidíase na gravidez

Voltar ao topo da página