Partilhar

O que acontece se eu tomar ibuprofeno e beber álcool?

Por Sara Viega. Atualizado: 22 agosto 2018
O que acontece se eu tomar ibuprofeno e beber álcool?

Álcool e medicamentos não costumam ser uma boa junção, o que pode acontecer por diversos fatores, alguns remédios têm sua ação potencializada ou cortada devido ao álcool e outros podem causar mal estar estomacal, visto que ambos agridem o estômago. Apesar disso, o álcool é algo muito utilizado de forma social, então é bem difícil conseguir manter um tratamento de diversos dias ou semanas se cogitar a possibilidade de beber, por isso é frequente que se pergunte: o que acontece se eu tomar Ibuprofeno e beber álcool? Para saber a resposta dessa questão e de outras relacionadas, leia este artigo do umCOMO.

Também lhe pode interessar: Como tomar Ibuprofeno

Quais são as consequências negativas de se misturar ibuprofeno e álcool?

Em primeiro lugar, é importante destacar que os medicamentos e o álcool não são bons amigos, já que o consumo de ambos ao mesmo tempo pode ter consequências graves para a saúde humana, o álcool interage com uma grande quantidade de fármacos e pode provocar efeitos adversos.

No caso do ibuprofeno, seu consumo misturado com bebidas alcoólicas pode gerar incômodos gástricos já que aumentam as pequenas lesões que os anti-inflamatórios provocam na mucosa gástrica, por isso é recomendado evitar o consumo de álcool durante os tratamentos prolongados com ibuprofeno, já que pode chegar a causar hemorragias gastrointestinais ou até dilacerações e perfurações do estômago.

Vale dizer que em casos muito pontuais quando somente um único ibuprofeno foi ingerido, a ingestão moderada de bebidas alcoólicas não terá consequências graves para o organismo. Ainda assim, a combinação de álcool e ibuprofeno não deve ser convertida em algo habitual, sendo assim, apesar dos possíveis danos causados no estômago, se você estiver tomando ibuprofeno por um período curto para tratar de algo momentâneo, não tenha medo, apenas evitar beber e tomar o medicamento com o estômago vazio.

Quantas horas depois de beber posso tomar remédio?

Não existe uma resposta certa para essa pergunta visto que o tempo que se deve esperar para poder ingerir bebidas alcoólicas após tomar remédios depende muito da medicação, veja abaixo uma lista de remédios que não podem ser misturados com álcool imediatamente e também o tempo que se deve esperar após a ingestão de cada um deles:

