Partilhar

Como nos beneficia o dente-de-leão

Por Sara Viega. Atualizado: 20 janeiro 2017
Como nos beneficia o dente-de-leão

As plantas medicinais são a melhor alternativa nos tratamentos naturais, não produzem efeitos secundários e são indicadas para pessoas que sofrem de alergias ou que preferem cuidar de seus males de forma natural. No meio da enorme lista de plantas medicinais, o dente-de-leão é uma das mais populares, mas como essa erva medicinal nos beneficia? Em umComo.com.br explicamos-lhe com detalhe.

Também lhe pode interessar: Como me beneficia a valeriana
Passos a seguir:
1

O dente-de-leão é uma das ervas medicinais mais populares e conhecidas, muito famosa em vários países da América Latina, fácil de conseguir nas lojas especializadas em produtos naturais.

2

Ele é um forte diurético, por isso é um grande aliado na hora de eliminar as toxinas do nosso corpo através da urina, evitando a retenção de líquido e nos ajudando a ficar menos inchados.

3

Como o dente-de-leão é muito depurativo, é usado com frequência na medicina natural para tratar problemas de fígado graças à sua facilidade para ajudar a eliminar toxinas do corpo. Favorece também a secreção da bílis.

4

Para pessoas que sofrem de prisão de ventre mas que não desejam tomar laxantes fortes, a raiz de dente-de-leão é muito indicada, pois favorece o trânsito intestinal sem gerar irritações ou problemas colaterais.

5

Para quem de vez em quando gosta de fazer dietas depurativas, o dente-de-leão também é um grande aliado. Várias infusões ao dia acompanhadas da ingestão de frutas e alimentos leves ajudam a eliminar as toxinas e a sentir-se muito melhor.

6

Além disso, é uma boa alternativa para melhorar os níveis de colesterol e ácido úrico, apesar de que nesses casos é melhor consultar um especialista antes de o ingerir.

7

Quanto ao seu uso tópico, mostrou-se benéfico nos casos de pele oleosa, furúnculos ou eczemas. Colocar um pouco de infusão de dente-de-leão no rosto ajudará a controlar a oleosidade da pele e melhorar sua aparência.

8

Devido ao estímulo que exerce na bílis, o dente-de-leão não é recomendado para pessoas que têm pedra na vesícula. Da mesma forma, quem sofre de acidez ou úlcera também não deveria ingerir esta planta medicinal. Se você toma lítio ou medicação para aumentar o potássio, também é melhor se abster de o tomar.

9

A melhor forma de consumir o dente-de-leão é através de infusões várias vezes por dia. Você pode consultar diferentes versões e produtos em uma loja especializada em produtos naturais.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como nos beneficia o dente-de-leão, recomendamos que entre na nossa categoria de Vida Saudável.

Escrever comentário sobre Como nos beneficia o dente-de-leão

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
A sua avaliação:
Paulo Lopes
gostaria de saber mais sobre o chá de dente-de-leão
Ivone
Este chá é ótimo, melhora a imunidade e até ajuda a emagrecer. Eu comprei no site xxxxxxxxxxx pois na minha cidade não vende.
Sara Viega (Editor/a de umCOMO)
Oi Ivone! Que bom saber isso! Muito obrigada pelo seu comentário :)

Como nos beneficia o dente-de-leão
Como nos beneficia o dente-de-leão

Voltar ao topo da página