Partilhar

Grávida pode tomar sol? - Recomendações sérias

 
Por Julia Latorre. Atualizado: 29 novembro 2017
Grávida pode tomar sol? - Recomendações sérias
Imagem: purepeople.com.br

Muito daquilo que era considerado normal na rotina de uma mulher pode se transformar em uma dúvida durante o período da gestação, quando o corpo está em constante transformação, os hormônios à flor da pele e a responsabilidade de uma vida no útero. Ir a praia, praticar exercícios e um tanto de outros comportamentos estão liberados mas pedem alguns cuidados. É sobre bronzeamento e os banhos de sol que o umCOMO vai falar especificamente neste artigo. Afinal, grávida pode tomar sol?

Também lhe pode interessar: Grávida pode fazer limpeza de pele?

Principais dúvidas sobre tomar sol na gravidez

Grávida pode tomar sol?

Gestantes podem tomar sol com ressalvas. Não existe uma recomendação restrita quanto à evitar qualquer exposição ao sol na gravidez, mas sim orientações quanto aos exageros e cuidados para proteger, principalmente, a pele da mãe e a saúde da criança.

Os melasmas são manchas marrons na pele características da fase da gestação devido às mudanças hormonais e podem aparecer especialmente após o primeiro mês de gravidez. A exposição ao sol é um fator que tende aumentar as chances do aparecimento dessas manchas e evidenciar a coloração delas.

Para evitar o melasma, é melhor não tomar sol entre às 10h e 16h e usar protetor solar com fator mínimo 30 em qualquer momento do dia, assim como bonés, óculos e tudo o que possa proteger a pele. Nem todos os tipos de melasma têm tratamento ou desaparecem, portanto, se proteger durante a gravidez é o mais indicado.

Outras reações à exposição solar são o inchaço e a desidratação. As altas temperaturas provocam dilatação das veias provocando então o inchaço.

Grávida pode tomar sol com bronzeador?

Devido ao risco do aparecimento das manchas, o uso de bronzeador não é indicado durante a gestação. Assim como outras loções que prometem potencializar o bronzeado, como parafina e receitas caseiras, por exemplo. O ideal para as grávidas que desejam potencializar a cor do bronzeado durante a gravidez é apostar na alimentação incluindo na dieta os alimentos que ajudam a manter o bronzeado.

Quem não dispensa a ajuda de um cosmético, deve preferir as loções autobronzeadoras aos bronzeadores solares. Entretanto, o ideal é que isso só seja feito a partir do terceiro mês. Mesmo assim, o ideal é conversar com um médico antes e testar o produto em uma pequena região do corpo para evitar alergias e outras reações inesperadas.

Grávida pode tomar sol na barriga?

Ficar muito tempo deitada de barriga para cima pode atrapalhar a circulação. De uma maneira geral o sol causa a desidratação. Mas no caso da barriga, vale lembrar que o feto vive em uma bolsa de líquido que também é afetada quando exposta às altas temperaturas. Portanto, os cuidados redobrados com o sol também valem para a barriga. Em excesso, tomar sol na barriga prejudica o o bebê. O ideal é evitar entre 10h e 16h.

Ademais, vale também se manter hidratada o tempo todo com muita água, água de coco e sucos naturais. Apenas evite produtos comprados na praia sem ter a certeza de procedência que possam causar infecção alimentar ou virose.

É comum que surja a dúvida se, então, a grávida pode tomar sol de barriga para baixo. As mesmas recomendações valem para tomar sol em qualquer posição. Ainda que por volta do quinto mês a gestante provavelmente já não consiga se deitar de bruços confortavelmente de barriga para baixo.

Grávida pode tomar sol na piscina?

Entre às 10h e 16h bem protegida não há restrições quanto aos banhos de piscinas, mas sem uma recomendação profissional eles devem ser feitos apenas com o intuito de relaxar. As gestantes que gostam de nadar podem procurar aulas de natação específicas para gestantes e hidroginástica.

Cuidados para entrar no mar

Na praia, a recomendação é não se aventurar para além da altura da água que ultrapasse o joelho para evitar quedas. Mesmo assim, na presença de ondas fortes, prefira estar de costas para proteger a barriga do impacto. Em caso de mar muito agitado, evite.

Beneficios do sol na gravidez

Mas nem tudo são recomendações de total restrição ao sol na gestação. Os banhos de sol, quando bem realizados, tem o seu lado muito saudável para a saúde da mãe e do bebê:

Vitamina D

A exposição diária ao sol é uma das formas mais naturais de estimular a produção de vitamina D, nutriente poderoso para manter a saúde da pelo, dos ossos (melhorando a absorção de cálcio), manter o sistema nervoso e a musculatura saudável, ajuda na coagulação do sangue e fortalece o sistema imunológico.

A dose diária de Vitamina D recomendada para uma grávida é de 15 mcg por dia, médicos estimam que 15 minutos de sol diários são suficientes para atingir esses níveis.

Veja todos os benefícios da Vitamina D.

Bebês mais saudáveis

Uma pesquisa publicada pelo jornal científico Heylion[1] apontou resultados que mostram que bebês nascidos no verão são moderadamente mais pesados e altos. A explicação para isso é uma maior concentração de vitamina D devido ao sol do verão no final da gestação. Há também uma associação de menor incidência de autismo em bebês de mães que tomaram sol moderadamente na gestação.

Tomar sol na gravidez evita estrias?

Não. A ideia de que tomar sol na gravidez evita estrias é falsa. O bronzeado pode camuflar a cor das cicatrizes temporariamente mas pode até mesmo deixar a marca delas mais fortes e irreversíveis. Todos os cuidados citados neste artigo também valem para a prevenção de estrias durante a gravidez.

Além disso, é importante também estar atenta ao aumento de peso que estica a pele e pode romper as fibras causando as estrias. Manter a pele hidratada e usar produtos específicos para estrias durante a gravidez fazem a diferença, assim como consumir alimentos ricos em Vitamina A, E e C. Para se aprofundar neste tema, consulte o artigo sobre como prevenir as estrias na gravidez.

Estou grávida e me queimei no sol, o que fazer?

Qualquer tipo de queimadura não é bom para a gravidez nem para a mãe. No caso de queimaduras leves causadas pelo sol, o tratamento caseiro que deve ser feito em primeira instância é lavar a região com água mineral e hidratar com cremes neutros e específicos. Se queimadura for muito forte, vaselina ajuda.

No entanto, para não restar dúvidas sobre o que mais pode ser feito, o ideal é entrar em contato com o médico para receber recomendações.

Veja também: Posso usar esfoliante na gravidez?

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Grávida pode tomar sol? - Recomendações sérias, recomendamos que entre na nossa categoria de Saúde Familiar.

Referências
  1. www.elsevier.com/connect/children-born-in-summer-are-more-likely-to-be-healthy-adults

Escrever comentário sobre Grávida pode tomar sol? - Recomendações sérias

O que lhe pareceu o artigo?

Grávida pode tomar sol? - Recomendações sérias
Imagem: purepeople.com.br
Grávida pode tomar sol? - Recomendações sérias

Voltar ao topo da página