  • Analgésicos e anti-inflamatórios: Medicamentos como a Dipirona e o Paracetamol, quando misturados com álcool não cortam o efeito do remédio, entretanto, são medicamentos metabolizados por enzimas do fígado assim como o álcool, por isso mesmo beber em grandes quantidades acarreta em doenças do fígado, além disso, tais medicamentos e o álcool, assim como o Ibuprofeno, quando misturados podem gerar dores estomacais e, se mantidos por muito tempo, até mesmo causas gastrite e úlcera. Como esses remédios são muito utilizados, acabam sendo vistos por todos como algo inofensivo e muitos pensam que não há consequências em tomá-los como auto-medicação e acabam ingerindo álcool sem antes consultar os possíveis resultados negativos. Pode beber cerveja tomando anti-inflamatório e outras bebidas alcoólicas, mas o ideal é que se espere ao menos 8 horas e, se você se pergunta quanto tempo depois de tomar ibuprofeno posso beber, saiba que esse medicamente se enquadra nessa categoria, sendo assim, espere ao menos 8 horas.
  • Ansiolíticos: São remédios tarja preta que servem para tratamento de ansiedade e Síndrome do Pânico, bebidas alcoólicas aumentam os efeitos desses remédios e podem fazer com que você relaxe a ponto de apagar e ter dificuldade em se movimentar ainda que de forma simples. O mais comum entre esses remédios é o Clonazepam, também chamado de Rivotril, para saber mais veja para que ser o Rivotril. Se você faz uso desse tipo de medicamento, espere ao menos 8 horas para evitar esse tipo de efeitos colaterais e se você está tomando um ansiolítico sem ter sido receitado, pare imediatamente pois o uso desses remédios não pode ser feito sem acompanhamento médico e veja aqui 10 opções de ansiolíticos naturais.
  • Antibióticos: Os antibióticos são também metabolizados por enzinas do fígado, o que significa que a mistura deles com álcool pode sobrecarregar o órgão e fazer com que o efeito do remédio seja cortado ou reduzido, atrapalhando o tratamento de sua infecção ou até mesmo piorando a infecção original. No caso de antibióticos o ideal é que se espere ao menos 12 horas. Para saber mais sobre as consequências dessa mistura veja: posso beber tomando antibiótico?
  • Antialérgicos: Anti-histamínicos especificamente são conhecido por dor sono, tanto que por vezes são evitados pelas manhãs mesmo em crises alérgicas complicadas, além disso, também deixam a gente meio devagar, pensando lento e quando misturados com álcool podem fazer com que esses efeitos sejam aumentados e a pessoa pode "apagar".
  • Antidepressivos: O álcool misturado com antidepressivos pode cortar o efeito dos remédios e fazer com que a pessoa tenha uma crise de depressão, além disso, quando se está alcoolizado a pessoa não costuma pensar de forma muito racional e essa mistura pode gerar consequências irreversíveis. Em caso do uso de antidepressivos, é necessário esperar 8 horas após a ingestão do remédio para que se possa fazer uso de bebidas alcoólicas.
  • Remédios para pressão: O álcool não costuma cortar o efeito de remédios para hipertensão por interagir com os medicamentos, porém pode muito facilmente aumentar a pressão arterial causando uma crise hipertensiva o que, isoladamente, não pode ser letal, mas quando ocorre com frequência pode levar o paciente a ter infarto do miocárdio ou AVC. No caso de pessoas com pressão alta, o ideal é jamais ingerir álcool justamente por ser essa uma substância que aumenta a pressão arterial, além de manter uma dieta com pouco sal.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a O que acontece se eu tomar ibuprofeno e beber álcool?, recomendamos que entre na nossa categoria de Medicamentos e Suplementos.

Escrever comentário sobre O que acontece se eu tomar ibuprofeno e beber álcool?

O que lhe pareceu o artigo?
6 comentários
A sua avaliação:
Fernando
Ótima publicação, serviu inclusive para ter uma ideia de outros anti-inflamatórios. Sendo assim vou tomar uma hoje porque já vi que não mata kkk
fernanda martins
tomei um ipofreno as 11:00 da manha e tomei cerveja as 22:00 hohoras pk esqueçi e to com muiiito medo.
Carla
O que acontece se ingerir bebida alcoólica com ibuprofeno depois de uma semana de cirurgia retirada útero?
Dr. Augusto Castelo Branco
tá viva?
Jucicleide
Tomei 1comprimido fui ao aniversário da cunhada la insistiram pra eu beber acabei tomando uma dose de água ardente mas ela tinha plantas medicinais dentro... Será que me fará mau?
Helio missicano
Acho que corta a reação
Rosa Maria Pereira
Sou alérgica ao Diclofenaco , Dipirona e ácido acetil salicílico. Posso tomar o Ibuprofeno , Como Anti-inflamatório e dor nas costas?
Sara Viega (Editor/a de umCOMO)
Olá Rosa, o Ibuprofeno não contém nenhum desses ingredientes, por isso à partida pode tomar Ibuprofeno sem problema. Nesse link pode ver como tomar Ibuprofeno: http://saude.umcomo.com.br/articulo/como-tomar-ibuprofeno-10962.html Obrigada pelo seu comentário e continue a acompanhar-nos! ;)

O que acontece se eu tomar ibuprofeno e beber álcool?
O que acontece se eu tomar ibuprofeno e beber álcool?

Voltar ao topo da página