Partilhar

Por que a barriga ronca quando estamos com fome?

 
Por Julia Latorre, Editora. 13 fevereiro 2017
Por que a barriga ronca quando estamos com fome?

O corpo humano dá sinais através de manifestações de todo o tipo. Uma delas é a sonora, como por exemplo, barriga roncando. A situação mais comum para os barulhos na barriga soarem é quando estamos com fome. Tem muita gente que se sente extremamento constrangido quando o estômago se pronuncia em alto e bom som e, em muitos casos, em situações como reuniões ou ambientes silenciosos onde todos podem escutar. Não é por acaso que o nosso estômago faz barulho quando precisa de comida. Para te responder "Por que a barriga ronca quando estamos com fome?", o umCOMO reuniu informações sobre o tema.

Também lhe pode interessar: Como evitar os barulhos na barriga

É verdade que a fome faz a barriga roncar?

A principal razão para a barriga roncar se dá por uma movimentação de bolhas de ar e líquido no trato gastrointestinal, mais especificamente no estômago. Essas bolhas podem se formar com a ingestão de ar enquanto estamos comendo ou por certos alimentos que são mais propensos a causar gases.

Esse ruído pode aparecer a qualquer momento. Mas, o que acontece é que quando temos pouco alimento no estômago, ou seja, devemos estar com fome, sobra muito mais espaço para as bolhas se propagarem e se movimentarem.

Outro causador do barulho quando ingerimos pouca comida são os movimentos peristálticos, que são os movimentos involuntários do estômago para fazer a digestão, limpar o organismo e preparar a barriga para a próxima refeição. Tal movimentação é impulsionada principalmente pela musculatura lisa e também pode causar o ruído conhecido como "ronco".

Para acentuar ainda mais o barulhão dos famintos, as paredes do abdômen funcionam como uma espécie de amplificador de som. Sendo que nas pessoas mais magras isso pode soar mais alto pela sua camada de gordura ser menor.

Outras situações em que a barriga ronca

Quando a fome é o único motivo de a barriga roncar, não há muito com o que se preocupar em termos de saúde. Entretanto, existem outras razões e alguns sinais aos quais você deve ficar de olho para ter certeza que o bem estar do seu aparelho digestivo não está prejudicado.

É comum que algumas pessoas escutem o ruído também no momento da digestão, já que o ar pode ser ingerido junto com os alimentos e bebida e causar barulho enquanto passam pelo tubo digestivo. Esse tipo de ruído tem nome: borborigmo.

O borborigmo também pode estar associado à indigestão de algum alimento e a formação de gases intestinais. E em casos mais acentuados pode vir acompanhado de dor abdominal, queimação e inchaço.

A gastroenterite é uma inflamação do intestino e estômago que também pode fazer a barriga roncar acompanhada de sintomas como diarreia, dor abdominal, vômito e enjoo. Outra possibilidade é a prisão de ventre, quando os ruídos podem surgir devido à dificuldade de o intestino realizar os movimentos por falta de água e fibras.

Dentre os sintomas da Síndrome do Intestino Irritável, um distúrbio intestinal que combina uma série de fatores que aumentam a sensibilidade do intestino, está o ronco e a vontade de ir ao banheiro muitas vezes por dia.

Outra possibilidade, são alergias a algum tipo de comida ou a ingestão de alimentos com bactérias, já que elas liberam ar durante a ingestão e podem causar os ruídos.

Por que a barriga ronca quando estamos com fome? - Outras situações em que a barriga ronca

Como prevenir os roncos no estômago

Nos casos citados anteriormente que estão relacionados a problemas e disfunções, o melhor a se fazer é procurar um médico para confirmar o diagnóstico e receber o tratamento adequado. No entanto, apesar de os ruídos estomacais serem algo natural em situações de fome e digestão, eles podem ser amenizados e prevenidos com alguns cuidados:

  • Não passe muitas horas em jejum: esse hábito contribui para a formação de gases e deixa mais espaço livre para que as bolhas de ar se movimentem e façam mais barulho. O ideal é comer algo leve a cada 3 horas.
  • Coma devagar: pessoas que comem e bebem muito rápido têm uma maior tendência ao borborigmo pois acabam ingerindo e engolindo mais ar junto com os alimentos.
  • Mastigue bem os alimentos: assim a comida se mistura melhor aos líquidos e evita os gases.
  • Se você tem tendência a gases, coma com moderação os alimentos que causam gases.
  • Tome muita água para manter o seu organismo hidratado e assim estabilizar o nível de acidez no estômago.
  • Beba chá de gengibre: ele tem propriedades naturais que reduz problemas estomacais e estimula a eliminação de gases.
Por que a barriga ronca quando estamos com fome? - Como prevenir os roncos no estômago

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Por que a barriga ronca quando estamos com fome?, recomendamos que entre na nossa categoria de Doenças e Efeitos Secundários.

Escrever comentário sobre Por que a barriga ronca quando estamos com fome?

O que lhe pareceu o artigo?

Por que a barriga ronca quando estamos com fome?
1 de 3
Por que a barriga ronca quando estamos com fome?

Voltar ao topo da página