menu
Partilhar

Faz mal beber muita água?

 
Por Redação umCOMO. 13 novembro 2021
Faz mal beber muita água?

A hidratação é essencial para o correto funcionamento do organismo. São muitos os benefícios de beber água, porque ingeri-la em quantidades suficientes faz com que seja possível regular a temperatura corporal, eliminar toxinas e favorecer o trânsito intestinal, entre muitos outros pontos positivos. Sabemos que a água é fundamental para a própria vida e que evitar a desidratação é indispensável para manter a saúde, mas o que acontece se você beber muita água? Faz mal beber muita água?

Conscientes sobre a importância de proporcionar uma boa hidratação, são muitas as pessoas que bebem água constantemente e se "obrigam" a tomar um gole de tempos em tempos, por exemplo, enquanto trabalham. Nestes casos, nos quais a ingestão de água, com ou sem sede, é quase um costume, cabe se perguntar se existe o perigo de uma hiper-hidratação. Se você se preocupa em saber se está bebendo muita água, neste artigo do umCOMO analisamos a que consequências essa situação pode levar e te explicamos quais são os sintomas de beber muita água.

Também lhe pode interessar: Beber muita água faz mal?

Problemas digestivos

Náuseas, vômitos ou diarreias podem ser sintomas de ingestão de uma quantidade excessiva de líquidos, sobretudo ao beber muita água de uma vez. Pode acontecer, por exemplo, ao tomar uma grande quantidade de água depois de uma atividade física intensa. Embora a água seja necessária para recuperar os níveis hídricos corretos depois do exercício, tomá-la em grandes quantidades e com avidez pode fazer com que ela caia mal, seja quando estiver de estômago vazio, seja quando estiver em processo de digestão.

Fadiga e dores de cabeça

Esses são dois sintomas frequentes quando o organismo está experimentando uma forte desidratação, mas também podem indicar o contrário, ou seja, uma hiper-hidratação. Na verdade, essas são algumas das manifestações de uma doença chama hiponatremia, que, como define o Instituto Nacional de Saúde (National Institute of Health de Estados Unidos - NIH[1]), é uma condição que acontece quando os níveis de sódio no sangue estão abaixo do normal.

O sódio é um mineral (eletrólito) que regula o equilíbrio dos líquidos do organismo. A ingestão desmedida de água pode fazer com que ele seja diluído em excesso na corrente sanguínea (plasma) e que, buscando precisamente esse equilíbrio entre as células e os líquidos que as rodeiam, esses líquidos "excedentes" acabem penetrando o interior das células e provocando um anormal e perigoso aumento de seu tamanho, que pode derivar em diferentes problemas de saúde, alguns muito graves. O cansaço, a fadiga e as dores de cabeça devido ao inchaço das células cerebrais, que são pressionadas pelos ossos cranianos, podem ser sintomas desse desequilíbrio no organismo.

Faz mal beber muita água? - Fadiga e dores de cabeça

Debilidade e cãibras musculares

A debilidade muscular e as cãibras podem ser outro sintoma que indica que beber água em excesso faz mal. O motivo é o mesmo: a hiponatremia, que também pode afetar às células que formam os tecidos musculares e inchá-las ou fazer com que elas aumentem de tamanho. Portanto, da mesma forma que pode nos dar dor de cabeça, pode produzir problemas nos músculos, debilidade e algumas cãibras.

Tomar muita água faz mal para os rins?

Os rins são os principais encarregados de filtrar os líquidos no nosso organismo para eliminar toxinas e substâncias residuais através da urina. Beber líquidos em quantidades suficientes é fundamental para o seu bom funcionamento, mas beber muita água pode ser ruim para os rins, já que, o excesso de trabalho de filtragem ao que serão submetidos, poderia provocar reações adversas, entre elas a retenção de líquidos ou a situação de cansaço permanente e que parece inexplicável. De fato, as pessoas que têm algum grau de insuficiência renal devem ter sua ingestão diária de líquidos perfeitamente controlada.

Se você sente dor nessa zona, pode ser por conta disso, mas há muitos outros motivos que podem estar te provocando essa dor em graus diferentes. Aqui você pode entender melhor sobre Por que meus rins doem.

Faz mal beber muita água? - Tomar muita água faz mal para os rins?

Alterações no sistema urinário

Não somente os rins podem sofrer problemas se você beber muita água, na verdade, o sistema urinário em geral pode ser afetado pela ingestão desproporcional de água. É normal urinar com uma frequência maior se tomamos muitos líquidos, mas quando as quantidades são anormalmente altas, pode acontecer de o sistema urinário não conseguir eliminar tanto volume assim e que problemas de retenção de líquidos e de toxinas surjam. Além disso, a necessidade excessivamente frequente de urinar pode trazer outros problemas, como a insônia, quando a ação do hormônio ADH, que controla essa função básica do organismo, é alterada.

Aumento da pressão arterial

O aumento do volume no fluxo sanguíneo também poderia, em casos extremos, chegar a aumentar a pressão que o sangue exerce nas veias e artérias, podendo, inclusive, afetar a função cardíaca, dado que o coração teria que fazer um esforço maior para bombear.

Aqui você pode conhecer Como medir corretamente a pressão arterial para saber se esse é o seu caso ou não.

Retenção de líquidos

Também em casos extremos, a hiper-hidratação poderia provocar acúmulo de líquidos de forma notável, especialmente nas extremidades inferiores e no abdômen, assim como em órgãos vitais, como os pulmões. Como já comentamos, o excesso de água provoca problemas no sistema urinário e, como não consegue eliminar uma quantidade de líquidos suficiente, ele vai acumulando.

Por exemplo, se você percebe que seus pés, tornozelos e pernas estão com edema ou inchaço, há uma retenção de líquidos na área, e pode se tratar desse problema ou de outras possíveis causas, já que esse é um sintoma presente em uma variedade de doenças.

Qual a quantidade de água que devemos beber por dia

É importante frisar que os sintomas e efeitos descritos até aqui referem-se a uma ingestão elevada de água e outros líquidos, que poderia desencadear hiponatremia, especialmente se sofrem de doenças prévias que facilitem ou agravem a situação. A questão é determinar a quantidade de água que é aconselhada para nos mantermos hidratados, mas evitando riscos, tanto por falta ou por excesso de líquidos.

Embora tenha sido dito que o ideal é tomar uns 2 litros de água por dia, na verdade, não existe uma fórmula que determine a quantidade exata indicada porque cada pessoa tem necessidades específicas. O peso, a idade e a atividade física que é praticada, ou inclusive as condições meteorológicas (se está mais ou menos calor), são alguns dos aspectos que deve-se levar em consideração na hora de estabelecer tais quantidades.

Ainda assim, a Organização Mundial de Saúde (OMS)[2]estabelece como referência uma ingestão aproximadamente entre 1,5 e 2 litros de água por dia, tanto de água propriamente dita, como de outros líquidos que distintos alimentos nos proporcionam, como as frutas e também outras bebidas, como infusões ou sucos, já que sua composição contêm bastante água.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento médico nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a recorrer a um médico no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Faz mal beber muita água?, recomendamos que entre na nossa categoria de Vida Saudável.

Referências
  1. National Institute of Health (NIH) of USA. Biblioteca Nacional de Medicina de los EE.UU. Nivel bajo de sodio en sangre: MedlinePlus enciclopedia médica. Disponible en: https://medlineplus.gov/spanish/ency/article/000394.htm
  2. Organización Mundial de la Salud OMS (who.int). Disponible en: https://www.who.int/es

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?

Faz mal beber muita água?
1 de 3
Faz mal beber muita água?

Voltar ao topo da página